“Troco todo o mundo da segurança”. Moro apresenta vídeo que prova pressões de Bolsonaro

Isac Nóbrega / PR

O presidente do Brasil Jair Bolsonaro, com o ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro

“Não vou esperar f**** alguém da minha família. Troco todo o mundo da segurança. Troco o chefe. Troco o ministro”, afirmou o Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, durante uma reunião com o então ministro da Justiça, Sérgio Moro, a 22 de abril, revelou o portal de notícias G1.

Segundo referiu o Expresso, Moro disse às autoridade que o vídeo era a principal prova de que sofria pressões de Bolsonaro, enquanto ministro, e que o Presidente interferia na Polícia Federal. O Governo, apontou a publicação, tardou a cumprir a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de permitir o visionamento do vídeo.

Entretanto, o ex-superintendente da Polícia Federal do Rio de Janeiro, Carlos Henrique Oliveira, confirmou na quarta-feira que um dos filhos do Presidente foi investigado. No depoimento à Justiça, a que o Globo teve acesso, afirmou ter “conhecimento de uma investigação no âmbito eleitoral”, embora não tenha “havido indiciamento”.

Estas declarações do ex-superintendente, afastado na semana passada da Polícia Federal do Rio de Janeiro, contrariam Bolsonaro, que na véspera declarará à imprensa que “a Polícia Federal nunca investigou ninguém” da sua família. Carlos Henrique Oliveira indicou que nunca recebeu qualquer pedido de Bolsonaro em relação às investigações em curso.

O ex-superintendente prestou depoimento numa investigação solicitada pela Procuradoria-Geral da República, sob a supervisão do STF, sobre a alegada interferência política na Polícia Federal por parte de Bolsonaro.

O Globo revelou ainda o senador Flávio Bolsonaro, filho do Presidente, era investigado num inquérito em curso na Superintendência da Polícia Federal do Rio de Janeiro sobre um alegado branqueamento de capitais e falsidade ideológica eleitoral, investigação que a Polícia arquivou em março.

Senado Federal / Flickr

O senador Flávio Bolsonaro, filho do Presidente brasileiro Jair Bolsonaro

O depoimento de Carlos Henrique Oliveira e de outros membros da Polícia e do Executivo foi determinado pelo STF, após as declarações de Moro que, em 24 de abril, pediu a demissão do cargo ministerial e acusou Bolsonaro de interferir na Polícia Federal, na sequência da demissão do ex-chefe Maurício Valeixo sem motivo aparente.

“O Presidente disse-me, mais de uma vez, expressamente, que queria ter uma pessoa do contacto pessoal dele [para quem] ele pudesse ligar, [de quem] ele pudesse colher informações, [com quem] ele pudesse colher relatórios de inteligência. Seja o diretor [da Polícia Federal], seja um superintendente”, declarou, na altura, Moro.

O antigo ministro referiu que Bolsonaro queria interferir na Polícia Federal por estar preocupado com investigações em curso no STF que podiam envolver os filhos ou aliados políticos. No início do mês, Moro denunciou que Bolsonaro queria controlar a Polícia Federal do Rio de Janeiro através da indicação de um novo superintendente para aquele departamento. “Moro, você tem 27 superintendências. Eu quero apenas uma, a do Rio de Janeiro”, terá dito Bolsonaro ao seu então ministro, no relato deste.

Segundo Moro, a “pressão” para substituir o superintendente da Polícia Federal do Rio de Janeiro começou no final de agosto de 2019 e cresceu até há algumas semanas, quando o mandatário lhe disse que poderia ser demitido caso não aceitasse essa alteração.

No depoimento de Carlos Henrique Oliveira ficou ainda registado que a sua indicação para o cargo de superintendente no Rio de Janeiro demorou a ser confirmada porque Bolsonaro queria nomear outra pessoa.

“Houve uma demora na nomeação do depoente para esse cargo pois, na época, houve uma manifestação pública do Presidente, Jair Bolsonaro, noticiada na imprensa, no sentido que ele, o Presidente, desejava que outro delegado assumisse o cargo de superintendente no Rio de Janeiro”, revela o documento a que o Globo teve acesso.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Bem eu acho que ele enquanto ele trabalhava pro presidente, ele tinha de ter um certo compromisso, é o mesmo que se aplica a qualquer pessoa em qualquer empresa.

    Eu acho que isso é espionagem que essa pessoa fez ali, sabendo que o local é privado e grava ou vaza conversa isso é caso de segurança nacional, e essa pessoa tinha arcar criminalmente por isso.

    E fora espionagem ele sabendo de tudo e se manteve no emprego durante todo esse tempo, ele é no minimo conivente com erro, ou melhor dizendo ele é comparsa, e deve arcar com isso também.

    Só que essa pessoa é esperta pelas profissões que já teve, já conhece todas manobras

    E se ele fosse uma grande pessoa, ele não deveria ter solto pra todos, e sim pro ministro da justiça, sendo que a pandemia era o principal problema, ele colocou mais fogo no pais

    Agora ele mesmo fala que tem que mostrar pra todo mundo video, não, tem que mostrar apenas pro ministro da justiça.

    Essa pessoa não é o que aparenta ser não, e muita gente estão caindo nessa conversa fiada dessa pessoa desde do ininicio

    parece ser uma novela, muda os atores, mas o fim a gente já conhece

  2. o pseudo-presidente Bolsonaro foi a melhor prenda que a esquerda no Brasil alguma vez recebeu…

    pobre país, com o tamanho e as riquezas naturais que possui poderia ser uma potência global, infelizmente é completamente desgovernado seja ele pelos ladõres da esquerda seja por estes cromos que se dizem de direita.

    triste sina!

    • Seja pelos ladrões da esquerda, seja pelos ladrões da direita, quer você dizer. Ou quando um gajo da direita rouba e corrompe, dizem que deixou de ser de direita, para exonerar a ideologia? Triste desonestidade intelectual.

    • Será que na dita “Direita Brasileira” existe algum Politico Idóneo, ou só cromos como diz ????… Será, que pura e simplesmente existem supostos Candidatos de ( Esquerda-Direita ou até Independente) a Presidência “Honestos” ???… Se algum existe está ainda por Nascer !

Responder a Itaci Cancelar resposta

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …

Vírus pode ter estado adormecido antes de surgir na China, diz investigador de Oxford

O novo coronavírus pode ter estado adormecido algures no mundo antes de ter surgido na China, defendeu o investigador da Universidade de Oxford, Tom Jefferson, apontando para várias descobertas de amostras do vírus em Espanha, …

Federer sente falta de Wimbledon. "Deu-me tudo"

Roger Federer admitiu sentir a falta de Wimbledon, o torneio do "Grand Slam" que, se não tivesse sido cancelado devido à pandemia de covid-19, estaria a decorrer em Londres. O tenista suíço Roger Federer admitiu, esta …