Se as legislativas fossem hoje, ficava tudo (quase) na mesma. Portugueses pedem remodelação do Governo

Mário Cruz / Lusa

Uma sondagem do Centro de Estudos e Sondagens de Opinião da Universidade Católica para a RTP e para o jornal Público revela que, se as eleições legislativas fossem hoje, ficaria tudo quase na mesma.

De acordo com a RTP e o jornal Público, o PS continua a ser o maior partido com 38% das intenções de voto e mais dez pontos percentuais que o PSD.

Em terceiro lugar surge o Bloco de Esquerda com 8%. Se fosse possível juntar a antiga “geringonça”, este bloco teria a maioria absoluta literal (51%), uma vez que a CDU reúne 5% das intenções de voto.

Se a antiga geringonça conseguisse agregar o PAN (3% das intenções de voto), poderia ascender a 54%.

Por outro lado, a sondagem revela a subida em flecha do Chega e da Iniciativa Liberal, a única grande alteração de intenções de voto face a 2019.

O partido liderado por André Ventura surge agora como quarta força política do país, com 6% das intenções de voto, enquanto a a Iniciativa Liberal empata com a CDU, também com 5%.

Quem perde consideravelmente é o CDS-PP, com 3%, menos do que os 4,22% que conseguiu há dois anos. Já o PAN mantém a votação em torno dos 3%.

Assim, mesmo que a direita se juntasse, não passava dos 42%, ficando a 12 pontos da antiga geringonça e PAN.

Em relação à transferência de votos, as principais conclusões prendem-se com a grande dificuldade do CDS-PP em manter o seu eleitorado – 42% dos que votaram no CDS-PP em 2019 admitem repetir a escolha. No outro extremo surge a Iniciativa Liberal, capaz de manter fiéis 71% dos seus eleitores.

No caso do PS, 71% dos eleitores equacionam manter a opção, ao passo que o PSD será capaz de voltar a convencer 60% dos eleitores.

Apesar de a sondagem mostrar que tudo se manteria quase igual se as eleições fossem hoje, 51% dos portugueses defendem uma remodelação do Governo. O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, é o nome mais apontado para abandonar o Executivo.

Além disso, embora a esmagadora maioria defenda que o Governo cumpra o mandato até ao fim, há mais pessoas a preferir que o próximo Orçamento do Estado (OE2022) seja negociado à esquerda, mas sem acordos formais.

Maria Campos, ZAP //

 

 

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Tás-se bem… Tudo na maior.
    Incêndios? Naaaa. Derrocadas em pedreiras? Naaaa. Roubo de armas? Naaa. Proibição de greves? Naaa. Negócio da TAP? Naaa. Novo Banco? Naaa. Procuradores feitos à pressa? Naaaa. Requisições Civis? Naaaa. Confinamentos? Naaaa…
    Que povo mais estranho…
    Arre, que são mesmo masoquistas!!
    Daqui a nada estão a bater com a cabeça na parede e todos felizes!

RESPONDER

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …