Sem casos e com a economia em apuros, Coreia do Norte junta-se a corrida à vacina para a covid-19

(cv) Rodong Sinmun

A Coreia do Norte anunciou que se vai juntar à corrida do desenvolvimento de uma vacina para a covid-19, uma competição global que já juntou algumas das melhores mentes médicas e que deverá custar milhares de milhões de euros.

A CNN relata que a Comissão Estatal de Ciência e Tecnologia da Coreia do Norte anunciou que já estão em andamento ensaios clínicos para a candidata nacional e que estão a debater como prosseguir para a terceira fase, que envolve testes em humanos.

Porém, para o resto do mundo, as declarações da Coreia do Norte podem parecer dúbias.

A corrida para desenvolver uma vacina para uma doença que infetou quase 14,5 milhões de pessoas e matou mais de 605 mil em todo o mundo é um desafio tecnológico e científico que deverá custar enormes somas de dinheiro.

Por outro lado, a Coreia do Norte tem um dos sistemas de saúde mais degradados do planeta e conta com a assistência da Organização Mundial da Saúde (OMS) para fornecer vacinas aos seus habitantes há várias décadas.

A questão é: porque é que um país que não registou oficialmente nenhum caso de covid-19 e que tem a economia em apuros gastaria tempo, dinheiro e recurso no desenvolvimento de uma vacina? Segundo a CNN, deverá ser uma combinação de medo genuíno do vírus e uma tentativa de convencer os norte-coreanos de que Kim Jong Un enfrentará o desafio e protegerá o seu povo.

A Coreia do Norte foi um dos primeiros países a ver a covid-19 como uma ameaça séria. A maioria dos especialistas acredita que o seu sistema de saúde seria rapidamente dominado pela pandemia, uma vez que muitas instalações não têm acesso a eletricidade ou água corrente. Medicamentos e outros equipamentos também são escassos.

Além disso, a capacidade de teste parece ser um problema na Coreia do Norte. No início de julho, apenas 922 pessoas num país de 25 milhões tinham sido testadas.

Muitos especialistas duvidam que a Coreia do Norte não tenha casos de covid-19, um vírus altamente infecciosos que poderia facilmente entrar no país sem ser detetado. O país está bem posicionado para impedir que os surtos se espalhem, pois pode aprovar rapidamente o tipo de medidas de bloqueio que outros estados demoraram a adotar, uma vez que é uma ditadura que controla rigorosamente quem entra no país.

A pandemia parece sob controlo na Coreia do Norte. No início do mês, Kim Jong-un disse que os esforços do seu país foram um “sucesso brilhante”, mas alertou os seus funcionários para não serem complacentes, uma vez que a crise global ainda não passou.

Em relação à vacina, não é claro como é que se inclui na estratégia anti-epidemia da Coreia do Norte. Até quarta-feira, havia mais de 140 vacinas candidatas em avaliação pré-clínica e 23 que haviam chegado a ensaios clínicos, de acordo com a OMS. Algumas das gigantes empresas farmacêuticas que apoiam essas vacinas valem mais do que toda a economia da Coreia do Norte.

Financeiramente, a vacina norte-coreana não faz muito sentido. Porém, se se olhar através do prisma do potencial de propaganda, a imagem torna-se bem mais clara.

Durante décadas, a Coreia do Norte foi a metade industrializada tecnologicamente avançada da península coreana devido ao legado da ocupação japonesa. A maioria dos recursos naturais desejados pelos japoneses estava no norte, razão pela qual construíram lá fábricas.

Os media estatais norte-coreanos dão a impressão de que o país se tornou uma potência tecnológica global por causa da liderança da família Kim e da sua ideologia. Em tempos de conflito com a Coreia do Sul e os Estados Unidos, o programa de armas nucleares do Norte será o exemplo mais visível disso. Porém, os media trazem muitas outras histórias sobre conquistas tecnológicas e científicas.

Assim, produzir uma vacina seria uma boa ferramenta de propaganda para um líder cujo mandato se baseia na sua capacidade sobrenatural de proteger o povo coreano.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mais uma pergunta, então se na Coreia do Norte não existem casos do Covid 19, como poderão eles testar e fazer ensaios sobre uma coisa que não têm? Propaganda comunista, e sabe-se lá até quantos não terão morrido já por lá com o vírus e nunca se saberá.

RESPONDER

Leite sem lactose em laboratório (e com a ajuda de membranas de óxido de grafeno)

As membranas de óxido de grafeno (uma forma oxidada do material) têm sido muito estudadas para a dessalinização da água e separação de corantes, mas as suas propriedades podem não ficar por aqui. Uma equipa de …

Cientistas criam material de "auto-reparação" mais resistente do mundo (e é perfeito para ecrãs de telemóveis)

Investigadores do Instituto Indiano de Educação e Investigação Científica (IISER, na sigla em inglês) podem ter encontrado o material perfeito para fazer os ecrãs de smartphones: transparente, resistente e que a capacidade de se "auto-curar" …

"A bitcoin vai criar a paz mundial"

A rainha das moedas digitais, se não construir a paz no planeta, vai ajudar na pacificação entre os seres humanos. É a opinião de Jack Dorsey. É o centro de atenções de muitos investidores, é o …

"Burrolandia". Parque temático de burros no México está a tentar salvar estes animais

Um parque temático de burros no México serve de santuário a estes animais que estão aos poucos a desaparecer no país. "O burro ajudou o homem por muito tempo. É hora de retribuirmos o favor", …

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …

Erupção do vulcão Etna causa problemas económicos na Sicília

Nos últimos meses, o vulcão Etna tem estado em constante erupção e o custo de limpeza das cinzas está a deixar muitas cidades da Sicília à beira da falência. O vulcão Etna – um dos mais …

Argentina cria documento de identidade para pessoas não binárias

O Presidente da Argentina anunciou, esta semana, que o país tem um novo documento de identidade para incluir pessoas não binárias. É o primeiro país da América Latina a fazê-lo. De acordo com o chefe de …

Costa diz que Portugal vai ter "o dobro" de fundos comunitários para investir

O primeiro-ministro afirmou, este sábado, que Portugal vai contar, nos próximos sete anos, com "o dobro" de fundos comunitários para investimento, considerando que esta "é uma oportunidade única" que não pode ser desperdiçada. "Vamos ter a …

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …