Rui Rio não aceita “vigarices” no pagamento de quotas do PSD

António Pedro Santos / Lusa

O presidente do Partido Social Democrata (PSD), Rui Rio

O presidente do PSD, Rui Rio, recusou esta quarta-feira alterar as regras de pagamento de quotas para “facilitar vigarices” como as que considera que aconteceram no passado, embora admita “aperfeiçoamentos” para militantes com dificuldades em pagar a sua quota.

Em declarações aos jornalistas no parlamento, o recandidato a líder recusou falar sobre o desejo de pelo menos um dos seus adversários – Miguel Pinto Luz – ser convidado para falar no Conselho Nacional de sexta-feira, em Bragança.

Não alimento faitdivers, essa matéria não tem nada a ver comigo, tem a ver com a mesa do Conselho Nacional”, afirmou, remetendo o assunto para Paulo Mota Pinto, que preside a esse órgão, mas que também se tem escusado a fazer declarações sobre o tema.

Já sobre o pagamento de quotas, que alguns apoiantes de outras candidaturas têm dito estar a ser dificultado pelo novo regulamento, Rio foi taxativo.

“Ao longo da minha vida critiquei sempre o que posso considerar as vigarices que aconteceram nas eleições internas: quando há uma, duas ou três pessoas que vão buscar dinheiro não sei aonde e pagam as quotas de 200, 300 ou 300 pessoas. Aqueles que procuram pagar as quotas por atacado isso é para acabar”, assegurou.

Reconhecendo que o novo regulamento – que prevê um código pessoal para cada militante gerado aleatoriamente – “tem a sua complexidade”, o líder do PSD admitiu “aperfeiçoar o sistema” para “facilitar ao máximo” a vida dos militantes que querem pagar a sua própria quota, o que pode passar por diminuir a quantidade de dados necessários para fazer um novo pedido de código ou o encerramento dos cadernos eleitorais o mais tarde possível.

“Para facilitar a vida aos que querem fazer vigarices, para isso não podem contar comigo. Terão de mudar a direção nacional para que se volte àquilo que foi o espetáculo que o PSD deu nos últimos aos inclusive na minha eleição”, afirmou.

Rio evoca estatutos

Questionado se admite, como defendem apoiantes do seu adversário Luís Montenegro, que possam votar todos os militantes, mesmo sem as quotas pagas, Rio começou por invocar os estatutos, mas admitiu até um cenário de primárias, se tal fosse possível legalmente.

“Aquilo que os regulamentos e estatutos dizem é que para eleger ou ser eleito é preciso ter a quota em dia e diz isso há muitos anos, sempre foi assim”, frisou.

O presidente do PSD acrescentou, contudo, que, se a ideia fosse abrir a eleição a todos os militantes, então defenderia que, tal como fez o PS há alguns anos, essa abertura se alargasse também a simpatizantes que se quisessem inscrever para tal.

“Não sei como propor, se alguém tiver uma solução legal para que assim possa acontecer, eu provavelmente serei um apoiante dessa iniciativa”, afirmou, defendendo que tal só deveria acontecer de “longe a longe” e não em todas as eleições diretas.

Questionado se esta abertura a primárias poderia acontecer já na próxima eleição, Rio repetiu que apoiaria a ideia “se houver quem consiga uma solução do ponto de vista regulamentar e estatutário”, ao mesmo tempo que admitiu não ver como tal poderia acontecer, insistindo que os estatutos só podem ser alterados em Congresso.

“Eu teria todo o gosto nisso, há quem diga que a força vem de dentro, a minha força vem de fora, vem dos portugueses. Simplesmente não sei como resolver no plano estatutário e regulamentar”, afirmou, num recado implícito a Luís Montenegro, que utiliza como ‘slogan’ da candidatura “A força vem de dentro”.

Questionado como se pode garantir a isenção do processo entre concelhias mais afetas à direção ou aos seus adversários, Rio referiu que todas têm acesso à listagem dos seus militantes, nada tendo a ver com ser “afeto a A, B ou C”, e assegurou que não iria responder a “mais insinuações” ou provocações, que considerou até insultuosas.

A secretaria-geral vai propor, no Conselho Nacional de sexta-feira, em Bragança, a realização das eleições diretas em 11 de janeiro, com eventual segunda volta uma semana depois, e o congresso entre 7 e 09 de fevereiro, em Viana do Castelo.

Até agora, assumiram-se como candidatos à liderança do PSD o presidente Rui Rio, o antigo líder parlamentar Luís Montenegro e o vice-presidente da Câmara Municipal de Cascais Miguel Pinto Luz.

Rui Rio foi esta quarta-feira eleito foi eleit líder parlamentar do partido com 89,87% dos votos, cargo a que concorria sem oposição.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Estados Unidos vão transformar aeronaves obsoletas em "aviões arsenal"

Os Estados Unidos preparam-se para transformar algumas das suas maiores e mais obsoletas aeronaves em "aviões arsenal", que funcionarão como plataformas repletas de armas, revelaram fontes do Governo norte-americano. Foi em 2016 que esta ideia veio …

Imperador japonês paga 25 milhões de dólares por ritual secreto para dormir com deusa

Este ritual de sucessão do Imperador Naruhito aconteceu na quinta-feira e envolve dormir com uma deusa do Sol. O templo é construído para o efeito e é destruído depois. O ritual japonês altamente secreto conhecido como …

Para entrar nesta praia italiana, vai ser preciso pagar (e nem todos podem entrar)

Aos pés de uma antiga aldeia de pescadores, La Pelosa é uma atração turística muito célebre. Por isso, a autarquia decidiu tomar medidas para a proteger. A famosa praia tem sido uma vítima da erosão natural …

Laurent Simons será o mais novo licenciado do mundo. Tem 9 anos

O belga Laurent Simons tem apenas 9 anos e estás prestes a bater um recorde: em dezembro, deverá tornar-se o mais novo licenciado do mundo. O "menino prodígio", tal como é apontado pelos média internacionais, ingressou …

Preços dos passes Navegante ficam iguais em 2020

Os preços dos passes Navegante vão manter-se iguais em 2020, no âmbito da estratégia de “promoção da utilização dos transportes públicos coletivos”, anunciou esta sexta-feira a Área Metropolitana de Lisboa (AML). “A Área Metropolitana de Lisboa …

Os burros-táxi de Espanha vão ter horários de trabalho, estábulos novos e deixar de carregar turistas de 80 quilos

Os burros táxis são uma atração turística de Mijas, província de Málaga, no sul de Espanha. Agora foram definidas novas regras que têm em conta os direitos e o bem-estar dos animais. O serviço funciona como …

Vai ser preciso "ser-se rico" para visitar a famosa Ilha de Komodo

Em breve, os turistas que queiram visitar a Ilha de Komodo, o famoso lar de mais de 5.000 dragões de Komodo, terão de ser ricos. O aviso é do Governo local indonésio, que chegou mesmo …

Sócrates saúda saída da prisão de Lula. "Sei que estás em festa, pá"

O antigo primeiro-ministro José Sócrates, acusado de corrupção, considerou que a saída da prisão de Lula da Silva representou uma "reentrada no mundo" do ex-chefe de Estado brasileiro, acontecimento em relação ao qual o PS, …

Ministra da Justiça visitou mãe que abandonou bebé no lixo

A mãe que abandonou o bebé no caixote do lixo em Lisboa está bem de saúde e a receber apoio psicológico, constatou a ministra da Justiça, que esta sexta-feira visitou a jovem na cadeia de …

Ex-embaixadora dos EUA na Ucrânia acusa Trump de intimidação

Marie Yovanovitch, antiga embaixadora dos Estados Unidos na Ucrânia, denunciou esta sexta-feira a existência de uma campanha para a descredibilizar levada a cabo por Donald Trump com ajuda de ucranianos, no inquérito para a destituição …