A refeição mais confecionada durante a pandemia leva bacalhau (e é tipicamente portuguesa)

Em ano de pandemia os portugueses estiveram mais tempo em casa e isso levou-os a dar prioridade à cozinha. De acordo com um inquérito da Fly Research, a refeição que mais foi confecionada foi bacalhau à brás.

Num ano em que os portugueses terão passado mais tempo em casa, foram muitos aqueles que se terão dedicado mais à culinária, refere o inquérito da Fly Research conduzido em 19 países entre janeiro e fevereiro de 2021.

A maioria dos portugueses inquiridos no estudo revela ter aproveitado para se dedicar mais à cozinha (68%). E muitos até garantem “ter melhorado os dotes culinários” (64%).

Em Portugal, a média de tempo passado entre cozinhados terá subido para quase três horas (2,7) desde o início do primeiro confinamento, cerca de 63 minutos a mais, comparativamente com o período pré-pandemia.

Para a maioria dos inquiridos, estes foram momentos de “partilha e ligação aos membros do agregado familiar” (55%), sendo que muitos acreditam que o ritual de se sentarem à mesa em família terá vindo para ficar (68%).

Por outro lado, também terá despertado o desejo de levar um estilo de vida mais saudável (51%) ou de adquirir novas aptidões (43%). Cerca de 62% diz-se mais confiante para experimentar novas receitas e pratos da sua autoria com maior frequência.

Além disso, o inquérito revela que o bacalhau à brás foi a refeição mais confecionada (43%), seguindo-se da bifana (37%), o arroz de pato (34,8%), o caldo verde (34%) e o cozido à portuguesa (29%).

Para além do aumento do tempo passado na cozinha ou à mesa, o último ano veio também mudar hábitos de consumo. Apesar de 75% dos inquiridos preferir adquirir produtos de mercearia em lojas físicas, cerca de 27% admite que as restrições impostas pelo confinamento motivaram, pela primeira vez, a encomenda online de produtos de mercearia.

Os gastos com entretenimento alimentar também aumentaram, com pequenos picos de procura de “equipamentos de cozinha, livros de receitas, louças e velas”, diz o Público.

Nos outros países inquiridos, os pratos de comida caseira mais populares foram o tradicional assado (Reino Unido e Irlanda), crepes (França), esparguete à carbonara (Itália), roulade de carne (Alemanha), tortilha (Espanha), panquecas (Polónia e Hungria), costeletas (Rússia), sopa de beterraba (Ucrânia), almôndegas (Turquia e Suécia), polenta (Roménia), guisado (Holanda), batatas fritas (Bélgica), goulash (República Checa), escalopes à moda de Viena (Áustria) e sopa de repolho (Eslováquia).

  ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Portugueses mais confinados à casa, mal saem à rua e pretendem um estilo de vida mais saudável com Bacalhau à Brás e Cozido à Portuguesa?? Estão cá com uma sorte …

  2. …não sei quem entrevistaram, mas duvido que o consumo de carne de porco, frango, arroz ou massa tenha sido inferior a qualquer das opções apresentadas.
    Muito estranhas estas conclusões.

RESPONDER

Evergrande escapa por um triz ao default e garante o pagamento de juros de 71.7 milhões de euros

A gigante imobiliária chinesa conseguiu cumprir com o pagamento dos juros no limiar do fim da extensão do prazo. No entanto, persistem os receios sobre a possibilidade da crise na China contagiar a economia mundial. A …

Pessoas a andar na rua em Viena, Áustria

Em caso de apagão geral, Áustria é o primeiro país europeu a ter um Plano B(lackout)

E se houvesse um apagão que afetasse todo o continente europeu? O cenário é o argumento que o Ministério da Defesa austríaco tem usado para enviar um aviso à população desde o início deste mês. A …

Só um terço das empresas em Portugal têm gestores com um curso superior

O estudo da Fundação Francisco Manuel dos Santos refere que este valor é negativo para o país já que a formação superior dos gestores está associada à produtividade e há maior probabilidade da empresa começar …

Governo avança com desconto de 10 cêntimos por litro nos combustíveis para as famílias

O Governo vai criar um desconto de dez cêntimos por litro nos combustíveis para todas as famílias, até 50 litros por mês. Uma medida que estará em vigor entre novembro deste ano e março do …

Inês Sousa Real, porta-voz do PAN

PAN já enviou memorando de entendimento ao Governo

O partido Pessoas–Animais–Natureza enviou ao Governo, esta sexta-feira, o memorando de entendimento com cerca de 60 propostas, no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "O PAN fez chegar ao Governo um memorando do qual …

Alterações ao Orçamento de 2021 custaram, afinal, muito mais do que o estimado pelo Governo

Apenas duas das 291 medidas adicionadas representaram um impacto anual de 88 milhões de euros, com o Governo a calcular, durante a especialidade, que a totalidade custaria 3,2 milhões de euros. As alterações feitas ao Orçamento …

Entre a pandemia e os preços da energia, Marcelo alerta que chumbo do OE criaria "mais um problema"

O Presidente da República reiterou, esta sexta-feira, que deseja evitar uma crise política criada por um eventual chumbo do Orçamento de Estado, porque "só juntaria um problema" à pandemia e à subida dos preços dos …

França dá a partir de dezembro "cheque-combustível" de 100 euros

França vai dar a partir de dezembro um “cheque-combustível” único de 100 euros a cerca de 36 milhões de condutores que ganham menos de 2.000 euros por mês devido à escalada dos preços do gasóleo …

Parlamento aprova extinção do SEF

A extinção do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) foi aprovada na Assembleia da República, esta sexta-feira, com os votos a favor do PS, BE e da deputada não-inscrita Joacine Katar Moreira. O texto final apresentado …

Mais oito mortes e 930 novos casos de covid-19. Incidência sobe

Portugal registou, esta sexta-feira, mais oito mortes e 930 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 930 novos …