Todos contra o Chega. Parlamento chumba projeto sobre enriquecimento injustificado

Manuel de Almeida / Lusa

O Parlamento rejeitou projecto de lei de André Ventura sobre enriquecimento injustificado com os votos contra de todos os partidos, exceto do PAN, que se absteve, e da deputada Cristina Rodrigues.

O projeto de lei de alteração do Código Penal para penalizar o enriquecimento ilícito ou injustificado foi esta quarta-feira chumbado no Parlamento com os votos contra de PS, PSD, Bloco de Esquerda, PCP, PEV, CDS-PP, Iniciativa Liberal e da deputada Joacine Katar Moreira. O PAN e a deputada Cristina Rodrigues abstiveram-se.

A iniciativa legislativa teve apenas o voto favorável do proponente e líder do Chega, André Ventura, que tinha solicitado o seu agendamento esta segunda-feira, na altura em que o Parlamento discutia diversos diplomas na área da Justiça e quatro iniciativas do Governo contra a corrupção.

Segundo o Observador, o projeto de lei do Chega pretendia alterar o Código Penal  “definindo o crime de enriquecimento ilícito ou injustificado, clarificando os seus pressupostos objetivos e subjetivos de aplicação, bem como a moldura penal aplicável, distinguindo ainda consoante o agente seja ou não titular de cargo político”.

Na sua intervenção inicial, André Ventura considerou que o enriquecimento ilícito se tornou “numa mancha imensa sobre a sociedade“, dando o exemplo do antigo primeiro-ministro socialista José Sócrates, defendendo que o parlamento hoje tinha “uma oportunidade única” para “finalmente criminalizar enriquecimento ilícito“.

“Esta é uma proposta em muito semelhante ao que de melhor se faz nos países europeus próximos de nós e hoje podemos escolher: ou dar o passo ou voltar a acobardar-nos como sempre”, desafiou André Ventura, qualificando a sua iniciativa como equilibrada.

O presidente do Chega aproveitou ainda para criticar a estratégia do Governo para o combate à corrupção, lamentando que o enriquecimento ilícito fique “fora da equação”, o que “é dar tapete vermelho, via verde e via aberta à corrupção em Portugal”.

Malabarismo parlamentar, truque regimental

No debate que antecedeu a votação da iniciativa do Chega, André Ventura foi acusado pelo deputado José Manuel Pureza, do Bloco de Esquerda, de estar a “fazer um truque”, numa altura em que o tema estava agendado para discussão no parlamento para a próxima sexta-feira.

O Chega sabia desse agendamento e, em vez de por a sua proposta em disputa com todas a outras, fez um truque, marcando para hoje o que vai ser discutido na sexta-feira”, afirmou José Manuel Pureza, citado pelo CM.

O deputado do BE acusou o Chega de “malabarismo parlamentar, truque regimental, jogo político”, e de ser “do pior que o sistema tem“, apresentando uma proposta com “evidentes e grosseiras inconstitucionalidades”.

“Não trouxe resposta nenhuma”, afirmou por seu turno a deputada Cláudia Santos, do PS, que acusa o projeto de lei do Chega de violar a presunção de inocência e o princípio da legalidade criminal.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Depois os Geringonças queixam-se que a extrema direita está a subir nas intenções de voto. Preocupem-se com os migrantes, gatos, gays, cãezinhos, subsídios e menos horas de trabalho para a função pública. Deus queira que apoiem o Kosta, pois com a confusão que os Geringonças estão a criar o tipo vai cair de ppodre. Alguém do PCP ou BE criticou a pouca vergonha do tacho que foi atribuído ao Adão?

  2. Votar na corrupção? Não obrigado.
    No tempo do estado novo quem nomeava os corruptos era o Salazar actualmente, quem os nomeia é o Zé pagode com o voto democrático.

  3. Incrível não se referir nesta notícia que o PCP propõe isto há já 14 anos e sempre foi rejeitado pelo triunvirato da direita clássica: PS, CDS e PSD. Muito mau que esta página omita este dado e prefira dar colo ao desVentura. Depois admirem-se se a extrema direita tem algum poder e comece a perseguir os jornalistas.

RESPONDER

Sondas espaciais com "cunho" português vão passar perto de Vénus

As sondas espaciais europeias Solar Orbiter e BepiColombo, ambas com tecnologia e ciência portuguesas, vão passar perto de Vénus a 9 e 10 de agosto, respetivamente, anunciou esta segunda-feira a Agência Espacial Europeia (ESA). A passagem …

Elvis Presley terá morrido de doenças genéticas (e não por overdose de medicamentos)

Segundo um novo livro de Sally Hoedel, a morte de Elvis Presley estará, afinal, relacionada com o tratamento para doenças congénitas das quais sofria. O cantor norte-americano, que morreu há quase 44 anos, estava fortemente medicado …

A cidade mais populosa de África está a viver em contra-relógio

Os habitantes da Nigéria, o país mais populoso de África, já estão habituados a contornar as inundações anuais que invadem o país. No entanto, este ano a situação saiu fora do controlo, com o principal …

"Pensávamos que a Casa Branca mandava". Biden sob fogo devido ao fim da proibição dos despejos

A inacção de Joe Biden perante o fim das moratórias que proíbem os despejos durante a pandemia está a ser criticada até dentro do próprio Partido Democrata. A moratória federal aos despejos acabou este sábado, para …

Na ausência de Biles, Sunisa Lee coroou-se rainha da ginástica. É a primeira hmong a ganhar ouro

Sunisa Lee chegou a Tóquio com a missão de ajudar os Estados Unidos a garantir o ouro e de garantir a presença em finais individuais de aparelhos. Com o abandono de Biles, tornou-se a estrela …

Presidente afegão culpa retirada “abrupta” dos EUA pelo rápido avanço dos talibãs

O chefe de Estado afegão prometeu vencer o conflito com as milícias talibãs e os Estados Unidos dizem-se prontos a receber mais milhares de refugiados. O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, prometeu esta segunda-feira vencer o …

42% das pessoas em enfermaria no Hospital de são João têm vacinação completa

No Centro Hospitalar de São João (CHSJ), 42% das pessoas internadas em enfermaria e 15% das internadas em unidades de cuidados intensivos tinham a vacinação completa. Segundo os últimos dados da Direção-Geral da Saúde (DGS), apenas …

António Oliveira e uma arbitragem "conveniente"

Athletico Paranaense perdeu novamente no Brasileirão e a equipa de arbitragem ajudou os vencedores, queixou-se o treinador português. O Athletico Paranaense, líder do Brasileirão nas primeiras jornadas, está numa fase negativa: apenas uma vitória nas últimas …

André Ventura - Chega

Autárquicas. Chega concorre sozinho a 220 municípios para avaliar o seu "impacto"

André Ventura anunciou esta segunda-feira que o Chega irá concorrer nas eleições autárquicas a “cerca de 220 municípios” do país, sublinhando que o partido vai a votos sozinho para avaliar o seu “impacto”, mas sem …

Ex-guarda nazi julgado aos 100 anos por cumplicidade em assassinatos

Um homem de 100 anos que supostamente serviu como guarda num campo de concentração nazi será julgado em outubro por cumplicidade no assassinato de mais de 3.500 pessoas durante a Segunda Guerra Mundial, informou a …