/

O restaurante em Pequim que Biden visitou em 2011 está a atrair muitos curiosos

wEnDaLicious / Flickr

“Zha jiang mian”, um prato de noodles chinês parecido com massa à bolonhesa

Pouco tempo depois de Joe Biden ter sido declarado o vencedor das Presidenciais nos Estados Unidos, o restaurante que visitou em Pequim, em 2011, começou a atrair muitos curiosos.

Apesar de o Presidente chinês ainda não ter congratulado publicamente o Presidente eleito dos Estados Unidos (para já essa tarefa ainda só coube ao porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês), há muitos outros nacionais que estão a expressar, à sua maneira, a sua satisfação com a vitória de Joe Biden.

Segundo conta o canal CNN, pouco tempo depois de o democrata ter sido declarado o vencedor das eleições Presidenciais de 3 de novembro, o restaurante Yaoji Chaogan, em Pequim, que recebeu a visita de Biden em 2011, começou a atrair muitos curiosos.

“Acho que reflete parcialmente o interesse que as pessoas têm na campanha de Biden”, começou por dizer o proprietário do restaurante, Yao Yan, à cadeia televisiva norte-americana.

“Agora, quando as pessoas vêm a Pequim, seja em trabalho ou lazer, não querem só ver alguns pontos turísticos ou locais históricos. Também querem experimentar a cultura gastronómica da cidade. Quando as pessoas souberam que Biden esteve no nosso restaurante, vieram aqui para ver o que ele comeu“, acrescentou.

O agora Presidente eleito visitou Pequim, há nove anos, quando era ainda vice-Presidente na Administração de Barack Obama. Sem ninguém contar, o norte-americano decidiu parar para comer neste restaurante familiar simples.

“A sua chegada surpreendeu e encantou os outros clientes. Estava muito descontraído e bem-humorado. As pessoas aplaudiam-no de vez em quando. Estava feliz por estar com eles. Apresentou-nos a sua neta, depois tirou fotografias com os clientes e trocou algumas palavras com eles. Provou os nossos pratos e fez-nos alguns bons comentários. Achou que a nossa comida estava uma delícia“, recorda Yao.

De acordo com a CNN, o restaurante em questão é especializado em “chaogan”, um prato especialmente famoso na capital chinesa feito com fígado e intestinos de porco. Biden, no entanto, não foi suficientemente “corajoso” para o experimentar.

Em vez disso, o então vice de Obama, que estava acompanhado por mais quatro pessoas, pediu vários pratos, entre os quais “zha jiang mian” (uma espécie de bolonhesa chinesa) e os famosos “baos” (pães cozidos ao vapor).

Depois desta refeição, o “Biden Set” (conjunto de pratos provados pelo agora Presidente eleito dos EUA) foi adicionado à carta do restaurante como forma de homenagem.

Segundo o canal televisivo, apesar da visita de Biden ter sido curta, apenas 20 minutos, foi o suficiente para impulsionar os negócios desta família. Yaoji Chaogan, aberto há mais de 30 anos, abriu um segundo espaço em 2012 e, atualmente, já conta com três restaurantes.

“Se Biden tiver a oportunidade de vir a Pequim quando se tornar Presidente dos EUA, espero que volte ao nosso restaurante para provar os pratos de Pequim novamente. Como um velho amigo e cliente, vamos recebê-lo a qualquer momento“, afirma Yao.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.