97% dos professores exige a contagem total do tempo de serviço

*Bloco / Flickr

Os professores decidiram: 97% dos docentes garante não abdicar da contagem total do tempo de serviço em que a carreira esteve congelada. 70% entende que que é tempo de voltar à mesa de negociação com o Governo.

Os professores querem negociar com o Governo, mas recusam-se a abrir mão da contagem total dos anos de serviço. Estes são os dados principais do referendo distribuído pelas dez organizações sindicais, no qual se questionava os professores: “Concorda com a posição dos sindicatos de exigência de recuperação total do tempo de serviço congelado (9 anos, 4 meses e 2 dias)?”

97% dos docentes não abdica do tempo total de serviços (…) os professores estão com os seus sindicatos e é neles que se revêm, mas mais do que se reverem vieram confirmar que estão com sindicatos e com as posições que estes têm assumido”, disse o líder sindical da Fenprof, Mário Nogueira.

A reposta foi unânime. 97% dos inquiridos responderam que sim, ou seja, mais de 48 mil professores. A mesma percentagem admite ainda que este pagamento seja realizado de forma faseada, de forma a não prejudicar as contas públicas, de acordo com o Expresso.

Relativamente à greve das avaliações que decorre desde o início do mês, o inquérito revelou que cerca de 70% dos professores ouvidos quer acabar imediatamente com o protesto. A maioria dos professores (62,1%) considerou ainda que a forma mais eficiente de luta seria uma manifestação nacional no próximo dia 5 de outubro, dia mundial do professor.

Mário Nogueira revelou que o inquérito decorreu durante quatro dias e o número de respostas recolhidas neste período “superou as expectativas”. “A consulta vem confirmar que os professores estão com os seus sindicatos”, acrescentou o líder sindical.

O líder sindical referiu ainda esta quarta-feira que a greve dos professores impediu a realização de 95,4% das reuniões de ensino básico e secundário, no que qualificou como uma “adesão tremenda e fortíssima”, considerou.

O inquérito decorreu nos últimos quatro dias, online e nas escolas, tendo participado 50.738 professores. Está marcado para a próximo dia 11 de julho um encontro entre o Ministério e as organizações sindicais.

Tal como os professores, a atitude do Ministério continua irredutível. Numa convocatória enviada esta semana, o Governo propõe a contagem de dois anos, dez meses e 18 dias – uma contabilização muito aquém da pretendida pelos professores.

O Ministério disse que a proposta se tratava de uma “demonstração de boa-fé”, mas a Fenprof antecipou um “mau sinal”. Esta convocatória surgiu após os professores manifestarem total disponibilidade para voltar às negociações.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Doença cerebral misteriosa intriga médicos no Canadá

 A doença misteriosa foi identificada, pela primeira vez, em 2015, num doente considerado um "caso isolado e atípico". Há quase dois anos, Roger Ellis desmaiou depois de ter tido uma convulsão durante o 40.º aniversário de …

Estudo sugere que há quatro tipos de Alzheimer

Uma equipa de investigadores sugere que há quatro tipos da doença de Alzheimer, que atacam diferentes zonas do cérebro e têm sintomas distintos. Um novo estudo sugere que o Alzheimer é uma doença bem mais complexa …

Jovens tentam salvar vidas na Índia através do Youtube. Plataforma elimina vídeos por serem "perigosos"

A Índia continua a debater-se com a grave crise sanitária desencadeada pela covid-19. Jovens indianos publicaram no Youtube vídeos a produzir oxigénio em casa, usando processos químicos ensinados nas escolas. A plataforma eliminou-os. De acordo com …

Shuvuuia era um dinossauro do tamanho de uma galinha, que caçava às escuras

Os investigadores descobriram que Shuvuuia, um pequeno dinossauro do tamanho de uma galinha, tinha uma excelente audição e visão noturna, que lhe permitiam caçar de noite. São poucas as aves que têm aquilo que é preciso …

Na China, é ilegal pedir comida em excesso nos restaurantes

A China aprovou uma lei anti-desperdício de alimentos que proíbe clientes de restaurantes de pedirem mais do que precisam, uma legislação abrangente pode prejudicar a experiência de comer fora de casa. A lei, que entrou em …

Sindicato de pilotos denuncia pedidos da TAP para voos em folga

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) denunciou pedidos da Transportadora Aérea Portuguesa (TAP) para que alguns trabalhadores efetuem voos em dias de folga, ao mesmo tempo que afirma ter pilotos em excesso. Num email …

Bayern Munique 'festeja' nono título consecutivo com goleada

O Bayern Munique coroou este sábado o seu nono título consecutivo na Liga alemã de futebol com uma goleada no triunfo diante do Borussia Moenchengladbach (6-0), num jogo com um hat-trick de Lewandowski. Antes de pisar …

A piscina infinita mais alta do mundo fica no Dubai

Haverá poucas coisas tão libertadoras como dar um mergulho numa piscina infinita com vista para o oceano. Agora, quem visitar o Dubai poderá fazê-lo numa piscina a quase 300 metros acima do nível do mar. Segundo …

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …

Cimeira Social. Jerónimo de Sousa diz que não se respondeu aos verdadeiros problemas

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou este sábado, no Porto, que a Cimeira Social da União Europeia não respondeu às necessidades associadas ao emprego, à valorização dos salários e ao fim da precarização …