Trump diz que o pior está para vir (mas admite aliviar restrições para ir à missa na Páscoa)

Este sábado, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, admitiu que o pior ainda está para vir e que ainda “vai haver muitas mortes”. Depois, disse que está a pensar aliviar as restrições para permitir ir à missa no domingo de Páscoa. 

“Esta vai ser, provavelmente, a semana mais dura. Entre esta e a próxima semana vai haver muitas mortes, infelizmente. Mas menos mortes do que se isto não fosse feito, mas vai haver mortes”, disse Donald Trump no início da conferência de imprensa, citado pelo Observador.

“Todas as decisões que estamos a tomar são para salvar vidas. É a nossa única consideração. Queremos salvar vidas. Queremos perder o mínimo de vidas possível”, disse. Trump disse que o país vai continuar a usar “todos os poderes, todas as autoridades, todos os recursos” para manter a população “saudável e segura”.

Queremos acabar com esta guerra. Temos de voltar ao trabalho. Temos de abrir o nosso país outra vez. Não podemos continuar com isto meses e meses e meses. Temos de abrir o nosso país outra vez. Este país não foi feito para isto. Poucos foram”, disse.

O Presidente dos Estados Unidos criticou ainda “certos meios de comunicação social” por estarem a “espalhar rumores falsos e a criar medo e até pânico nas pessoas”.

Apesar do cenário que se vive nos Estados Unidos, Donald Trump admitiu estar a estudar um eventual levantamento das restrições à liberdade de movimentos durante o período da Páscoa.

“Amanhã é Domingo de Ramos. Pensem nisso. Não vamos às igrejas no Domingo de Ramos. Mas pensem no próximo domingo: Páscoa. Pensei nisto antes, talvez possamos abrir uma exceção para as igrejas. Talvez possamos falar disso. Talvez possamos permitir as missas com uma grande distância, na rua, no domingo de Páscoa. Não sei, é algo de que devíamos falar”, disse, sem deixar claro o que pretende fazer.

Trump revelou ainda que o governo federal vai enviar “alguns” dos dez mil ventiladores que existem armazenados a nível central para Nova Iorque. Ao mesmo tempo, Trump anunciou que deu ordem para que mil elementos das Forças Armadas fossem mobilizados para apoiar nos cuidados de saúde na cidade de Nova Iorque.

Os Estados Unidos registam um total de 301.902 casos de Covid-19 e 8.175 mortes na sequência da infeção. Relativamente aos números de sexta-feira, trata-se de um aumento de 23.949 novos casos e 1.023 mortes nas últimas 24 horas.

Os Estados Unidos são também o país com mais doentes em estado grave, internados em cuidados intensivos, com 8.350 nesta situação.

ZAP //

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Não desejo mal a ninguém , mas alguns “Dirigentes” por o facto de brincarem com coisas serias, mereciam uma pequena lição de parte do nosso inimigo invisível !…. Se tal acontecer , não os vou chorar !

RESPONDER

Iniciativa Liberal quer retirar "carga ideológica" da Constituição

A Iniciativa Liberal vai apresentar um projeto de revisão constitucional com uma primeira parte dedicada a retirar "carga ideológica à Constituição", clarificando, por exemplo, que serviços públicos de saúde e educação podem ser prestados pelo …

Urgência do Hospital Santa Maria está a chegar ao limite

A urgência dedicada aos casos suspeitos de covid-19 do Hospital Santa Maria, em Lisboa, reflete a evolução da pandemia em Portugal com doentes a avolumarem-se à porta para realizar o teste e no interior a …

Novo Banco. BCP garante que não faz "favores a ninguém" ao emprestar dinheiro ao Fundo de Resolução

O presidente executivo do BCP, Miguel Maya, disse ontem que o banco não faz "favores a ninguém" ao entrar no empréstimo de 275 milhões de euros da banca ao Fundo de Resolução, que posteriormente financiará …

Máfia italiana "lavou" milhões de euros ganhos com fundos europeus na Madeira

Uma das mais violentas máfias de Itália, a Società Foggiana, utilizou a Madeira para branquear mais de 16 milhões de euros obtidos com um esquema de burla à União Europeia (UE). Em causa estão fundos comunitários …

Ajudas de custo para professores deslocados ficaram na gaveta (e não estão previstas no OE2021)

O Orçamento de Estado para 2020 (OE2020) previa um programa de ajudas de custo para professores deslocados como incentivo à fixação. No entanto, a medida não avançou. O Jornal de Notícias avança esta sexta-feira que a …

Biden ainda à frente, mas nada está perdido para Trump. A luta pelos "swing states" continua

O dia em que os norte-americanos vão saber quem é o próximo presidente dos EUA está muito próximo. Entres sondagens, parece fácil levantar a ponta do véu. No entanto, é importante não esquecer que não …

Nani entre os candidatos a melhor jogador da época na MLS

O internacional português, capitão dos Orlando City, está entre os 46 jogadores nomeados para o prémio de melhor da época na liga norte-americana de futebol (MLS), anunciou, esta quinta-feira, o organismo. A eleição decorre até 9 …

"Estranho, muito estranho". Ana Gomes comenta morte do marido de Isabel dos Santos e é criticada

O empresário congolês Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos, morreu no Dubai, durante a prática de mergulho. Uma morte prematura aos 48 anos que leva Ana Gomes a comentar o assunto como "estranho", "muito …

Conselho Europeu. Vacinas distribuídas de forma justa e fronteiras não vão fechar

O presidente do Conselho Europeu garantiu, esta quinta-feira, no final de uma videoconferência entre os líderes da União Europeia, que os 27 estão "unidos" para enfrentar a "luta difícil" contra a segunda vaga da covid-19. "A …

Teletrabalho sim, confinamento não. O que vai sair do Conselho de Ministros de sábado

O Conselho de Ministro reúne no próximo sábado para discutir novas medidas para conter a propagação do novo coronavírus e em cima da mesa está o regresso ao teletrabalho e medidas de restrição à circulação. A …