Listas da PGR confirmam: há mais material de Tancos desaparecido

Paulo Novais / Lusa

Militares à entrada dos Paióis Nacionais do Polígono Militar de Tancos

As listas do material de guerra roubado em Tancos e recuperado pela PJ Militar, enviadas pela Procuradoria-Geral da República (PGR) no Parlamento, são conta de granadas e explosivos que ainda não foram devolvidos.

Além das munições para pistolas, foram roubados dos paióis de Tancos trinta cargas de explosivos, três granadas ofensivas, duas granadas de gás lacrimogéneo e um disparador e descompressão. Nenhum destes materiais foram devolvidos.

Segundo o Diário de Notícias, a falta está registada nas listas do material de guerra furtado e que foi recuperado pela Polícia Judiciária Militar (PJM) enviadas pela Procuradoria-Geral de República (PGR) à Comissão de Defesa Nacional do Parlamento.

No entanto, a informação que consta nestas listas difere da versão apresentada pelo Exército, segundo o qual apenas 1450 munições de 9mm, para pistolas Glock, não tinham sido recuperadas. Esta discrepância de material já tinha sido alvo de alerta pelo Ministério Público (MP), devido ao risco que o paradeiro desconhecido deste material de guerra representa para a segurança pública.

“As listas enviadas ao parlamento são as mesmas que a PJM cedeu ao MP e há discrepâncias”, garantem fontes envolvidas na investigação criminal, ouvidas pelo DN.

Além disso, as listas dão também informação diferente da que foi declarada pelos responsáveis da Segurança Interna, Serviços de Informações e do Exército, quando foram chamados ao Parlamento. Na altura, garantiram não ter conhecimento de mais material ainda por recuperar. Uma audição em que, segundo o DN, o ex-chefe de Estado-Maior do Exército, Rovisco Duarte, deu informação errada ao parlamento sobre os autos de apreensão do material.

Por iniciativa do CDS, a Comissão de Defesa requereu à PGR que enviasse as duas listas (material roubado e material recuperado) de modo a fazer o cruzamento entre elas. Os centristas ainda não tiveram acesso a esta slistas porque o presidente da Comissão pediu uma “clarificação” à PGR sobre como devem ser manuseados estes documentos, uma vez que se encontram em segredo de justiça.

Segundo as fontes ouvidas pelo semanário, quando acederem às listas, os deputados vão confirmar a discrepância que o MP já tinha assinalado:  30 cargas de corte explosivas, três granadas ofensivas, duas granadas de gás lacrimogéneo e um disparador de descompressão foram roubados dos paióis e não foram devolvidos.

Segundo a lista publicada pelo Ministério da Defesa no relatório “Tancos – Factos e Documentos” , em 28 de junho do ano passado, tinham sido roubadas dos paióis 22 bobines de arame de tropeçar, 1.450 munições de 9 mm, 15 disparadores, 18 granadas de mão de gás lacrimogéneo, 30 granadas de mão de instrução, 120 granadas de mão ofensivas, 44 LAW (arma anti carro), 102 cargas de corte explosivas, 264 velas de explosivo plástico PE-4A, 30,5 lâminas explosivas e 60 iniciadores.

No entanto, há na equipa de investigação quem não descarte a possibilidade de o inventário inicial ter sido mal feito ou mesmo do registo dos paióis não estar rigoroso.

Esta sexta-feira, o Parlamento vota a proposta do CDS para constituir uma comissão de inquérito ao furto de armamento em Tancos, que tem a aprovação garantida com os votos da bancada democrata-cristã, do PS e do PSD e a abstenção do PCP. BE e PEV já disseram que não vão inviabilizar o inquérito.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …