Trump acredita que a “tortura funciona” e diz ser preciso combater o “fogo com fogo”

Gage Skidmore / Flickr

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump

Na primeira entrevista depois da tomada de posse, no passado dia 20, Trump afirmou que sente “absolutamente” que a tortura funciona e que, no que toca ao terrorismo, é necessário combater o “fogo com fogo”.

Em entrevista à ABC News, a primeira desde que tomou posse como Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump afirmou que fará tudo para “manter o país seguro” relativamente ao terrorismo e que, por isso, não exclui a hipótese de fazer regressar a tortura aos interrogatórios.

O Presidente norte-americano admitiu que vai deixar essa questão para James Mattis, responsável pela Defesa, e para o diretor da CIA, Mike Pompeo, até porque é preciso ver o que pode ser feito “legalmente” nesse sentido. No entanto, o novo chefe de Estado não tem dúvidas. “Se sinto que a tortura funciona? Absolutamente”.

Questionado sobre técnicas como o “waterboarding” (que simula o afogamento), Trump diz não ficar muito preocupado porque, na sua visão, é preciso combater o “fogo com fogo”.

“Quando eles estão a decapitar a nossa gente, quando o fazem porque são cristãs no Médio Oriente, quando o Estado Islâmico faz isso, devo eu sentir-me mal por causa do ‘waterboarding’? Tanto quando sei, devemos combater o fogo com fogo“.

Durante a corrida à Casa Branca, Trump afirmou em campanha que, se fosse eleito, ia analisar a hipótese de fazer regressar este tipo de métodos. Mais tarde, quando já só disputava o lugar com Hillary Clinton, tentou suavizar a sua perspetiva.

“A tortura não vai fazer o tipo de diferença que muita gente julga que faz”, disse na altura.

Estas técnicas de tortura foram muito usadas depois dos atentados de 11 de setembro, algo que acabou por ser banido depois de Bush abandonar a presidência.

Em 2014, um relatório divulgado pelo Senado norte-americano mostrou que estes métodos foram “ineficazes” e que, em nenhum momento, “permitiram recolher informações relativas a ameaças iminentes, tais como informações relativas a hipotéticos ataques bombistas, que muitos consideraram que justificavam tais técnicas”.

Barack Obama considerou também que estas técnicas da CIA eram “contrárias aos valores” dos Estados Unidos e que “prejudicaram fortemente a reputação da América no mundo”.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

Maionese está a salvar tartarugas após derrame de petróleo em Israel

Membros do Centro Nacional de Resgate de Tartarugas Marinhas de Israel estão a usar maionese para limpar as vias respiratórias de tartarugas que inalaram petróleo em alto-mar. Israel fechou este domingo as praias mediterrânicas dias após …

Itália investiga empresas de entrega de comida. Há estafetas tratados "como escravos"

Itália está a investigar as empresas de entrega de comida online, com um promotor a lamentar que os estafetas que fazem as entregas, muitos deles imigrantes, são praticamente tratados "como escravos". Procuradores de Milão avançaram que …

O IONIQ 5 é o novo carro elétrico da Hyundai (e é enorme entre eixos)

O ano 2021 vai ser promissor na apresentação e lançamento de carros elétricos no mercado mundial. Algumas marcas, como a Hyundai, têm produtos prontos para serem comercializados. Agora, a marca sul-coreana apresenta o IONIQ 5. Com …

Em Moscovo, qualquer um pode ser vacinado contra a covid-19 (e até ganha um gelado)

Em Moscovo, capital da Rússia, a vacina Sputnik V está disponível gratuitamente a qualquer pessoa que queira ser vacinada desde 18 de janeiro. Os interessados não precisam de agendar a toma e até ganham um …

As abelhas convenceram-nos de que sabiam matemática. Mas mentiram-nos

O novo estudo não significa necessariamente que as abelhas não entendam números, mas sugere que os animais usam propriedades não numéricas para resolver problemas matemáticos. Vários estudos convenceram-nos de que as abelhas são pequenos génios matemáticos: …

Liam Thorpe era prioritário na vacinação contra a covid-19 por ter 6,2 cm. Foi um erro

Liam Thorp, um homem de 32 anos sem comorbilidades, foi incorporado na lista de cidadãos prioritários para a vacinação contra a covid-19 no Reino Unido. Tudo por causa de um erro no sistema, que o registou …

Decisão de Lyon de retirar carne das ementas escolares gera protestos em França

A decisão temporária do presidente da Câmara de Lyon, membro do partido Europa Ecologia - Os Verdes, está a ser recebida com protestos em França. De acordo com o jornal The Guardian, Grégory Doucet decidiu retirar …

Roma 3-1 SC Braga | Minhotos despedem-se na Cidade Eterna

Portugal está sem equipas na Liga Europa 2020/21. O Sporting de Braga deslocou-se a Roma e perdeu por 3-1, terminando a eliminatória dos 16 avos-de-final com um agregado de 5-1, após a derrota por 2-0 …

Desenhe o seu próprio icebergue. Um site diz-lhe se flutua ou se vira

Joshua Tauberer criou um simulador de icebergues com o objetivo de demonstrar que a glacióloga Megan Thompson-Munson estava certa. "Um icebergue alongado não flutuaria de cabeça, mas de lado", disse a especialista na semana passada. A …

Divulgados vídeos que sugerem como poderão ser os primeiros óculos de Realidade Aumentada da Samsung

A Samsung tem falado de óculos de Realidade Aumentada (RA) há anos, tendo recentemente lançado um conjunto básico de óculos de projeção de imagem no palco CES 2020. Porém, nunca tinha sido visto a empresa …