Referendo à eutanásia é votado esta sexta-feira, mas está condenado ao fracasso

Mário Cruz / Lusa

O referendo à eutanásia será votado esta sexta-feira no Parlamento. Só o CDS-PP e a Iniciativa Liberal foram a favor da iniciativa popular. 

Esta quinta-feira realizou-se, na Assembleia da República, o debate da resolução para um referendo à despenalização da morte assistida. Pedro Bacelar Vasconcelos, do PS, considera o referendo um “insulto”. Segundo o Diário de Notícias, PS, Bloco de Esquerda, PCP, Verdes e parte da bancada do PSD concordam com a posição do socialista.

A deputada social-democrata Mónica Quintela subiu à tribuna para defender a legitimidade do Parlamento para legislar sobre a matéria e a ideia de que “direitos, liberdades e garantias não são referendáveis“. Além disso, considerou que pergunta que se queria proposta a referendo está elaborada de uma forma “hábil para induzir uma resposta”, ou seja, um “não”.

Já deputado do PSD Paulo Moniz recordou que a despenalização da morte assistida não fazia parte do programa eleitoral da maioria dos partidos, à exceção do Iniciativa Liberal e do PAN. “Há algum receio que isto aconteça. Medo do resultado?“, questionou, apelando a que pergunta seja feita “de forma clara e não sujeita interpretações”.

Da bancada socialista, Isabel Moreira voltou a defender que o que está em causa na despenalização da morte assistida é “uma escolha” indelegável dos doentes.

João Cotrim Figueiredo, líder do Iniciativa Liberal, reconheceu que “há vontade de participação cívica dos cidadãos” e para que a lei seja “sólida e sem brechas”, e, por isso, apoia a realização do referendo.

Em sentido oposto, Bebiana Cunha, do PAN, outro dos partidos com iniciativa legislativa sobre a matéria, veio rejeitar a possibilidade da iniciativa popular, assim como o bloquista José Manuel Pureza.

Dos Verdes, pela voz do deputado José Luís Ferreira, ouviu-se um “não” ao referendo. Do PCP, que é contra a despenalização da morte assistida, o deputado António Filipe também defendeu o “não”

Telmo Correia, do CDS, lembrou os quase 100 mil cidadãos que subscreveram a petição a favor do referendo. “Esta é uma escolha entre a arrogância e humildade”, disse, defendendo que esta matéria delicada deve ser dada diretamente ao povo.

O Chega é contra a eutanásia, mas não teve nenhuma voz a defender o referendo porque André Ventura está em campanha eleitoral nos Açores para as regionais que se realizam neste domingo.

Esta sexta-feira, quando a resolução for a votos, PS, BE, PCP, PEV e PAN votarão contra. À direita, só há a certeza dos votos a favor do CDS, do deputado único do Chega e do deputaso da Iniciativa Liberal, João Cotrim de Figueiredo.

  ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Cuidados Paliativos quasi inexistentes para a grande maioria dos casos, sofrimento físico e psíquico sem resposta nem alivio, liberdade individual de opção negada. Chegamos aos tempos em que se vive mal a vida activa e mal o fim de vida sem dignidade. A pergunta, vergonhosamente exposta, só podia ter um tal desfecho !……… Votar em quê e quem, com a Democracia silenciada, quando a voz do Povo é descartada ????

RESPONDER

Exoplaneta gigante conseguiu sobreviver à morte da sua estrela

Cientistas encontraram um exoplaneta gigante que parece ter conseguido sobreviver à morte da sua estrela, orbitando neste momento uma anã branca. As anãs brancas são o processo final de estrelas e chegam a ser tão densas …

Homem budista a meditar

O tukdam - um estado mental "meio-morto" dos monges budistas - é o novo fascínio da ciência

Os monges budistas conseguem chegar a um estado de meditação tão profunda que não é detectada qualquer actividade cerebral. No Budismo no Tibete, há um conceito mítico conhecido como "thukdam" ou "tukdam". Acredita-se que este é …

Trofense 1-2 Benfica | Águias passam a rasar

O Benfica, da I Liga, venceu hoje o Trofense, da II Liga, por 2-1, no prolongamento, depois do 1-1 no tempo regulamentar, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, e segue …

Como nasceu o mito dos vampiros? Mais doenças e menos Drácula

Os vampiros são um mito com séculos de história e que podem estar associados a doenças como a raiva e a pelagra — e não ao Drácula. O vampiro é uma imagem comum na cultura pop …

Edifícios impressos em 3D pelo exército norte-americano

Exército dos EUA pode agora imprimir edifícios de cimento em 3D em zonas de desastre

O objectivo da tecnologia é facilitar a construção de casas e pontes quando são precisas com urgência em zonas afectadas por catástrofes. O Corpo de Engenheiros do exército norte-americano pode agora imprimir quartéis, bunkers e outras …

Monumento Pillar of Shame, na Universidade de Hong Kong

Pillar of Shame foi, em tempos, um testemunho da liberdade de Hong Kong. Agora, dizem-lhe adeus

Em tempos, a escultura Pillar of Shame, plantada na Universidade de Hong Kong, foi um testemunho das liberdades da cidade. Agora, está a ser removida. Exposta há mais de 20 anos na Universidade de Hong Kong, …

Arquitetura em nome do amor. Homem constrói casa giratória para que a esposa possa escolher a vista

Na Bósnia, um autodidata de 72 anos construiu uma casa invulgar: a habitação gira 360 graus para mudar de vista. Algumas das mais bonitas obras arquitetónicas do mundo nasceram em nome do amor. É o …

Novo SEF deverá chamar-se Agência para as Migrações e Asilo

Afinal, já não vai haver um Serviço de Estrangeiros e Asilo (SEA) para substituir o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), mas sim uma Agência Portuguesa para as Migrações e Asilo (APMA). De acordo com o …

Pinto da Costa, presidente do FC Porto, com o guarda-redes Diogo Costa

Diogo Costa renova com o FC Porto até 2026

O guarda-redes Diogo Costa renovou contrato com o FC Porto até 2026, anunciaram os dragões, na tarde deste sábado. Diogo Costa, de 22 anos, aproveitou a lesão de Marchesín no início da temporada e assumiu a …

O algoritmo das plataformas de streaming afeta o que vemos (e quem somos)

As plataformas de streaming usam um algoritmo que afeta aquilo que vemos e o que queremos ver, moldando a nossa personalidade. Squid Game, o drama coreano distópico da Netflix, tornou-se a série mais vista lançada pela …