PSD admite voltar ao IVA da eletricidade no próximo Orçamento

Miguel A. Lopes / Lusa

Rui Rio com Fernando Negrão e David Justino

Depois da inviabilização da medida, David Justino deixou recentemente a garantia de que o PSD voltará a levar a descida do IVA da eletricidade a discussão.

No programa “Almoços Grátis”, da TSF, David Justino, vice-presidente do PSD, admitiu não fechar a porta novas propostas, uma semana depois de ter sido recusada a proposta da descida do IVA na eletricidade para o Orçamento do Estado para 2020.

Garantindo que “não nos vão condicionar”, Justino admitiu voltar ao tema do IVA da luz já no próximo Orçamento do Estado. Segundo o responsável, o PSD vai “aproveitar todas as oportunidades para concretizar” aquilo que prometeu.

Apesar do chumbo, os sociais-democratas não fecham a porta a novas propostas, sublinhado que “não quer dizer que daqui a menos de um ano, em outubro, com o novo Orçamento do Estado, não haja esta ou outra qualquer proposta”.

Em relação à mudança de sentido de voto do PSD, o vice-presidente afirmou que o partido sempre disse que levaria “até às últimas consequências a redução do IVA”, admitindo, ainda assim, um “pequeno deslize” nesse aspeto, justificado pelo “truquezinho parlamentar” do PS em antecipar a ordem de trabalhos, que fez com que o PSD mudasse a votação.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Alphabet diz adeus ao Loon, projeto que queria espalhar Internet através de balões

O projeto da Alphabet que tinha como objetivo levar Internet às partes mais remotas do mundo "perdeu o fôlego" e os seus responsáveis decidiram pôr-lhe um ponto final. Num comunicado divulgado na última sexta-feira, Alastair Westgarth, …

Estudo identifica cidades europeias com maior mortalidade devido à poluição do ar

Madrid, Antuérpia e Torino (em Espanha, Bélgica e Itália, respetivamente) lideram o ranking de mortes associadas à poluição por dióxido de azoto (NO2). Já a maior mortalidade atribuível a partículas finas é encontrada em cidades …

Fim do Flash Player colapsou sistema de estação ferroviária chinesa

O sistema ferroviário na cidade de Dalian, no nordeste da China, ficou paralisado por causa da desativação do programa Flash Player da Adobe. A Adobe encerrou o suporte técnico do seu player de multimédia Flash Player …

Eis o que o mundo pode aprender com o confinamento da China

O confinamento na China tem apresentado resultados excecionais no controlo da pandemia, à custa da perda de liberdade das pessoas. Ainda assim, há muito que se pode aprender com o exemplo chinês. Colocar o autoritarismo contra …

Descoberto fármaco "100 vezes mais potente" contra a covid-19 (e "nasceu" das seringas-do-mar)

Uma equipa internacional de investigadores descobriu um medicamento antiviral que é "100 vezes mais potente" do que o remdesivir no tratamento da covid-19. Trata-se de um fármaco usado para tratar um cancro sanguíneo, que só foi …

Covid-19. Fortuna das dez pessoas mais ricas pagaria vacina para toda a população mundial

A riqueza combinada dos dez homens mais ricos do mundo subiu em cerca de 540 mil milhões de dólares (445 mil milhões de euros) durante a pandemia, de acordo com um relatório da organização internacional …

Farmacêuticas pouco preparadas para próxima pandemia, alerta relatório

As maiores empresas farmacêuticas do mundo estão pouco preparadas para a próxima pandemia, apesar da crescente resposta à covid-19, alertou um relatório da Access to Medicine Foundation, divulgado esta terça-feira. Neste relatório, Jayasree K Iyer, diretora executiva …

Um em cada três infetados com covid-19 é assintomático

Investigadores sugerem, com base numa revisão de 61 estudos, que uma em cada três pessoas infetadas com o novo coronavírus é assintomática. Uma em cada três pessoas infetadas com covid-19 não sabe que tem o novo …

"Vizinho Amigo tem muitos voluntários, fiquem em casa e peçam ajuda"

Martim Ferreira conta como surgiu, como está e como acha que estará o Vizinho Amigo - um projeto que reúne milhares de voluntários em Portugal, que ajudam pessoas de grupos de risco desde que o …

El Dorado português está para durar. Nem pandemia, nem taxa de 10% afastam reformados estrangeiros

Apesar da pandemia e de uma nova taxa fiscal de 10%, Portugal continua a ser um destino desejado por reformados estrangeiros, nomeadamente pelos franceses que estão de olho na descida nos preços das casas e …