Só 17% dos portugueses diz que abertura das escolas correu mal (e maioria quer teletrabalho obrigatório)

Paulo Novais / Lusa

Uma sondagem da Intercampus feita para o Jornal de Negócios e Correio da Manhã revela que, cerca de um mês depois da reabertura das escolas, 42% dos portugueses entendem que o processo “decorreu de forma positiva”.

O novo ano letivo arrancou entre 14 e 17 de setembro envolto em dúvidas numa altura em que os casos de covid-19 começaram a aumentar novamente. Para a reabertura, as escolas organizaram espaços e horários para manter o distanciamento físico entre os alunos e tornaram obrigatório o uso de máscara para crianças a partir do 5.º ano.

De acordo com uma sondagm da Intercampus feita para o Jornal de Negócios e Correio da Manhã, 42% dos inquiridos consideraram que a reabertura das escolas “decorreu de forma positiva”, 37% responderam “mais ou menos” ou “nem uma coisa nem outra” e 17% achou que correu mal. 5% dos inquiridos disseram não ter opinião.

A 7 de outubro, a DGS tinha identificados 23 surtos em estabelecimentos de ensino, num total de 136 casos positivos. Já a Federação Nacional dos Professores (Fenprof) disse, esta terça-feira, que 330 estabelecimentos escolares têm ou tiveram casos de covid-19, sem explicar se os contágios se deram dentro da escola ou fora dela.

“Não se encontrou nenhuma relação entre a abertura das escolas e o aumento do número de casos. […] O número de casos nas escolas é relativamente limitado… Muitas vezes são casos isolados, pensa-se que a maior parte das vezes foram contraídos na comunidade e não ao contrário, não são os alunos que levam [depois] para a comunidade”, referiu a diretora-geral da Saúde Graça Freitas, na conferência de segunda-feira.

Maioria dos portugueses apoia teletrabalho obrigatório

A mesma sondagem da Intercampus volta-se ainda para o teletrabalho. Segundo o inquérito, a maioria dos portugueses considera que a modalidade do teletrabalho deveria ser uma escolha do trabalhador – e que a entidade empregadora teria de aceitar essa escolha.

Questionados sobre se as empresas “deveriam ser obrigadas a permitir o teletrabalho aos trabalhadores que o podem fazer”, 64% respondeu que sim. Apenas 28% afirmou que não e 7% disse não ter opinião.

Atualmente, o teletrabalho não é obrigatório para as funções que são compatíveis, exceto para os trabalhadores que padeçam de doenças crónicas.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Sou a favor do teletrabalho nas profissões que o permitam (normalmente um trabalho que precise de um telefone computador e impressora e nada mais), não me digam que os professores deveriam estar em teletrabalho, depois quem ficava com os miudos em casa a assistir as aulas espetaculares da RTP mais as ligações fantásticas do zoom e classroom e teams e por ai fora, cheia de falhas? Pessoas que têm trabalhos que não podem fazer em casa? Os professores não sentem seguros!!! e nós pais estamos seguros com os nossos filhos nas escola a conviver com os amigos que não precisam de usar mascara atè aos 9 anos? Quem inventa estas leis contraditórias?? eu tenho um filho que teve leucemia com 3 anos e tinha que usar mascara e ponto final .

RESPONDER

Entrevista: "Demorei 2 anos a aperfeiçoar o meu passe; os miúdos de Timor já jogam lindamente!"

Sara Moreira Silva é a líder da primeira escola de voleibol em Timor-Leste, que vai arrancar em janeiro de 2021. Fica aqui a perspetiva de uma portuguesa que vê muito talento entre os timorenses...que não …

O edifício mais antigo do mundo ainda em funcionamento "mora" em Roma

O Panteão de Roma, o edifício mais antigo desta cidade italiana, continua a ser utilizado nos dias de hoje, cerca de 2.000 anos depois da sua construção. Edificado em meados de 125 a.C sob a …

Da cabeça de javali à perdiz. Historiadores e chefs ensinam a cozinhar pratos medievais

Uma equipa de historiadores e grandes chefs reuniu-se para oferecer um curso online para ensinar os alunos a criar banquetes medievais. Professores da Universidade de Durham e chefs do restaurante Blackfriars criaram o Eat Medieval, que …

The Climate Store. Os preços desta loja sueca variam conforme a pegada ecológica

Os rótulos dos alimentos já indicam o quão bom ou mau um produto é para a nossa saúde, mas e o planeta? Um número crescente de marcas está agora a rotular os seus produtos para …

A cidade-irmã mais famosa de Petra abre finalmente ao público. "Esconde" túmulos amaldiçoados

A cidade de Hegra, localizada nos desertos a norte de Al Ula, no noroeste da Arábia Saudita, vai pela primeira vez abrir ao público, podendo os visitantes explorar agora este local antigo sem quaisquer restrições. …

Falha no Microsoft Excel pode ter levado a mais de 1.500 mortes no Reino Unido

Um erro no Microsoft Excel que eliminou quase 16 mil casos de covid-19 das estatísticas do Reino Unido pode ter levado a mais de 1.500 mortes evitáveis, de acordo com um artigo da Warwick University. Os …

Pessoas com bons hábitos de sono têm menor risco de insuficiência cardíaca

Os padrões de sono saudáveis ​​incluem acordar de manhã cedo, dormir 7 a 8 horas por noite e não ter insónias ou sonolência diurna excessiva. Esta pode ser a receita secreta para evitar insuficiência cardíaca, …

Marcelo quer regras do Natal na próxima semana. E lembra que não há lugar para uma crise política

O Presidente da República defendeu, esta sexta-feira, que as medidas para o fim-de-semana do Natal devem ser conhecidas já na próxima semana. E congratulou-se com o facto de já haver um Orçamento aprovado. Em resposta às questões …

Jogos de guerra ajudaram exércitos a vencer guerras. É uma tradição secular

Alguns jogos de guerra foram utilizados por vários exércitos internacionais para simular conflitos e treinar militares para guerras reais, contou à revista Vice Antoine Bourguilleau, que escreveu recentemente um livro sobre o fenómeno. Estes jogos …

Código da Estrada alterado. Uso do telemóvel ao volante com multas mais pesadas

O uso do telemóvel durante a condução vai passar a ter uma coima entre os 250 e os 1250 euros, segundo as alterações ao Código da Estrada aprovadas, esta sexta-feira, em Conselho de Ministros. "O Conselho …