O salário médio de um português compra 645 litros de gasolina. O espanhol compra o dobro

Marcelo Camargo / ABr

Com um salário médio, é possível comprar 645 litros de gasolina em Portugal, bastante menos do que podem comprar os habitantes dos países vizinhos nas mesmas condições, mostra um relatório desenvolvido pelo Picodi.

De acordo com o relatório, publicado a 15 de julho e a que o ZAP teve acesso, Portugal ocupa a 28.ª posição do ‘ranking’, estando atrás da Espanha – onde o ordenado médio permite comprar 1126 litros de gasolina -, da França – onde se pode adquirir 1496 litros – e da Itália, onde a população consegue comprar 1219 litros de gasolina com o seu ordenado.

O relatório refere que o preço da gasolina depende de vários fatores: o preço do barril de petróleo no mercado internacional, os impostos e as margens estabelecidas pelos donos de postos de gasolina.

Essas variáveis podem levar a que o valor do litro da gasolina nos pontos de venda possam “mudar da noite para o dia, e, em alguns países, até mesmo em questão de horas ao longo do dia”.

Para desenvolver esta pesquisa – que envolveu mais de 100 países de seis continentes – a equipa do Picodi pesquisou o preço médio da gasolina no primeiro semestre de 2019 e cruzou com os últimos salários líquidos médios nos respetivos países.

Na Europa, a gasolina mais barata pode ser encontrada na Rússia, “muito rica neste recurso natural”. No país, é possível adquirir um litro por somente 0,63 euros. Em contrapartida, na Noruega encontra-se o preço mais caro por litro: 1,70 euros.

“A mais atrativa relação entre preço de gasolina e a média salarial” na Europa está na Suíça e em Luxemburgo, países em que não existem jazigos de petróleo. O salário médio destes países permite comprar, respetivamente, 3388 e 2827 litros de gasolina. O terceiro lugar é ocupado pela Noruega, onde é possível comprar 1989 litros.

Já a Moldávia e a Albânia são os países com a pior relação entre o preço de gasolina e salário médio, onde não é possível comprar nem 300 litros de gasolina.

Numa vertente global, a Venezuela – que enfrenta uma crise política, social e económica – ocupa o primeiro lugar do ‘ranking’, com um litro de gasolina a custar 0.000000002 dólares. Com um salário médio em torno de 29 dólares (cerca de 26 euros), é possível comprar mais de 14 bilhões de litros.

No entanto, segundo o relatório, o verdadeiro líder do ‘ranking’ é o Golfo Pérsico. No Qatar, no Kuwait e nos Emirados Árabes um litro custa entre 0.4 e 0.6 dólares, com o salário médio, é possível comprar entre 4900 e 6500 litros de gasolina.

As altas posições de países como os Estados Unidos (EUA) e o Canadá podem ser explicadas pelos altos salários e pela quantidade de extração de petróleo, enquanto a Suíça e o Luxemburgo mantêm-se altos somente pela remuneração elevada.

Quantidades menores de petróleo podem ser compradas em Madagáscar (42 litros), no Tajiquistão (131 litros) e na Zâmbia (137 litros).

A equipa indica que um exemplo interessante é a Nigéria. Apesar de o país extrair e exportar quantidades consideráveis de petróleo e apresentar os menores preços por litro (0.40 dólares), a média salarial muito baixa, cerca de 201 dólares, não permite que os cidadãos comprem grandes quantidades de gasolina (501 litros).

Para desenvolver este relatório, a equipa do Picodi usou o salário líquido médio segundo dados fornecidos por escritórios oficiais e órgãos nacionais de estatística. Os preços médios do primeiro semestre de 2019 basearam-se em dados do site globalpetrolprices.com.

Para obter o número de litros, dividiu o salário médio pelo preço de médio de um litro de gasolina. Para a conversão de moeda, usou a taxa de câmbio média dos últimos 90 dias.

TP, ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Pois é!
    Continuem a votas neles. cada vez que baixam um imposto aumentam a gasolina e outros bens para compensar.
    Somos comidos todos os dias MAS MERECEMOS PORQUE CONTINUAMOS A VOTAR NELES.

  2. tanto estudo, tanto estudo… qual é a utilidade deste estudo!!!
    Descer o preço da gasolina? caso contrário estudem algo que tenha aplicação prática pois fazer estudos que não acrescentam valor ao N/ dia a dia só serve para pagar “taxos” e favores conforme muito se critica “por aqui”

  3. Isso pouco interessa. Vejam quantas cervejas consegue um Português comprar num bar e quantas é que o espanhol consegue. Ah pois é….

RESPONDER

Cientistas conseguiram manter tecido cerebral de cobaias vivo durante semanas

Cientistas japoneses conseguiram manter partes de tecido cerebral de cobaias vivas e viáveis durante 25 dias, isoladas numa cultura, graças a um novo método. De acordo com o Science Alert, a chave para o sucesso foi …

Arqueólogos descobrem 25 sítios que comprovam presença militar romana no Norte e na Galiza

Investigadores portugueses e galegos descobriram 25 novos sítios no Norte de Portugal e na Galiza que “comprovam arqueologicamente” a presença militar romana nos dois territórios, correspondendo a maioria dos locais a “acampamentos militares”, revelou hoje …

EUA poderão manter alguns efetivos na Síria para proteger poços de petróleo

Os EUA planeiam deixar alguns efetivos no nordeste da Síria para proteger instalações petrolíferas e garantir o combate contra um possível ressurgimento do grupo extremista Estado Islâmico (EI), disse hoje o secretário de Defesa dos …

Polícias realizam manifestação conjunta em Lisboa a 21 de novembro

Elementos da PSP e da GNR realizam a 21 de novembro, em Lisboa, uma manifestação conjunta para exigirem ao novo Governo "a resolução rápida" dos problemas que ficaram por resolver na anterior legislatura. Com o lema …

Sérvia punida por racismo no jogo com Portugal

A UEFA condenou nesta segunda-feira a Sérvia a disputar o próximo jogo da fase de qualificação para o Euro 2020 à porta fechada, por manifestações racistas na partida com Portugal, disputada em Belgrado, que terminou …

Juve Leo lança críticas à direção: Um clube sem rumo e que precisa de bodes expiatórios

Depois de o Sporting rescindir os protocolos com a Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI devido à "escalada de violência" recente, a Juve Leo reagiu em comunicado com duras críticas à direção de …

Um terço dos fogos deste ano tiveram como causa queima e queimadas

Um terço dos incêndios florestais registados este ano e investigados tiveram como causa queimadas e queimas, revela o último relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). O relatório provisório de incêndios rurais, …

De Nova Iorque a Sydney em 19 horas. Avião da Qantas bate recorde

O primeiro voo comercial direto entre as cidades de Nova Iorque e Sydney, com mais de 19 horas, terminou, este domingo, na cidade australiana. O teste realizado pela companhia aérea Qantas faz parte do Project Sunrise, …

Marcelo ficou "muito impressionado" pela destruição do furacão Lorenzo nos Açores

O Presidente da República visitou, este domingo, o porto das Lajes das Flores, que ficou destruído após a passagem do furacão Lorenzo pelos Açores, mostrando-se "muito impressionado" pela destruição "massiva". "Muito impressionado com aquilo que foi …

Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da formação espalhados pela Europa

O Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da sua formação a atuarem nas ligas europeias e o emblema português mais representado nas 'big 5', segundo o observatório de futebol do Centro Internacional de …