Como o “prudente” Costa fortaleceu a confiança mundial na economia portuguesa

A crise política instalada em Portugal, com o anúncio de demissão de António Costa, no âmbito da recuperação do tempo de carreira congelado aos professores, não abalou a confiança dos mercados financeiros no Governo socialista. Pelo contrário, a estratégia “prudente” até a reforçou.

Esta análise é feita na Alemanha pelo segundo maior banco do país, o Commerzbank, num relatório sobre o leilão de obrigações que se realizou nesta quarta-feira, 8 de Maio.

A instituição financeira considera que a postura do primeiro-ministro português reflecte a “determinação” do Governo socialista em “manter uma trajectória orçamental prudente”, como cita o Jornal de Negócios.

Desta forma, a crise política passou ao lado dos mercados financeiros, com os juros portugueses a 10 anos a situarem-se em mínimos históricos, “negociando agora abaixo dos 1,1% pela primeira vez”, como destaca a publicação económica.

“Houve um impacto muito limitado nos mercados, o que mostra a confiança que os mercados têm no Governo socialista”, destaca em declarações ao Negócios o analista-chefe do Danske Bank, Jens Peter Sørensen.

O comissário europeu para os Assuntos Económicos e Financeiros, Pierre Moscovici, já tinha afirmado que Costa manteve “uma posição sábia e firme” que contribui para manter uma “opinião confiante sobre a economia portuguesa”.

“Vemos mais valor em Portugal”

O relatório do Commerzbank também previa que a emissão da dívida pública portuguesa teria bons resultados no leilão desta quarta-feira, realçando que “todas as ‘yields‘ das obrigações acabam de atingir níveis baixos recorde”.

“Vemos mais valor em Portugal”, apontava ainda o relatório citado pelo Negócios.

Nesta quarta-feira, Portugal colocou 1.250 milhões de euros, montante máximo anunciado, em Obrigações do Tesouro (OT) a 10 e 15 anos, com juros a caírem e de novo para mínimos de sempre no prazo mais curto.

Segundo a página do IGCP, agência que gere a dívida pública, na agência Bloomberg, foram colocados 800 milhões de euros em OT com maturidade em 15 de Junho de 2029 (cerca de 10 anos) à taxa de juro de 1,059%, um novo mínimo de sempre, abaixo da registada em 10 de Abril, 1,143%, anterior mínimo histórico.

A procura das OT a 10 anos cifrou-se em 1.502 milhões de euros, 1,88 vezes o montante colocado.

No anterior leilão a 10 anos, realizado em 10 de Abril, Portugal colocou 600 milhões de euros à taxa de juro de 1,143%, o anterior mínimo de sempre, abaixo da taxa registada em 13 de Março, de 1,298%.

Em OT com maturidade em 18 de Abril de 2034 (cerca de 15 anos) foram colocados hoje 450 milhões de euros à taxa de juro de 1,563%, tendo a procura atingido 855 milhões de euros, 1,90 vezes o montante colocado.

Em relação ao anterior leilão de OT a 15 anos, este realizou-se em 13 de Fevereiro deste ano, quando Portugal colocou 295 milhões de euros à taxa de juro de 2,045%, abaixo da do anterior leilão comparável de 11 de Julho de 2018 (2,257%). A procura atingiu 675 milhões de euros, 2,29 vezes o montante colocado.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Lei aprovada no Parlamento pretende facilitar prescrições de multas a partidos políticos

O projeto foi aprovado na generalidade no Parlamento, e está em discussão na especialidade. A Entidade das Contas e Financiamentos Políticos (ECFP) teme os efeitos da nova legislação sobre as prescrições de multas a partidos …

Noiva de Khashoggi processa príncipe herdeiro saudita

Hatice Cengiz, noiva de Jamal Khashoggi, colocou um processo contra o príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman e outros alegados mentores do assassínio. A noiva do jornalista Jamal Khashoggi, assassinado na Turquia em outubro de …

Papa Francisco defende pela primeira vez uniões de facto para casais homossexuais

O Papa Francisco defendeu a regulação do casamento civil entre pessoas do mesmo sexo, afirmando que os homossexuais têm direito a constituir família. "Homossexuais têm o direito de constituir família. São filhos de Deus", defendeu o …

“Uma desgraça completa”. Ex-ministro do PSD arrasa atuação do Ministério da Saúde no combate à pandemia

O antigo governante do PSD Fernando Leal da Costa acusou esta quarta-feira o Ministério da Saúde de “falta de liderança” na gestão da pandemia de covid-19, e falou até de “uma desgraça completa” do ponto …

Ministro defende que investimento nas Forças Armadas “é tão relevante” como na saúde

O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, destacou o papel das Forças Armadas no combate à pandemia de covid-19 e defendeu que o investimento público nesta área “é tão relevante” quanto na saúde ou …

Giro. João "Rosa" Almeida segura liderança da geral

O português João Almeida (Deceuninck-QuickStep) manteve esta quarta-feira a liderança da Volta a Itália em bicicleta, numa 17.ª etapa ganha pelo australiano Ben O'Connor (NTT). O'Connor, de 24 anos, cumpriu os 203 quilómetros entre Bassano del …

Investimento público atinge máximo de uma década em 2021

Dados do relatório do Orçamento do Estado mostram que o Governo conta terminar 2020 com um investimento público de 4.884 milhões de euros (75 milhões de euros a menos do que a previsão do Orçamento …

Audições urgentes pedidas pelo PS sobre StayAway Covid são por escrito ou em dezembro

O Parlamento aprovou, esta terça-feira, a audição de entidades e personalidades sobre a obrigatoriedade da aplicação Stayaway Covid, proposta pelo PS, "com caráter de urgência", por escrito ou em dezembro, após o debate do Orçamento …

Taxa de nascimentos de linces no Vale do Guadiana é a mais alta da Península Ibérica

A taxa de nascimentos na população de linces ibéricos no Vale do Guadiana é a mais elevada da Península Ibérica, segundo os resultados dos censos 2019 divulgados hoje pelo Instituto da Conservação da Natureza e …

Pai de aluna teria ligações ao assassino do professor decapitado em França

Os investigadores encontraram uma possível ligação entre o assassino do professor francês Samuel Paty, decapitado em Paris, e o pai de uma aluna. Em declarações à AFP, citadas pelo Diário de Notícias, uma fonte próxima do …