“Sem pieguices”. O Aliança acabou de nascer

António Cotrim / Lusa

O Aliança, liderada por Pedro Santana Lopes, reúne-se este fim de semana em congresso fundador com a eleição dos órgãos do partido, entre os quais a Direção Política Nacional, na ordem de trabalhos.

São mais de mil os delegados, observadores e convidados esperados para o primeiro congresso do partido Aliança.

Pedro Santana Lopes, que vai apresentar ao país o programa do partido e quer provar que “o Aliança não é de um homem só“, intervirá pelo menos em dois momentos – no sábado, a seguir ao almoço, e no encerramento do congresso, no domingo.

Na moção que leva ao congresso, “Um país às Direitas”, o presidente do novo partido clarifica quer ir a votos em todas as eleições: Europeias, Regionais da Madeira, Legislativas e Autárquicas de 2021.

Nas primeiras declarações ao congresso, na manhã de sábado, Pedro Santana Lopes confessou sentir alguma “emoção”, mas “sem pieguices”. “É especial, é muito especial, mas sem pieguices, sem pieguices. Mas com certeza que dá alguma emoção”, afirmou o líder do Aliança aos jornalistas, à entrada para o congresso do partido.

Questionado se sentia alguma nostalgia pelo PPD/PSD, partido que chegou a liderar e do qual saiu em agosto do ano passado para criar o Aliança, Santana Lopes disse que não. “Gosto de honrar todos aqueles com quem partilhei combates e respeitá-los e, por isso, ninguém me ouve, nem ouvirá, dizer mal das ‘casas’ onde já estive“.

Pedro Santana Lopes manifestou-se bem-disposto perante ““este momento extraordinário, de uma realização exigente, de um partido que nasceu há três meses e tal. Ainda não entrei, mas dizem-me que o que está lá dentro é a prova dessa capacidade de trabalhar e trabalhar muito”, vincou, insistindo tratar-se de “um momento especial”.

António Cotrim / Lusa

O presidente do Aliança, Pedro Santana Lopes, durante a sessão de abertura do 1.º Congresso do Aliança

Estatutos e regulamento eleitoral aprovados

O Congresso fundador do Aliança aprovou entretanto, por unanimidade, os estatutos, a declaração de princípios, o regulamento eleitoral e o símbolo do partido. Depois da aprovação dos estatutos, a presidente da Mesa do Congresso, Ana Costa Freitas, declarou que o Aliança “acabou de nascer”.

No texto, é indicado que o partido terá a sigla “A”, e é “inspirado nos princípios e valores do personalismo, liberalismo e solidariedade, no respeito pela Constituição da República Portuguesa, na dignidade da pessoa humana e na afirmação da vontade popular para a construção de uma sociedade mais livre, mais justa e mais solidária”.

De acordo com os estatutos do partido, o “símbolo constitui-se pela palavra ‘Aliança’ em cor azul escrita em itálico e em maiúsculas, composta com cedilha no ‘C’ em forma de triângulo de cor cinzenta”.

Já a declaração de princípios indica que a Aliança “assenta a sua matriz em três eixos fundamentais: personalismo, liberalismo e solidariedade”.

Após as votações, um dos congressistas perguntou se poderia propor uma alteração, mas a presidente da mesa remeteu esse pedido para outro momento, indicando que os documentos seriam postos à votação como estavam escritos.

Congresso para todos

Além dos discursos de Santana Lopes, para sábado à tarde estão previstas, para já, intervenções do cabeça-de-lista às eleições europeias, Paulo Sande, do embaixador António Martins da Cruz, e de um representante da CAP.

Todas as pessoas que cumpram com os requisitos estatutários podem ser militantes”, referiu à Lusa uma fonte do Aliança, que aponta que a nova formação política “é um partido bastante heterogéneo em termos de classes sociais, género e idades”.

“Não temos qualquer orientação em termos de perfil e não discriminamos ninguém”, continuou a fonte, referindo, porém, que do “Aliança fazem parte as pessoas que se identificam com os princípios do partido”.

O primeiro congresso nacional do Aliança decorre este sábado e domingo, na Arena de Évora. Este sábado, tem lugar a apresentação da declaração de princípios, estatutos e programa do partido, além do regulamento eleitoral e da moção de estratégia global.

Neste dia, serão também divulgados os símbolos, o hino, a marcha e “outras músicas” do Aliança. Durante a tarde, será discutida a moção estratégica global e, à noite, prevê-se a votação do documento.

Neste congresso fundador, o Aliança irá escolher os seus órgãos, decorrendo as votações no domingo durante a manhã.  Está nesse dia prevista a eleição da Mesa do Congresso, da Direção Política Nacional e do Senado Nacional, um órgão “com alguma proximidade” ao Conselho Nacional (órgão máximo dos partidos entre congressos). De Évora deverá sair ainda o Gabinete de Auditoria e a Comissão Jurisdicional.

Segundo o regulamento eleitoral, “as listas de candidatos deverão ser apresentadas ao presidente da Mesa do Congresso Nacional até às 23:00 do dia 09 de fevereiro” e as votações “são obrigatoriamente feitas por escrutínio secreto”. “O mandato de qualquer dos órgãos é de três anos”, é referido no documento.

De acordo com o regulamento do congresso, “o presidente da Direção Política Nacional e candidatos a presidente do partido usarão da palavra sem limite de tempo para apresentação da moção de estratégia global, bem como, o presidente eleito, no encerramento dos trabalhos ou quando o solicitar ao presidente da Mesa”.

Já o representante de cada Comissão Instaladora Distrital poderá intervir durante três minutos. Segundo o regulamento, “aos restantes oradores será atribuído o tempo que resultar da divisão do tempo disponível pelos inscritos, não podendo exceder três minutos a nível individual”, não sendo permitida cedência de tempo entre oradores.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Que haja mais de mil palermas não me surpreende; o que me surpreender é ver alguns a dizer que estão lá porque estão desiludidos com a política em Portugal!
    Ou seja: estão desiludidos e foram juntar-se a um político profissional que foi uma nulidade e só fez merd@ durante toda a sua vida politica?!
    Enfim…

  2. O partido nasceu e qualquer dia será enterrado. Até porque o seu fundador promete lutar contra coisas com as quais pactuou… e muito. E há buracos que ainda estão para ver a luz do dia.

RESPONDER

A atmosfera deste exoplaneta "infernal" está cheia de metal

Uma equipa de astrónomos observou um dos exoplanetas mais quentes já encontrados e conseguiu identificar, pelo menos, sete metais a flutuar na sua atmosfera. O WASP-121b, localizado a 850 anos-luz da Terra, orbita a sua estrela …

A supergigante Betelgeuse é mais pequena e está mais perto da Terra do que se pensava

De acordo com um novo estudo feito por uma equipa internacional de investigadores, podem ser necessários mais 100.000 anos até que a estrela gigante vermelha Betelgeuse morra numa explosão de fogo. O estudo, liderado pela Dra. …

Mulheres menos propensas à covid-19 por respeitarem mais o distanciamento social

Uma das razões pelas quais as mulheres podem ser menos vulneráveis ​​a infeção pelo novo coronavírus deve-se ao facto de serem mais propensas a aderir às políticas de distanciamento social, sugeriu uma nova pesquisa. Uma pesquisa …

Braga 3 - 0 AEK | Minhotos de gala conquistam atenienses

O Sporting de Braga iniciou a sua participação no Grupo G da Liga Europa com uma vitória. Na recepção aos gregos do AEK de Atenas, os minhotos mostraram ser muito mais equipa e ganharam por …

Capitalismo vai arruinar o planeta até 2050, alertam cientistas

Um grupo de cientistas alerta que se continuarmos com este capitalismo desenfreado, o nosso planeta vai sofrer consequências a nível climático e ambiental. Até 2050, o planeta Terra pode sofrer seriamente às mãos do capitalismo desenfreado. …

Os novos faróis inteligentes da Audi levam-no ao cinema sem sair do carro

Os novos faróis LED da Audi levam-no ao cinema sem sair do carro, já que são capazes de projetar imagens na estrada ou em paredes. A novidade é lançada na nova linha de SUVs elétricos da …

FC Porto foi "histriónico" e não se portou bem, escreve-se em Manchester

Jornal inglês alega que os elementos do FC Porto foram exagerados, turbulentos e não tiveram um comportamento adequado. Não há uma única palavra sobre o árbitro. Na manhã seguinte à derrota (3-1) do FC Porto em …

De passagem secreta a cemitério de carros. Túnel sob Nápoles "esconde" veículos enferrujados da II Guerra

No centro de Nápoles, em Itália, há veículos e motocicletas abandonados e enferrujados dos anos 1940 alinhados num túnel a mais de 30 metros abaixo dos seus pés. A Piazza del Plebiscito foi nomeada após uma …

Primeira ministra islandesa interrompida por um terramoto quando dava uma entrevista em direto

Um terramoto de magnitude 5.6 interrompeu uma entrevista em direto da primeira ministra islandesa ao The Washington Post. Mas Katrin Jakobsdottir reagiu à situação de forma tranquila: "Isto é a Islândia". Katrin Jakobsdottir estava a dar …

O voo mais longo do mundo está de volta (e agora é ainda mais longo)

O voo da Singapore Airlines que partia de Singapura com destino até Nova Iorque, foi uma das vítimas do covid-19 e ficou suspendo a 23 de março. Agora, é possível viajar nesta rota novamente, e …