Polémica em torno das quotas. Rio ameaça PSD Madeira com Tribunal Constitucional

João Relvas / Lusa

O presidente do Partido Social Democrata (PSD), Rui Rio

Se na Madeira não votarem apenas as 104 pessoas que pagaram as quotas ao PSD, Rui Rio admite que será “o Tribunal Constitucional a resolver isso”.

O PSD Madeira tem defendido que há 2.500 militantes aptos a votar nas diretas do PSD, que se realizam no próximo sábado. No entanto, o líder do partido está a contar apenas com 104 militantes, os que pagaram as quotas, de acordo com as novas regras.

Em entrevista à TSF, Rui Rio defende que as “regras têm de ser iguais para todos os militantes”. Para o líder social-democrata, não se pode “aceitar que um partido com a dimensão do PSD faça uma eleição nacional e que os militantes de Bragança, de Viseu ou da Guarda tenham de preencher determinados requisitos, enquanto outros não”.

O presidente do PSD lembrou que existe um “caderno oficial que só tem 104” militantes, os que “cumpriram as regras e pagaram a quota de forma direitinha”. Caso surjam os 2.500 militantes que Miguel Albuquerque, líder do PSD Madeira, diz estarem em condições de votar, “está-se a usurpar o direito a esses 104 militantes, porque depois não se pode contabilizá-los”.

Por esse motivo, Rio espera que o Conselho de Jurisdição esteja atento e que atue se essa situação se verificar no próximo sábado, porque, em caso contrário, “se o processo chegar ao Tribunal Constitucional (TC)”, o líder não tem “dúvida nenhuma do que o TC vai dizer: que as regras têm de ser iguais para todos”.

As novas regras para o pagamento de quotas no PSD foram introduzidas durante o mandato de Rui Rio. Como explica a TSF, os militantes deixaram de poder pagar em dinheiro vivo, nas sedes partidárias, e passaram a ter que proceder ao pagamento por multibanco, vale postal ou MB Way, mediante o envio de um código de pagamento.

Este novo processo tem originado várias críticas. No entanto, Rui Rio lembra que esta é a única forma de identificar “a proveniência do dinheiro” e evitar os pagamentos maciços de quotas por uma única pessoa.

Para Rui Rio, os partidos políticos “não podem ser financiados por dinheiro vivo” e a proveniência do dinheiro tem que ser conhecida.

O atual líder e candidato defronta Luís Montenegro e Miguel Pinto Luz no próximo sábado, nas diretas do partido.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. É esta a democracia do Rui Rio, quando não estão de acordo com ele, ele retalia, foi assim quando Presidente da Câmara do Porto como a Comissão do 25 de Abril o criticou ele cortou-lhes o subsidio, por isso não sou militante nem simpatizante de nenhum partido, penso pela minha cabeça e faço o que penso estar certo, se fizer mal na próxima emendo, mas obedecer a ordens dos “donos” dos partidos como se eles fossem um Deus nunca.

    • A democracia do Rui Rio é a democracia das regras iguais para todos. Será que a sua cabeça pensa que cada um pode fazer o que quiser sem ligar às regras instituídas?

RESPONDER

Chineses desistem de comprar o BNI Europa. Está agora em mãos angolanas

O contexto de incerteza, provocado pela pandemia de covid-19, levou o Grupo chinês KWG a desistir de comprar 80,1% da participação do BNI Europa. O grupo chinês KWG desistiu de comprar 80,1% da participação do BNI …

Tesla usa peças do Model 3 para construir um ventilador

A Tesla também está a tentar contribuir para colmatar a escassez de ventiladores com um novo protótipo, feito com partes do Model 3. A Tesla construiu um ventilador com recurso a componentes automóveis. A fabricante elétrica …

Há acordo no Eurogrupo: 500 mil milhões de euros "disponíveis imediatamente"

Os ministros das Finanças da Zona Euro chegaram a acordo, esta quinta-feira, sobre os apoios económicos para fazer face à pandemia de covid-19. O Eurogrupo chegou a acordo sobre o pacote de ajuda económica para a …

Se recebeu uma chamada da Tunísia, não devolva. É fraude

Clientes de várias operadoras nacionais têm recebido, nas últimas semanas, um "anormal" volume de chamadas internacionais. As operadoras suspeitam de fraude. Segundo o Jornal de Notícias, várias pessoas têm recebido chamadas de u número internacional que …

FMI avisa que vêm aí "tempos sombrios" e que "todos vão sofrer"

Kristalina Georgieva, chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI), avisou que os próximos tempos serão sombrios e que todos irão sofrer. Numa introdução às reuniões da primavera do FMI e do Banco Mundial, que decorrem entre 14 …

Merkel pede paciência: situação continua "frágil"

Angela Merkel pediu paciência aos alemães e admitiu que "não será necessário" impor no país medidas mais rigorosas de confinamento. A chanceler alemã, Angela Merkel, apelou esta quinta-feira à paciência dos alemães, num momento de crescente …

Detido bilionário chinês que criticou Presidente Xi Jinping. Estava desaparecido há um mês

O bilionário chinês Ren Zhiqiang que criticou a forma como Presidente da China, Xi Jinping, lidou com a pandemia, está sob custódia das autoridades chinesas devido a uma investigação em que é o principal suspeito. …

Bloqueio dos coronabonds pela Holanda é "irresponsável"

Jean-Claude Juncker, antigo presidente da Comissão Europeia, considera que o bloqueio pela Holanda do uso do Mecanismo Europeu de Estabilidade é "irresponsável". O antigo presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, considerou esta quinta-feira “irresponsável” o bloqueio …

Creche recusou receber filho de enfermeira por falta de funcionários. Meteram baixa

A creche e pré-escolar "Voar mais alto", em Setúbal, recusou receber uma criança de três anos, filha de uma enfermeira, por falta de funcionários. A notícia é avançada esta quinta-feira pelo Observador que adianta que as …

Subsídio por assistência a filhos vai ser pago 100% em toda a função pública

O subsídio por assistência a filho sobe de 65% para 100% do salário aos funcionários públicos inscritos na Caixa Geral de Aposentações. O Governo aprovou, esta quinta-feira, um diploma que aumenta o subsídio por assistência …