O problema de África são “7 a 8 crianças por mulher”, acha Macron

Francois Mori / EPA

Emmanuel Macron toma posse como presidente da França

Emmanuel Macron toma posse como presidente da França

O presidente francês causou revolta e indignação esta semana depois de afirmar que o principal problema do continente africano é o facto de as mulheres terem muitos filhos. Tal avaliação gerou uma enxurrada de críticas nas redes sociais.

O polémico discurso de Emmanuel Macron aconteceu durante a Cimeira do G20 – o encontro das 20 maiores economias do mundo, que aconteceu a 7 e 8 de julho em Hamburgo, na Alemanha. O vídeo só foi divulgado nesta segunda-feira.

O presidente francês afirmou que os problemas daquele continente não eram económicos, ecológicos ou políticos, mas sim “demográficos”. “Quando num país, as mulheres ainda têm sete a oito filhos, podemos gastar milhões de euros com eles, mas não vamos conseguir estabilizar nada”, alegou.

Macron abordou várias questões relacionadas com África durante a Cimeira. Nas redes sociais, os principais comentários acusaram o presidente de França de culpar crianças inocentes, em vez de responsabilizar as companhias estrangeiras que “os roubam”.

“Aparentemente, o roubo de recursos pelas empresas ocidentais não faz parte dos problemas que África enfrenta. É culpa de 7 a 8 crianças por mulher“, escreveu um utilizador no Twitter, acrescentando que o problema demográfico é resultado do subdesenvolvimento e não a causa.

“Esqueceu-se dos países que estão a roubar os recursos naturais do continente”, escreveu outro. Algumas pessoas citaram o discurso de Macron como um exemplo de “racismo quotidiano”.

“Sete e oito crianças por mulher não é um problema de civilização”, disse uma pessoa, enquanto outra acrescentou: “Estamos em 2017 e França ainda partilha opiniões colonialistas e racistas em relação a África. Há coisas que não mudam”.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Racismo? o homem está cheio de razão quantas mais crianças mais sofrimentos, pois os politicos africanos não querem saber do bem do povo para nada.

    • Puppet dos Rothschild, o que se esperava…Só pensam na porcaria do dinheiro.
      Vejam as condições que existem nesses países pobres e questionem o porquê das famílias terem muitos filhos.
      É que todos eles servem de mão de obra para trabalhar para sustentar a família, e mesmo assim sustentam muito mal, pois ganham uma miséria. E os pais querem ter alguém que cuide deles quando chegarem à velhice (se chegarem). E muitas dessas crianças nem chegam à idade adulta por conta da miséria em que vivem…

    • Socialismo e racismo não são compatíveis de forma alguma. Pense bem no significado de cada “opção”. Mas concordo consigo quando diz “Ele é um” (…) “colonialista e racista”

Responder a Enzo Cancelar resposta

380 baleias morreram encalhadas na Austrália. Este é o maior incidente registado no país

Morreram pelo menos 380 baleias-piloto presas numa baía remota da Tasmânia. Apesar dos intensos esforços para tentar salvá-las não foi possível evitar este cenário, informou hoje um responsável pelos serviços de socorro. "Temos um número mais …

Ansu vale 400 milhões e é "sucessor" de Lopetegui

A figura mais recente do Barcelona e do futebol espanhol entrou oficialmente na equipa principal e, por isso, a cláusula de rescisão "disparou". Em Barcelona continua-se a falar muito sobre Luis Suárez. Depois de Lionel Messi, …

Deputados chumbam divulgação imediata e integral da auditoria ao Novo Banco

Os deputados da Comissão de Orçamento e Finanças (COF) rejeitaram, esta quarta-feira, o requerimento do Bloco de Esquerda (BE) para divulgação pública imediata e integral do relatório de auditoria especial ao Novo Banco enviado pelo …

Bélgica recoloca Lisboa e região Centro no "vermelho"

As autoridades belgas aliviaram ligeiramente as medidas restritivas no quadro da pandemia da covid-19, apesar do aumento do número de casos, esta quarta-feira, e recolocaram a área metropolitana de Lisboa e a região centro de …

"É bastante provável que já se esteja a formar a covid-21"

Tudo "o que não sabemos" sobre o coronavírus - e é muita coisa! - é o que mais preocupa o especialista de Saúde Global do Conselho de Relações Externas dos EUA, Yanzhong Huang, que alerta …

Bruxelas propõe novo pacto para as migrações e pede compromisso a todos os Estados-membros

A Comissão Europeia propôs, esta quarta-feira, um novo Pacto para as Migrações e Asilo, à luz do qual "todos os Estados-membros, sem exceção", devem assumir as suas responsabilidades. Assumindo que "o sistema atual não funciona" e …

Após ameaças da Al-Qaeda, jornalistas franceses escrevem carta em defesa da Charlie Hebdo

Cerca de 100 órgãos de comunicação social em França publicaram hoje uma carta aberta apelando à defesa da liberdade de expressão, em apoio à revista Charlie Hebdo, quando decorre o julgamento dos atentados de 2015. A …

Lukashenko toma posse em cerimónia "secreta". Oposição apela a mais protestos

O Presidente da Bielorrússia foi empossado, esta quarta-feira, para um sexto mandato numa cerimónia não anunciada. A oposição já apelou a mais protestos. "Alexander Lukashenko prestou juramento na língua bielorrussa, após o qual assinou o ato …

"Não somos uma moeda de troca", diz Presidente do Irão. EUA terão de levantar sanções

O Presidente irianiano, Hassan Rohani, fez na terça-feira um discurso em tom desafiador e inflamado na Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), afirmando que os Estados Unidos (EUA) não terão outra alternativa que …

Depois das acusações de fraude, o fundador da Nikola renuncia ao cargo de presidente

Depois de um polémico relatório afirmar que Trevor Milton estava a mentir quando apresentou o prototipo do Nikola One, o fundador da empresa de camiões elétricos resolveu abandonar o cargo de presidente. Trevor Milton renunciou ao …