Ronaldo está mesmo de saída (e todos os caminhos vão dar à Juve)

Cristiano Ronaldo já terá dito sim à Juventus e pode protagonizar, nas próximas horas, uma das mais surpreendentes transferências do futebol. O capitão da Selecção Portuguesa terá iniciado conversações com o clube italiano antes do Mundial da Rússia depois de se ter “oferecido” à Vecchia Signora.

Um contrato de quatro anos por 30 milhões de euros líquidos por temporada para Ronaldo e 100 milhões de euros para o Real Madrid. Estes são os números que podem garantir a transferência do craque português para a Juventus, de acordo com dados divulgados pela imprensa espanhola.

O alegado acordo entre Real Madrid e Juventus para a transferência de Ronaldo foi anunciado no programa de televisão “El Chiringuito de Jugones”, de Josep Pedrerol.

A Marca garante que Ronaldo já está à procura de casa em Turim, a cidade da Juventus, há duas semanas.

Mas em Itália, o negócio não é dado como concretizado. La Gazzetta dello Sport fala da possível transferência frisando que “a Juventus embala o grande sonho”. Já o canal de televisão italiano Premium Sport garante que as conversações ainda continuam.

O Premium Sport também assegura que foi Ronaldo que se “ofereceu” à Juventus e que não foi o clube italiano a dar o primeiro passo rumo ao que o canal chama “o negócio do Século”.

O empresário do jogador, Jorge Mendes, e o director desportivo da Juventus, Fabio Paratici, terão começado a discutir os detalhes da transferência ainda antes do Mundial da Rússia, segundo o mesmo canal.

Não é uma questão de dinheiro…

A possível saída de Cristiano Ronaldo do Real Madrid não é de todo surpreendente, e foi antecipada pelo próprio jogador, depois da conquista de mais uma Liga dos Campeões por parte do clube espanhol.

O desgaste na relação entre o jogador e o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, ajuda a explicar o desejo que foi crescendo em Ronaldo de deixar o clube onde chegou há 9 anos, e onde bateu sucessivamente recordes.

O capitão das quinas não se sente valorizado por Florentino, quando carregou tantas vezes a equipa às costas. A obsessão de Florentino pela contratação de Neymar, que trocou o Barcelona pelo Paris Saint-Germain na época passada, terá sido a gota de água na paciência de Ronaldo.

Essa obsessão por Neymar poderá também ajudar a explicar porque é que Florentino estará disposto a aceitar a oferta de 100 milhões de euros da Juventus, apesar da cláusula de rescisão de 1000 milhões de euros que está estipulada no contrato do capitão da Selecção Portuguesa. Com Ronaldo fora do cenário, abre-se caminho ao regresso de Neymar a Espanha, mas pela porta do Real.

Também contribuiu para o desejo de Ronaldo deixar Espanha o problema com o fisco espanhol que ficou encerrado com o pagamento de uma multa de 18,8 milhões de euros e dois anos de pena suspensa. Um acordo que os advogados do jogador fecharam na véspera do empate entre Portugal e Espanha (3-3), no Mundial 2018, onde Ronaldo marcou três golos.

Mais uma vez, neste caso, Ronaldo sentiu que o Real Madrid não o apoiou como devia, ao contrário do que fez o Barcelona com o eterno rival Lionel Messi, que também enfrentou problemas com o fisco espanhol.

A pista Manchester United

Todavia, ainda se admite que possam ocorrer eventuais negociações entre Ronaldo e o Real Madrid para a renovação de contrato. Esse cenário não está descartado, segundo o Premium Sport.

A pista Manchester United, um clube onde Ronaldo foi muito feliz, também continua a ser possível – e pode só depender do actual grau de relacionamento entre Ronaldo e Mourinho. Os dois trocaram palavras pouco agradáveis aquando da saída do treinador do Real Madrid.

Ronaldo sempre manifestou o seu “amor” pelos adeptos do United, que o correspondem na mesma moeda. Mas, recentemente, o avançado confessou que é fã da Juventus desde pequeno, depois de ter sido aplaudido pelos adeptos do clube italiano em Turim, após aquele fantástico golo de bicicleta no jogo da Liga dos Campeões.

SV, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …

Depois das máscaras e do gel, procura por acrílico dispara

À semelhança do que aconteceu com as máscaras de proteção e com o álcool-gel, a procura mundial por acrílico está a aumentar. Primeiro foram as máscaras e o desinfetante em gel, mas agora há um novo …