Ryanair cobra 4 euros por check in antecipado. “É ilegal”

A cobrança pela Ryanair de 4 euros aos passageiros com voos marcados para esta quarta e quinta-feira e que, por indisponibilidade dos serviços online da companhia, tiveram de fazer check in antecipado “é ilegal”, alerta a Deco.

De acordo com a associação de defesa do consumidor, que vai “denunciar a situação” junto da Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC), os passageiros nestas condições a quem tiver sido cobrado pelo check in devem reclamar junto da Ryanair e reportar o sucedido através da plataforma “Queixas dos Transportes” da Deco.

Em causa está o anúncio feito na segunda-feira pela companhia aérea de que os seus serviços de reserva e check-in online estarão indisponíveis durante um período de 12 horas, entre as 17h00 desta quarta e as 05h00 de quinta-feira, para uma “atualização de sistema”.

A Ryanair disse ter contactado nesse dia “todos os passageiros com viagens marcadas para quarta-feira e quinta-feira por e-mail e por SMS, aconselhando-os a efetuaram o check in online para os seus voos na terça-feira, antes do referido encerramento“.

Contudo, segundo a Deco, “para fazer o check in antecipadamente o consumidor pode ser surpreendido com o pagamento de quatro euros pela escolha de lugar, a única possibilidade disponível para dar seguimento ao check-in naquele momento”.

“Na comunicação que a Ryanair enviou aos passageiros, a companhia alerta para a necessidade de fazer check-in online, sem concretizar a razão da urgência, e que o serviço está indisponível temporariamente”, diz a DECO, acrescentando que “os passageiros são apenas informados de que o check-in no aeroporto implica o pagamento de 55 euros“.

Para a associação de defesa do consumidor, “trata-se de mais uma política inaceitável” da Ryanair, que “penaliza os passageiros, apesar de o constrangimento ser da responsabilidade da companhia“. “A situação impõe informação individualizada e o check in sem custos associados”, remata a associação de defesa do consumidor.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. A Ryanair começou de pantufas a fazer os melhores preços low cost, agora vem de “tamancas” e aplicar custo em tudo que é possível e imaginario. O pessoal devido ás constantes greves já está a evitar esta companhia, daqui a nada nem a usa, depois vai sair de Portugal e depois certamente vai sobrar alguma coisa p/ os portugueses, a culpa de isto tudo ainda vai ser dos contribuintes.

  2. A Ryanair quer lá saber de legalidades ? Eles entendem que todos têm que se vergar ás suas regras. Podem ter sido baratos no começo, mas os extras que vão inventando começam a convencer cada vez menos gente.

  3. Mais uma!…
    Esta empresa mafiosa vem, mais uma vez, comprovar o seu principio de actuação no “mercado”:
    Preços baixos para “estourar” a concorrência, e depois é só começar a cobrar por tudo e mais alguma coisa!…

  4. Por mim já resolvi o problema, vou noutras companhias de low-cost ou em voos normais , que por vezes saem mais barato do que nas low-cost, principalmente quando se leva mais que a malinha de mão…. FAÇAM O MESMO……

  5. Há aqui qualquer coisa que não bate certo. No site da Ryanair consta a seguinte informação:

    “Caso optes por não adquirir um assento, poderás efetuar o check-in 48 horas antes de cada voo de partida e, neste caso, ser-te-á atribuído um lugar aleatório (gratuitamente). Importa recordar que tanto o voo de ida como o voo de regresso devem ocorrer 48 horas antes da partida seguinte para que possas beneficiar de um assento selecionado aleatoriamente. Tens sempre a opção de adquirir um lugar para efetuares o Check-in fora desta janela de 48 horas. O check-in online encerra 2 horas antes da partida prevista do voo.” – https://www.ryanair.com/pt/pt/informacao-util/centro-de-apoio/perguntas-frequentes/Check-in-no-aeroporto-e-on-line#0-3

    Como é que agora uma interrupção de 12h no serviço online vai forçar a compra de um lugar? Isto já parece aquela falsa notícia dos tripulantes que dormiram no chão, que entretanto foi descoberto que foi tudo encenado.
    Nem tudo o que se lê na internet é pura verdade…

Responder a ah Cancelar resposta

Os humanos podem descender de marcianos antigos, diz Bill Nye

Bill Nye defendeu recentemente que é importante continuar a financiar a agência espacial norte-americana, especialmente se as missões levadas a cabo pela NASA no futuro ajudarem a responder a uma questão há anos tira o …

Londres dá o nome de Freddie Mercury a uma rua

Londres rebatizou uma das suas ruas em honra do vocalista dos Queen, Freddie Mercury. A rua em causa fica perto da primeira morada do artista na capital inglesa. Uma rua nos subúrbios de Londres, onde o …

Gil Vicente 0-1 Benfica | Vlachodimos segura liderança

O Benfica regressou às vitórias na Liga NOS e recuperou a liderança na tabela classificativa. Na visita ao Gil Vicente, os “encarnados” ganharam por 1-0, num jogo que foi tudo menos fácil para os campeões nacionais. O …

Exército norte-americano está a desenvolver tecidos que neutralizam agentes nervosos

A roupa das tropas norte-americanas poderá, no futuro, combater alguns dos agentes nervosos mais perigosos do mundo. Uma equipa de químicos da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, está a desenvolver um tecido capaz de neutralizar …

Mona Lisa de cubos mágicos vendida em leilão por 480 mil euros

"Rubik Mona Lisa", uma Mona Lisa feita com quase 300 cubos mágicos, foi vendida em leilão, este domingo, por 480.200 euros. A obra é da autoria do artista francês Invader. A obra de arte, que se …

Cientistas utilizam IA para criar antibiótico que mata até as bactérias mais resistentes

Investigadores norte-americanos utilizaram mecanismos de inteligência artificial para criar um poderoso, capaz de matar algumas das bactérias resistentes mais perigosas do mundo. Segundo informou o Guardian, este fármaco atua de maneira diferente dos antibacterianos existentes, tendo …

Mulheres que assinaram acordos de sigilo vão poder falar sobre comportamento de Bloomberg, garantiu o empresário

Após uma extensa repercussão sobre os acordos de confidencialidade da sua empresa, que impedem as funcionárias de falar sobre as alegações de assédio no local de trabalho, Michael Bloomberg tentou inverter o curso da polémica. "A …

Nome de Vitalino Canas para o Tribunal Constitucional não deverá ser aprovado

O nome de Vitalino Canas para o Tribunal Constitucional não deverá ser aprovado na próxima sexta-feira. PSD e BE mostram-se contra a sua nomeação. Os deputados do PSD “não estão confortáveis” com a proposta do PS …

Amazon está a remover produtos que promovem a cura contra o coronavírus

A Amazon está a retirar os produtos que alegam "matar" o coronavírus e a avisar os utilizadores da desinformação em torno deste tema. Há empresas e vendedores a aproveitarem-se do mediatismo do coronavírus e a promover …

Autoridades revelam que atropelamento em desfile de Carnaval foi intencional

O atropelamento de pelo menos 15 pessoas num desfile de carnaval hoje em Volkmarsen, no centro da Alemanha, foi intencional, segundo a polícia, que não confirmou a hipótese de atentado. Henning Hinn, da diretoria de polícia …