Trump muda de discurso. Próximas duas semanas serão “dolorosas” e podem morrer 100 mil pessoas

Chris Kleponis / EPA

Esta terça-feira, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, falou ao país com um discurso mudado, mais pessimista e alarmista.

Com o número de doentes infetados com covid-19 nos Estados Unidos a superar os 187 mil e as 3.850 mortes, Donald Trump pediu aos norte-americanos para se prepararem para duas semanas “muito, muito dolorosas”.

Os Estados Unidos já ultrapassaram a China no número de infetados e ainda não atingiram o pico previsível, que só deverá chegar nas próximas duas semanas.

“Quero que todos os americanos estejam preparados para os dias difíceis que os esperam. Vamos entrar agora num período de duas semanas muito dolorosas”, disse o Presidente.

No final deste período, que, segundo o Observador, Trump associa ao pico da crise, o Presidente espera que o país possa “ver a luz ao fundo do túnel”.

Donald Trump afirmou ainda que a covid-19 é mesmo “pior” do que a gripe sazonal. “Isto não é uma gripe. Isto é cruel”, disse, depois de ter mencionado o facto de ter um amigo em coma a lutar contra a doença.

Segundo o cenário do médico Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Doenças Infecciosas, a estimativa é de que venham a morrer 100 mil pessoas por covid-19 nos Estados Unidos.

“Devemos estar preparados para este número. Vai ser assim tão elevado? Espero que não, e espero que quanto mais trabalharmos na fase de mitigação, menores são as hipóteses de o número ser tão alto. Mas para ser realista, temos de estar preparados para essa possibilidade”, disse. “Não aceitamos esse número e vamos fazer tudo para o baixar o mais possível”.

O Presidente norte-americano disse que ainda que os Estados Unidos estão preparados, tendo 10 mil ventiladores “retidos” à espera de ser utilizados. Trump garantiu que está a ser feito tudo o que é possível e que não há falta de testes.

Esta é uma mudança clara de tom, dias depois de Donald Trump ter anunciado que gostaria de ver o país voltar à normalidade, com igrejas “cheias a transbordar”, até 12 de abril, domingo de Páscoa.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

Misteriosa cruz de mármore com 1.200 anos encontrada no Paquistão

Uma cruz de mármore foi recentemente descoberta no cimo das montanhas do Baltistão, no Paquistão. Os investigadores acreditam que tem cerca de 1.200 anos e que pode ser um sinal da presença de uma antiga …

Nona Sinfonia de Beethoven revela novos detalhes sobre o cérebro humano

A Nona Sinfonia de Ludwig van Beethoven, 250 anos após a sua criação, ajudou a demonstrar a existência de células conceituais no cérebro. Quase 200 anos depois da morte de Beethoven, a maior obra do músico …

Governo vai suspender devolução dos manuais escolares

O ministro da Educação informou hoje que o Governo vai suspender a devolução de manuais escolares, em curso desde 26 de junho, cumprindo a decisão do parlamento, que aprovou uma proposta nesse sentido. O plenário da …

Cuba prestes a abrir portas ao turismo (exceto aos cubano-americanos)

Depois de fechar as suas fronteiras para os turistas no final de março por causa da pandemia da covid-19, Cuba prepara-se agora para reabrir várias das suas baías ao turismo - mas há algumas exceções. …

Cidade do México enterrou os rios para prevenir doenças, mas a covid-19 resiste e prospera

Na tentativa de evitar a disseminação de doenças como a malária e a cólera, a Cidade do México enterrou os seus rios. Agora, como consequência, criou inadvertidamente as condições necessárias para a covid-19 prosperar. A Cidade …

Descoberto sistema de túneis da I Guerra onde estarão enterrados dezenas de soldados

A Agência do Património da Bélgica anunciou esta semana a descoberta de um sistema de túneis alemão da I Guerra Mundial, onde estarão, muito provavelmente, dezenas de soldados enterrados. Em comunicado, citado pela Russia Today, …

Cinco funcionários da Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia

Cinco funcionários da produtora automóvel Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia, avança o The Washington Post. De acordo com o jornal norte-americano, foram cinco os colaboradores dispensados da …

"Qual o lugar mais seguro?". Costa compara infetados no Reino Unido e Algarve

O primeiro-ministro apresentou hoje uma tabela que mostra o Reino Unido muito acima do Algarve em número de infetados com covid-19 por cem mil habitantes e pergunta qual o lugar mais seguro para umas férias …

Azul anuncia venda de 6% da TAP ao Estado por 10 milhões de euros

A companhia aérea brasileira Azul, de David Neeleman, anunciou hoje a venda de 6% da TAP, no âmbito do acordo anunciado esta quinta-feira entre o Estado e os acionistas privados, que “garante a continuação” da …

NASA cria dispositivo que o avisa para não tocar no rosto (e pode ser reproduzido em casa)

A pensar na pandemia, a NASA desenvolveu o PULSE, um colar vibratório que nos alerta se formos tocar no rosto com as nossas mãos. A pandemia de covid-19 alastrou pelo mundo e, enquanto não chega um …