O problema de África são “7 a 8 crianças por mulher”, acha Macron

Francois Mori / EPA

Emmanuel Macron toma posse como presidente da França

Emmanuel Macron toma posse como presidente da França

O presidente francês causou revolta e indignação esta semana depois de afirmar que o principal problema do continente africano é o facto de as mulheres terem muitos filhos. Tal avaliação gerou uma enxurrada de críticas nas redes sociais.

O polémico discurso de Emmanuel Macron aconteceu durante a Cimeira do G20 – o encontro das 20 maiores economias do mundo, que aconteceu a 7 e 8 de julho em Hamburgo, na Alemanha. O vídeo só foi divulgado nesta segunda-feira.

O presidente francês afirmou que os problemas daquele continente não eram económicos, ecológicos ou políticos, mas sim “demográficos”. “Quando num país, as mulheres ainda têm sete a oito filhos, podemos gastar milhões de euros com eles, mas não vamos conseguir estabilizar nada”, alegou.

Macron abordou várias questões relacionadas com África durante a Cimeira. Nas redes sociais, os principais comentários acusaram o presidente de França de culpar crianças inocentes, em vez de responsabilizar as companhias estrangeiras que “os roubam”.

“Aparentemente, o roubo de recursos pelas empresas ocidentais não faz parte dos problemas que África enfrenta. É culpa de 7 a 8 crianças por mulher“, escreveu um utilizador no Twitter, acrescentando que o problema demográfico é resultado do subdesenvolvimento e não a causa.

“Esqueceu-se dos países que estão a roubar os recursos naturais do continente”, escreveu outro. Algumas pessoas citaram o discurso de Macron como um exemplo de “racismo quotidiano”.

“Sete e oito crianças por mulher não é um problema de civilização”, disse uma pessoa, enquanto outra acrescentou: “Estamos em 2017 e França ainda partilha opiniões colonialistas e racistas em relação a África. Há coisas que não mudam”.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Racismo? o homem está cheio de razão quantas mais crianças mais sofrimentos, pois os politicos africanos não querem saber do bem do povo para nada.

    • Puppet dos Rothschild, o que se esperava…Só pensam na porcaria do dinheiro.
      Vejam as condições que existem nesses países pobres e questionem o porquê das famílias terem muitos filhos.
      É que todos eles servem de mão de obra para trabalhar para sustentar a família, e mesmo assim sustentam muito mal, pois ganham uma miséria. E os pais querem ter alguém que cuide deles quando chegarem à velhice (se chegarem). E muitas dessas crianças nem chegam à idade adulta por conta da miséria em que vivem…

    • Socialismo e racismo não são compatíveis de forma alguma. Pense bem no significado de cada “opção”. Mas concordo consigo quando diz “Ele é um” (…) “colonialista e racista”

RESPONDER

Excesso de higiene está a tornar a nossa saúde mais frágil, aponta estudo

Um grupo de investigação do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) divulgou recentemente um estudo sobre a perda de diversidade da flora intestinal - também denominada como microbiota - e as consequências desta diminuição na nossa …

Tiroteio na Alemanha faz pelo menos seis mortos e vários feridos

Pelo menos seis pessoas morreram e várias ficaram feridas num tiroteio, esta sexta-feira, na cidade alemã de Rot am See. De acordo com vários media alemães, pelo menos seis pessoas morreram num tiroteio em Rot am …

IKEA aumenta salário de entrada dos trabalhadores para 700 euros

A IKEA aumentou o salário de entrada para trabalhadores a tempo inteiro de 650 euros para 700 euros brutos mensais, acima do salário mínimo nacional (635 euros), anunciou hoje a cadeia de venda de mobiliário. Em …

Mortes nos Comandos. Recruta diz que colocaram um cateter em Hugo Abreu já depois de estar morto

Rodrigo Silvano, o último recruta no curso 127 de Comandos a sair da tenda de enfermaria onde morreu Hugo Abreu no primeiro dia da Prova Zero, relatou ao tribunal que viu o enfermeiro do INEM …

Rafa inegociável. Benfica só vende por 80 milhões de euros

Rafa é inegociável. O Benfica só deixar sair o extremo de 26 anos pelo valor da sua cláusula de rescisão, que está fixada nos 80 milhões de euros. A notícia é avançada esta sexta-feira pelo Correio …

França é esta sexta-feira novamente palco de greve geral contra reforma das pensões

Os sindicatos franceses voltam à rua no 51.º dia de greve contra a reforma das pensões que é apresentada esta sexta-feira no Conselho de Ministros. Durante esta sexta-feira, não se espera o nível de paralisação …

Marcelo nada diz sobre eventual candidatura de Ana Gomes à Presidência da República

O Presidente da República recusou esta quinta-feira comentar, em Israel, uma possível candidatura presidencial da ex-eurodeputada do PS Ana Gomes. "Eu não faço comentários sobre a vida política portuguesa", justificou Marcelo Rebelo de Sousa, quando questionado …

Defeito nos travões força Metro do Porto a andar devagar. Falha foi detetada há um ano

O descarrilamento de um metro na estação de Campanhã foi provocado por um defeito nos patins eletromagnéticos. A avaria afeta vários veículos da frota do Metro do Porto. No passado dia 2 de janeiro, uma falha …

Soares da Costa acusada de ajudar hotel-fantasma a "sacar" 1,2 milhões de euros ao Estado

A Soares da Costa e dois ex-responsáveis de um dos maiores grupos de construção civil portugueses estão acusados de fraude e de branqueamento de capitais num processo judicial que envolve um hotel-fantasma, que nunca foi …

Chega vai organizar angariação de fundos para a pediatria do S. João (mas hospital não sabe de nada)

O partido Chega, liderado por André Ventura, vai realizar um jantar no Mercado Ferreira Borges, no Porto, esta sexta-feira, e anunciou que parte da receita reverte para o serviço de Oncologia Pediátrica do S. João. …