PSD confiante em geringonça, mas Ventura lembra que não tem “duas caras”. Carlos César quer PS no poder

José Manuel Bolieiro, novo vice-presidente do PSD e presidente da câmara de Ponta Delgada

Com a solução governativa dos Açores em aberto, André Ventura já disse que está fora de questão integrar uma geringonça com “partidos do sistema”, mas admite viabilizar um Governo do PSD na região com algumas condições. O PSD não desiste de tentar negociar, e Carlos César garante que o PS tem o direito de tomar as rédeas da ilha.

De acordo com o Expresso, o líder do Chega enviou uma carta dirigida a Rui Rio, dando conta dessas exigências, que passam a nível nacional pela participação do PSD no processo de revisão constitucional e, no plano regional, pela realização de uma auditoria aos governos do PS.

André Ventura exige ainda que o Governo social-democrata na região autónoma assuma o compromisso de reduzir para metade, nos quatro anos de legislatura, os beneficiários de Rendimento Social de Inserção (RSI) e a apresentação de um plano regional de luta contra a corrupção e clientelismo no prazo de um ano.

Esta quarta-feira, Ventura enviou também uma carta dirigida aos dirigentes do Chega nos Açores, pedindo para que não cedam à “pressão” do PSD e do CDS para viabilizar um governo regional de direita, alegando que o partido tem que ser coerente. “Não podemos ter duas caras, nem duas palavras”, pode ler-se na carta.

O líder do partido reafirma que foi claro quando disse há meses que qualquer entendimento com o PSD teria que passar pela participação do partido no projeto de revisão constitucional do Chega, o que não aconteceu, como se verificou também uma “ostensiva atitude de afastamento” por parte dos sociais-democratas.

Ventura recorda ainda que o PSD tem alinhado “em cumplicidade” com o PS no Parlamento, e dá como exemplo o fim dos debates quinzenais com o primeiro-ministro e a viabilização do orçamento suplementar. “Que pensarão os eleitores do Chega se agora esquecermos tudo isto e dermos a mão a esta direita do sistema que sempre nos ignorou ou atacou? Onde ficariam as nossas convicções?”, questiona.

O deputado do Chega enfatiza que “só se estes compromissos forem aceites” pelo PSD poderá haver espaço para o diálogo entre os dois partidos nos Açores.

Continua o diálogo

Neste momento, continuam as conversações entre os partidos depois de o PS ter perdido a maioria absoluta nas eleições regionais de domingo.

O líder do PSD Açores, José Manuel Bolieiro, está a tentar formar Governo, privilegiando os contactos com o CDS e o PPM. Mas deverá caber à Iniciativa Liberal e ao Chega, viabilizar esse governo através da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores. Bolieiro foi até à casa de Artur Lima, líder do CDS, em Porto Martins, na Ilha Terceira para negociar, diz o Observador.

Os encontros já começaram, os telefonemas também e, aos primeiros contactos, há cada vez mais confiança à direita de que vai ser possível formar um governo que afaste o PS do poder.

O passo seguinte já é planeado e passa por convencer o representante da República de que a maioria de direita é a solução mais estável. Segundo o Observador, deverá ser feito um acordo escrito para assegurar um mínimo de estabilidade política.

Contudo, Carlos César, antigo Presidente do Governo Regional dos Açores, destaca que Vasco Cordeiro tem o “direito e dever” de “formar Governo” nos Açores em consequência das eleições de domingo, mesmo havendo um bloco de direita com mais deputados eleitos.

De acordo com o ECO, Carlos César lembra que o PSD “só poderá constituir Governo com cinco partidos e associado por alguma forma ao Chega. Será capaz de chegar a tanto?… E, mesmo que assim chegue, por quanto tempo? Constituir Governo, neste contexto, nos Açores, tem de ser um ato de grande responsabilidade e de futuro”, destaca.

O PS venceu as eleições regionais de domingo, elegendo 25 dos deputados à Assembleia Legislativa Regional, mas um bloco de direita entre PSD, CDS, Chega, PPM e Iniciativa Liberal poderá funcionar como alternativa de governação na região.

ZAP //

PARTILHAR

30 COMENTÁRIOS

    • O gajo não contava com esta vergastada dos açoreanos. Está com um cagaço enorme. A Confirmar-se a coligação de direita, irão descobrir-se todas as patifarias do sr. César.

  1. Senhor José Manuel Bolieiro vamos ter uma geringonça, ou será que Geringonça é para os outros ou para o PPD é uma aliança? Quero depois é ouvir o que vão dizer caso façam a Geringonça versão Direita.o CDS,PPD ,Chega comentadores de orgãos de Comunicação Social e os jornalista de serviço, o que vão dizer até os deputados tanto do PPD,CDS e Chega assim como os seus Ex presidentes e os actuais, pela boca morre o peixe já é um ditado velhinho.

    • Senhor José Gaspar- Pela sua maneira de pensar Geringonças, Alianças , Acordos ou aquilo que lhe queira chamar só podem ser feitos pela ESQUERDA? Aquela que defende regimes como os da Coreia do Norte, Venezuela, Russia etc. etc. etc.? Quanto a comentadores o Senhor tem viajado muito ou então não lê os jornais do dia a dia. A maioria da comunicação social está vergada ao Governo, omite a verdade so que se passa no País. Sabe quantos milhões recentemente, para os calar, foram entregues à Comunicação Social. Este governo segue o exemplo do seu aficionado 44 (Sócrates). Leia o artigo (like) recentemente (20/10) escrito pelo Jornalista DANIEL OLIVEIRA sobre o silenciamento deste Governo ao programa da SIC de um outro Jornalista José Gomes Ferreira. Sei que pimenta no “pi” dos outros para si é refresco, para mim continua a ser pimenta.
      O PS, actual, é um partido com tendências totalitários senão vejamos.
      Em 2015 a coligação, na altura, ganhou as eleições como não teve a maioria não pode formar governo.
      Agora o PS perde nos Açores e o que diz Carlos Cesar? o PS tem O DIREITO DE FORMAR GIOVERNO. e o outro não tinha?
      Por isso pare para pensar um poucochinho ok?

      • Priro comece por respeitar a opinião dos outros que não pensam como o senhor e que por não pensarem como o senhor temos de ter rotulo de 44 ou de outro qualquer, nem sou simpatizante de qualquer dos partidos que estão na A.R. o que eu disse foi porque tantos apodaram o governo de Geringonça e agora esses mesmo querem fazer uma gerigonça, sobre o 4o País é pequeno para tantos 44, se a justiça fosse isenta as prisões estavam cheias e até pareciam um arraial de tantas cores, a analise dos actuais políticos faço eu sejam eles Direita Esquerda ou Centro, Passe bem.

      • Primeiro comece por respeitar a opinião dos outros que não pensam como o senhor e que por não pensarem como o senhor temos de ter rotulo de 44 ou de outro qualquer, nem sou simpatizante de qualquer dos partidos que estão na A.R. o que eu disse foi porque tantos apodaram o governo de Geringonça e agora esses mesmo querem fazer uma gerigonça, sobre o 4o País é pequeno para tantos 44, se a justiça fosse isenta as prisões estavam cheias e até pareciam um arraial de tantas cores, a analise dos actuais políticos faço eu sejam eles Direita Esquerda ou Centro, Passe bem.

    • Oh Gaspar, a vingança serve-se fria ! Fizeram-na, agora levam na mesma moeda. Força, toca a tirar esse PS do poder açoreano. 24 anos já chega.

    • Este Carlos César e muitos outros Carlos Cesares se tivessem vergonha na cara já há muito tinha deixado a política é por gente como ele que os Partidos não mudam, os partidos têm de sofrer uma purga excluírem os que andam na política para proveito próprio e ficarem com os que se interessam pelo País pelo bem estar do Povo, o que na actual classe política não vejo interesse nem na limpeza dos seus partidos nem no interesse do País.

      • Sem pretender ferir a suscetibilidade amplamente manifestada nas suas intervenções anteriores, diria que esta tentativa de imitar o Saramago, na quase inexistente pontuação, saíu completamente “Gasparatada”.

  2. Este Sr. César continua um poço (daqueles bem fundos) de virtudes e coerência. Se não me falha a memória o seu entendimento sobre a matéria era diferente em 2015…

  3. Esse César é um tachista profissional, tem toda a família a ganhar com dinheiro do povo, é arrogante e perigoso mentiroso é um triste que só vê o seu umbigo e da família e amigos, o povo que se fod…
    Esse tipo nunca deveria estar num partido, porque não tem personalidade e sim para chular o povo..

  4. O que é preciso é que o PS prove agora o “veneno” que usou em 2015 e que sempre disse como legítimo. Tudo o resto é conversa para desconversar…

  5. Estes gajos do PS devem estar como cachola enorme. Nunca pensaram que a direita poderia, em qualquer altura, também poder vir a formar uma geringonça. O César disse que a deles era legítima, mesmo perdendo as eleições, mas agora diz que a destes é ilegítima. Que tipo de politico é este ?|

  6. Este Carlos César ainda não entendeu que o país está farto dele. Feche a matraca e meta-se no buraco de onde nunca deveria ter saído.
    Só um país como o nosso é que aceita estes politicos incompetente, corruptos, desonestos, burros e imorais é que aceita que este homem e outros iguais a ele ainda se mantenham à comer dos impostos que eu pago.
    Vai ser certamente necessário um novo 25 Abril para desalojar toda esta corja.

  7. “Carlos César garante que o PS tem o direito de tomar as rédeas da ilha”. O mesmo direito que Passos Coelho tinha em tomar as rédeas no continente! A vossa ganância pelo Poder abriu um precedente, agora há que aprender a lição. Esta afirmação é bem demonstrativa do autoritarismo deste senhor e da sua ambição desmedida pelo Poder.

  8. Os que tanto criticaram a geringonça estão tão cheios de fome, que se tornam reféns dos defensores da Gestapo.
    Os maior partido da oposição precisa das SS dos nazistas cheganos?
    Os anti-sistema não se importam de ir ao pote e alinham com os partidos do sistema.
    César é corrupto? Comecem por investigar os dirigentes nazistas dos cheganos. Encontrarão muito contrabando, lavagem de dinheiro e comércio ilegal de ar
    mas.
    Muita uva e pouca parra nesta direita fascista.

  9. E é legítimo. O regime é parlamentar, por isso não interessa tanto quem teve mais votos, mas quem consegue maioria parlamentar estável.
    Nem se percebe pq é q o PPD estrilhou tanto!
    Falta cá é o Cavaco para os obrigar a assinar o acordo.

  10. Os Açores há muito precisavam de uma lufada de ar fresco.

    A PSologia está instalada e entranhada em tudo o que é órgão público nos Açores, e serve interesses que raramente são as dos açorianos.

    Ao contrário do que André Ventura diz, a simples viabilização de um novo governo é essencial à diminuição da corrupção nas ilhas, como preconiza o seu partido.

RESPONDER

"Falta de transparência". Sindicato acusa Ryanair de violar Código do Trabalho com despedimento coletivo no Porto

O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) acusou a Ryanair de violar o Código do Trabalho, ao iniciar um despedimento coletivo na base do Porto enquanto promove cursos de formação para …

Supremo arrasa MP no e-toupeira. Espião do Benfica safa-se de quase todos os crimes

O Supremo Tribunal de Justiça deixou cair a maioria dos crimes no que se refere ao funcionário judicial do Tribunal de Guimarães Júlio Loureiro, conhecido como o espião do Benfica no caso e-toupeira, deixando reparos …

Espanha, França e Bélgica com descida de casos. Itália limita Natal e Madrid cancela festas de Ano Novo

Madrid, assim como Paris e Bruxelas, têm boas notícias - mas não o suficiente para suavizar medidas. Já em Itália há restrições adicionais e a cidade de Londres também considera também passar ao nível três, …

UE dá exemplo de Portugal para defender salário mínimo europeu

O comissário europeu do Emprego, Nicolas Schmit, diz esperar um acordo ou pelo menos "bastante progresso" sobre a proposta comunitária para garantir salários mínimos adequados em todos os Estados-membros da União Europeia (UE) e dá …

Na primeira fase, será possível administrar 400 mil doses de vacinas “numa semana a dez dias”. Segunda ronda pode ser crítica

Os especialistas já fazem previsões. Se por um lado a primeira fase da vacinação contra a covid-19 se adivinha rápida, a segunda será poderá ser muito complicada. Os representantes dos profissionais dos centros de saúde - …

Bruxelas conclui que Zona Franca da Madeira violou regras e quer devolução das "ajudas indevidas"

A Comissão Europeia (CE) conclui que o regime da Zona Franca da Madeira (ZFM) desrespeitou as regras de ajudas estatais, pois abrangeu empresas que não contribuíram para o desenvolvimento da região, pelo que Portugal deve …

Chuva de críticas ao plano nacional de vacinação: "É vasto em imprecisões e impreparações"

Francisco Rodrigues dos Santos considerou que "faltou planeamento" no plano de vacinação português e observou que "basta comparar" com aqueles anunciados "na Alemanha, no Reino Unido ou em Espanha para perceber que há diferenças abismais". O …

O corpo ideal? O mistério das enigmáticas figuras pré-históricas de Vénus pode ter sido resolvido

Um dos primeiros exemplos mundiais de arte, as enigmáticas estatuetas de "Vénus" esculpidas há cerca de 30 mil anos, intrigaram os cientistas durante quase dois séculos. Agora, o mistério das estranhas figuras pode ter sido …

Nova geringonça à vista? Rui Rio mostra-se disposto a governar mesmo sem vencer eleições

São muitos os sinais que tem dado. Rui Rio está disponível para liderar uma futura maioria de direita se esta vier a surgir no quadro de futuras eleições legislativas - mesmo que o PSD seja …

Cientistas encontram nova criatura gelatinosa no fundo do mar (mas podem nunca mais voltar a vê-la)

Uma equipa de investigadores da Administração Nacional de Pesca Oceânica e Atmosférica (NOAA) revelou que descobriu Duobrachium sparksae, uma nova espécie de ctenóforo - ou águas-vivas-de-pente. A descoberta foi feita remotamente usando imagens de vídeo de …