As primeiras câmaras do mundo a detetar condutores ao telemóvel chegaram à Austrália

A utilização do telemóvel durante a condução é um dos principais problemas para a segurança rodoviária. Agora, na Austrália, um novo sistema quer ajudar a detetar a sua utilização.

Smartphones e condução são incompatíveis, pelo menos no que diz respeito à segurança rodoviária. As chamadas já não configuram uma grande ameaça, mas as aplicações tornam estes equipamentos muito apetecíveis, mesmo na hora da condução – o que pode ser um verdadeiro problema.

O governo local da região de New South Wales, na Austrália, teve uma ideia para tentar combater esta ameaça. Por isso, decidiu começar a utilizar câmaras com Inteligência Artificial (IA) que detetam condutores ao telemóvel.

Segundo o Russia Today, este novo sistema recorre à tecnologia para analisar fotografias captadas automaticamente. A Inteligência Artificial é utilizada para determinar se o condutor está a utilizar um smartphone durante a condução.

A IA é também responsável por filtrar as imagens do arquivo. Depois, um analista – desta vez, humano – despista os falsos positivos.

As câmaras serão instaladas em estradas públicas. Durante os primeiros três meses desta iniciativa, os condutores apanhados ao telemóvel vão ser alvos de um aviso. Depois, as infrações serão multadas com um valor mínimo de 233 dólares (cerca de 210 euros) e um máximo de 309 dólares (cerca de 279 euros).

Ainda assim, em ambos os casos serão subtraídos entre cinco a 10 pontos da carta de condução do condutor infrator.

As autoridades australianas estão convictas de que este novo sistema permitirá reduzir o número de incidentes provocados por uso indevido de telemóvel durante a condução. Aliás, segundo o Sapo Tek, as autoridades já levaram a cabo um teste que permitiu auferir que o sistema pode diminuir as incidências em cerca de 100 acidentes graves por cada cinco anos.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Líder do Volt é candidato à Câmara de Lisboa

Tiago Matos Gomes anunciou a sua candidatura à Câmara Municipal de Lisboa. É a primeira vez que o Volt Portugal vai a votos. O líder do recém-criado Volt, Tiago Matos Gomes, é o cabeça de lista …

Tribunal não consegue notificar informador do caso Tancos conhecido por "Fechaduras"

O Tribunal de Santarém não conseguiu notificar a testemunha Paulo Lemos, conhecido como "Fechaduras", para esta segunda-feira ser ouvido no processo de Tancos, onde chegou a ser arguido. No início da sessão, a decorrer no Centro …

“Ajudar o presidente a encontrar mulheres”. Deputada do PSD vai enviar lista de candidatas disponíveis para as autárquicas

No sábado, o líder do PSD Rui Rio afirmou que o partido tinha dificuldade em encontrar candidatas mulheres para as eleições autárquicas. Em resposta, Lina Lopes, coordenadora das Mulheres Social-Democratas, diz que não faltam mulheres …

Chega vai questionar Governo sobre "despesas supérfluas" da presidência da UE

O deputado único do Chega anunciou, no domingo, que vai questionar esta segunda-feira o gabinete do primeiro-ministro acerca das "despesas supérfluas" da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia. Em comunicado, André Ventura, que foi reeleito …

Ministra da Saúde alerta para continuidade de “três ameaças” da pandemia

A pandemia de covid-19 em Portugal continua a apresentar “três ameaças” apesar das medidas de restrição em vigor, adiantou hoje a ministra da Saúde, reservando o anúncio de eventuais medidas de desconfinamento para quinta-feira. Em declarações …

Portugal está "em condições invejáveis" de produzir hidrogénio verde, diz ministro do ambiente

"Estamos mesmo em condições invejáveis de sermos um grande produtor de hidrogénio verde", assegurou o ministro do ambiente e da ação climática, João Pedro Matos Fernandes, no terceiro de quatro debates do Expresso e da …

Biólogo defende que pandemia pode ter nascido de "erro honesto" em laboratório chinês

Professor de Princeton defende que não é possível descartar a possibilidade de que a pandemia tenha começado com uma fuga acidental num laboratório de virologia de Wuhan. A origem da pandemia de Covid-19 continua por apurar …

Israel reabre restaurantes e universidades após vacinar mais de metade da população

Israel, um dos países mais vacinados do mundo contra a covid-19, iniciou a terceira fase do desconfinamento, depois de o governo ter aprovado novas medidas que passaram a ser adotadas no domingo. Segundo avançou o Expresso, …

Mais 25 mortes e 365 novos casos nas últimas 24 horas

Os dados atualizados da Direção-Geral da Saúde (DGS) indicam que Portugal registou, nas últimas 24 horas, 25 mortes e 365 novos casos de covid-19. O boletim epidemiológico desta segunda-feira mostra que mantém-se a tendência de …

Ministra da Presidência lembra que desconfinamento será sempre "faseado e lento"

A ministra de Estado e da Presidência afirmou, este domingo, que o plano de desconfinamento será sempre "faseado e lento", dependendo da atuação do país e dos números concretos de cada momento. Em entrevista à SIC …