Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla usou donativos para pagar salários

Metade do valor das poupanças da delegação do Algarve, cerca de 35 mil euros, foram levantados pela nova direção da Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla (SPEM) para fazer face às dívidas da instituição.

Para fazer face às dividas da instituição, a nova direção da Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla (SPEM) levantou, no final do ano passado, cerca de metade do valor das poupanças da delegação do Algarve. A notícia é avançada esta segunda-feira pelo jornal Público.

A coordenadora regional Maria de Jesus Bispo, que foi exonerada entretanto, dirigiu uma carta aberta aos amigos e colaboradores da instituição, acusando a atual direção de “delapidação” dos fundos arrecadados ao longo de 15 anos.

Citada pelo Público, Maria de Jesus Bispo justifica a denúncia pública com a necessidade de prestar contas. “Tenho o dever de informar as pessoas que acreditaram em mim, e me ajudaram a arranjar o dinheiro, promovendo várias iniciativas, com o objetivo de ajudar os doentes, dando-lhes melhores condições de vida e de tratamento”, afirmou.

O matutino dá conta de que a conta bancária somava 66.800 euros. Sobre o restante dinheiro, 31.800 euros, foi dada uma ordem de transferência para uma outra conta da direção da instituição, mas o Banco Santander “pediu um parecer jurídico, para saber da legalidade/legitimidade daquela operação”, não tendo sido feito o movimento solicitado num primeiro momento.

Ainda assim, a transferência acabou por ser feita, uma vez que os novos dirigentes demonstraram que tinham legitimidade para movimentar a conta.

Alexandre Guedes da Silva, presidente da Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla, justificou o uso dos 35 mil euros ao jornal. “Foi necessário, no final do ano, usar as reservas que a SPEM tinha para pagar salários. Portanto, trata-se de uma operação normalíssima, não há aqui nada de estranho, está tudo previsto nos estatutos.”

Segundo o responsável, o ano de 2018 “foi muito difícil para todas as IPSS”, por causa da divulgação das suspeitas de irregularidades na gestão da Raríssimas. “Infelizmente, as IPSS dependem muito de donativos e da vontade das pessoas de ajudarem.”

Em relação à acusação de delapidação, Alexandre Guedes da Silva afirma que quem fez a operação bancária “foram as pessoas que legitimamente poderiam fazer a operação – não há delapidação de coisíssima nenhuma”.

Para o responsável, a única “ilegalidade” era “haver pessoas não autorizadas a mexer na conta, entre elas, essa senhora [Maria de Jesus Bispo]. Essa foi uma situação que a anterior direção não conseguiu reverter”.

Numa nota de imprensa, a direção da SPEM adianta que “os montantes movimentados das suas reserva financeiras [angariados no Algarve] serão repostos na íntegra durante este mandato de acordo com a maior taxa de esforço possível (mais rapidez)”, acrescido do pagamentos de juros, com um taxa mínima não inferior à inflação.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. è precisamente por isto que há muito deixei de doar seja a quem fôr, pois apenas serve para alguém ou alguns andarem a viver à grande!Prefiro ajudar os animais que merecem bem mais!!!

RESPONDER

Há 5 anos que aparecem maços de notas nas ruas de uma aldeia inglesa (e ninguém sabe porquê)

Os residentes de uma aldeia inglesa andam a descobrir maços de notas nas ruas desde 2014. Um mistério que, até agora, ninguém conseguiu explicar. Mas há várias teorias e uma envolve o Pai Natal! O dinheiro …

Em 2018, só nove crianças foram colocadas em famílias de acolhimento

Apenas nove crianças tiveram uma medida de proteção em regime de acolhimento familiar em 2018, sendo que quase todas as crianças sinalizadas pelas comissões de menores ficaram na família, a maioria junto dos pais. De acordo …

Militar da GNR diz que droga apreendida na "casinha" era da Juve Leo

Decorreu, esta quinta-feira, a terceira sessão do julgamento da invasão à academia do Sporting, que decorre no tribunal de Monsanto, em Lisboa. O militar da GNR João Oliveira admitiu hoje, em tribunal, que a posse da …

Continental vai acabar com 5500 empregos em todo o mundo até 2028

A alemã Continental vai suprimir 5.500 empregos no mundo até 2028, num contexto de abrandamento conjuntural e de queda da procura por motores a combustão, anunciou esta quarta-feira o fornecedor automóvel germânico. Com o objetivo de …

Tailândia. Exploração sexual de mulheres e crianças denunciados no primeiro discurso do Papa

O Papa Francisco denunciou esta quinta-feira que "mulheres e crianças estão particularmente vulneráveis, violentados e expostos a toda a forma de exploração, escravatura, violência e abuso", na primeira intervenção proferida na Tailândia, um dos destinos …

Forças de segurança ameaçam com nova manifestação a 21 de janeiro

As associações de profissionais da PSP e da GNR que se concentraram junto ao Parlamento, esta quinta-feira, anunciaram um novo protesto para 21 de janeiro, caso o Governo não atenda às suas reivindicações. O anúncio foi feito …

Mortes por cancro do pâncreas duplicaram em Portugal nos últimos 25 anos

As mortes por cancro do pâncreas mais do que duplicaram em Portugal nos últimos 25 anos, correspondendo a um aumento médio anual de 3%, revela um estudo esta quinta-feira divulgado pela Sociedade Portuguesa de Gastrenterologia …

Bebé que foi encontrado no lixo já teve alta hospitalar

O bebé que foi encontrado num ecoponto, perto de Santa Apolónia, em Lisboa, já recebeu alta hospitalar e será agora entregue a uma família de acolhimento. O recém-nascido que foi encontrado num ecoponto, em Lisboa, recebeu …

Procurador-geral de Israel acusa Netanyahu em três casos de corrupção

O primeiro-ministro israelita em funções foi acusado, esta quinta-feira, de fraude, suborno e abuso de confiança em três casos de corrupção. O procurador-geral de Israel, Avichaï Mandelblit, acusou hoje o primeiro-ministro em funções, Benjamin Netanyahu, de …

Burros estão a ser dizimados a nível global (e a culpa é da medicina chinesa)

Cerca de 4,8 milhões de burros são abatidos anualmente por causa de um produto destinado à medicina chinesa: um gelatina com alegados efeitos curativos, feita a partir das peles dos animais. A denúncia é feita pela …