Seguranças do Urban acusados de tentativa de homicídio

António Pedro Santos / Lusa

O Ministério Público já avançou com a acusação aos três seguranças que agrediram clientes à porta do Urban Beach: crime de homicídio qualificado na forma tentada.

Seis meses depois das agressões à porta do Urban Beach, em Lisboa, o Ministério Público avançou com a acusação aos três seguranças filmados a agredir clientes à porta da discoteca, escreve o Expresso.

Os seguranças são acusados do crime de homicídio qualificado na forma tentada. “Os arguidos sabiam que a cabeça aloja órgãos vitais e que os ferimentos daí resultantes poderiam determinar a morte dos ofendidos”, refere a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa, citada pelo semanário.

“Um dos arguidos desferiu num dos ofendidos um soco na face que o fez cair ao solo, local onde o atingiu com um golpe de navalha na coxa. Mal este ofendido se levantou o arguido desferiu-lhe nova chapada na cabeça que o fez cair novamente, local onde lhe desferiu um soco e um pontapé na cabeça“, relatam os procuradores Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa.

“Juntou-se-lhe, entretanto, um outro arguido que desferiu também, nesse ofendido, um pontapé na parte de trás da cabeça. O segundo ofendido, pessoa que veio em auxílio do primeiro, quando o levantava do solo, foi projetado ao chão pelo terceiro arguido, que de seguida lhe saltou, de pés juntos, para cima da cabeça, local onde o atingiu (apesar de este ter protegido a cabeça com os braços)”, continuam.

No entanto, os juízes desembargadores consideraram que não se provou pelas imagens que tenha saltado a pés juntos diretamente sobre a cabeça da vítima. Segundo o jornal, pelo menos um dos advogados dos arguidos vai requerer a abertura da instrução, o que vai fazer adiar o prazo para o início do julgamento do caso.

Depois do primeiro interrogatório judicial, dois dos seguranças ficaram em prisão preventiva, tendo passado dias depois para prisão domiciliária com pulseira eletrónica. O outro arguido ficou logo em liberdade, com Termo de Identidade e Residência.

Os três estão proibidos de contactar as vítimas ou os outros arguidos, bem como de exercer a atividade de segurança privada. Têm ainda de se apresentar duas vezes por semana na esquadra mais próxima.

O Urban Beach foi encerrado pelo Ministério da Administração Interna (MAI) mas reabriu em janeiro deste ano, reforçando o sistema de videovigilância e de deteção de incêndios. Já a PSG, empresa para onde trabalhavam os três arguidos, anunciou que iria deixar de se dedicar à segurança de estabelecimentos de diversão noturna.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

EUA apresentam plano de paz para o Médio Oriente já condenado pela Palestina

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, apresenta esta terça-feira o seu plano de paz para o Médio Oriente, após reuniões com líderes israelitas, que poderá estar condenado ao fracasso, perante a rejeição dos …

Vacina chinesa para o coronavírus pode começar a ser testada em menos de 40 dias

A equipa chinesa que trabalha no desenvolvimento de uma vacina para combater o coronavírus de Wuhan disse que espera poder começar os testes em menos de 40 dias, informou a agência estatal Xinhua. Pelo menos 106 …

Netanyahu anuncia retirada da sua imunidade parlamentar

Benjamin Netanyahu retirou o pedido de imunidade ao Parlamento israelita contras as três acusações de que foi alvo em novembro, que envolvem casos de corrupção, fraude e abuso de confiança. O primeiro-ministro de Israel disse, em …

Vitória já tem proposta por Tapsoba (e pode fazer encaixe histórico)

O Vitória de Guimarães recebeu uma proposta por Edmond Tapsoba que pode levar os vimaranenses a abrir mão do jogador. Sabe-se que a proposta recebida ronda os 20 milhões de euros. A notícia avançada esta terça-feira …

Livre exige que património das ex-colónias em museus portugueses seja devolvido

O Livre quer que todo o património das ex-colónias, presente em território português, possa ser restituído pelos países de origem de forma a “descolonizar” museus e monumentos estatais. O partido da papoila quer que o património …

Pedro Sánchez usou helicóptero que procurava homem desaparecido

O primeiro-ministro espanhol requisitou, na passada quinta-feira, um helicóptero que estava a ser utilizado nas operações de busca de um homem de 34 anos que estava desaparecido em Maiorca. De acordo com o jornal espanhol ABC, tratava-se …

Isabel dos Santos contrata advogados de Ronaldo, Meghan e J. K. Rowling

Isabel dos Santos decidiu esta segunda-feira processar o consórcio de jornalistas. Para tal, contratou a mesma firma de advogados que conta com clientes como Cristiano Ronaldo, Harry e Meghan Markle e J. K. Rowling. Depois de …

ERC dá parecer favorável à nova direção de informação da RTP

A Entidade Reguladora para a Comunicação (ERC) deu, esta segunda-feira, "parecer favorável à nova direção de informação da RTP", 20 dias depois de a equipa liderada por António José Teixeira ter sido indigitada. O Conselho Regulador …

OE2020. BE quer fim do regime "aberrante" dos vistos gold

O BE destacou, entre as cerca de 200 propostas de alteração que apresentou ao Orçamento do Estado, o fim do regime dos ‘vistos gold’ e a obrigação de qualquer injeção de capital no Novo Banco …

Após 20 anos de silêncio, sinos e carrilhões de Mafra voltam a tocar

Os sinos e os carrilhões do Palácio de Mafra vão tocar a partir de 1 de fevereiro, após obras de restauro, depois de os primeiros sinais de deterioração surgirem a 11 de setembro de 2001, …