Portugal entre os países mais atrasados da UE na primeira dose da vacina

ZAP / Rawpixel

Mais de 8,2 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 foram administradas na União Europeia desde o início da vacinação, tendo Portugal das percentagem mais baixas no que toca à primeira dose.

Em causa está um sistema de monitorização online publicado esta segunda-feira pelo Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC, na sigla inglesa), tendo como base a informação atualizada dada àquela agência europeia pelos países, que revela que até hoje foram administradas 8.230.414 vacinas contra a covid-19 na UE e no Espaço Económico Europeu.

No que toca a Portugal, o país tem das percentagens mais baixas relativamente à administração da primeira dose, ao fixar-se nos 1,6%, apenas superado pelos Países Baixos (1,5%), Letónia (1,1%), Chipre (0,9%) e Eslováquia (0,5%). Para a Dinamarca não é apresentada qualquer percentagem.

Segundo os dados do ECDC, Portugal já recebeu 338.290 doses de vacinas contra a covid-19, tendo administrado 166.658 para a primeira dosagem, isto tendo de novo por base a informação prestada à agência europeia (os países apenas têm obrigação de notificar a estrutura a cada 15 dias).

Numa informação publicada há uma semana pela Direção-Geral de Saúde nas redes sociais, era indicado que tinham sido, até essa data, administradas 249.891 vacinas em Portugal, número que incluiria a primeira e a segunda dose.

Nos dados hoje publicados pelo ECDC, a liderar a lista de países mais avançados na primeira dose da vacinação contra o SARS-CoV-2 está a Irlanda (11,5%), Islândia (3,8%), Malta (3,7%), Finlândia (3,1%), Eslovénia (3%) e Polónia (3%).

De momento, estão a ser administradas na UE as vacinas da Pfizer-BioNtech, que está a ser utilizada desde final de dezembro passado, e a da Moderna, em uso desde meados deste mês no espaço comunitário, ambas assentes na tecnologia do ARN mensageiro.

No final da semana passada, o regulador europeu deu “luz verde” à vacina desenvolvida pela farmacêutica AstraZeneca com a Universidade de Oxford, que está envolta em polémica devido aos problemas de fornecimento.

Em Portugal, têm-se também registado polémicas sobre vacinação fora dos grupos prioritários.

Em comunicado, a diretora do ECDC, Andrea Ammon, observa que este instrumento hoje divulgado para rastrear vacinas permite uma “visão quase em direto do progresso da vacinação na Europa”.

“As campanhas de vacinação não devem ser vistas apenas como uma corrida para os maiores números à velocidade mais rápida [já que] à medida que o lançamento avança, as estratégias de vacinação terão de ser flexíveis e adaptáveis”, vinca Andrea Ammon, apelando a uma notificação mais frequente por parte dos países.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Quase 10 anos depois, avião de Gaddafi continua parado num aeródromo em França

Quase uma década depois de ter aterrado em solo francês, o avião presidencial do ex-ditador líbio continua parado num aeródromo no sul do país, estando no meio de vários processos judiciais que parecem não ter …

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …

Do subsolo sírio à nomeação ao Óscar: hospitais em tempos de guerra numa "era de impunidade"

The Cave é o nome de uma produção que esteve nomeada para o Óscar de Melhor Documentário de 2020. É também o lugar onde hospitais sírios se escondem para salvar vidas longe de bombardeamentos e …

Patrícia Mamona sagra-se campeã no triplo salto em pista coberta

Esta tarde, Patrícia Mamona tornou-se a terceira atleta portuguesa a garantir a medalha de ouro para Portugal no Campeonato da Europa em pista coberta. A portuguesa Patrícia Mamona conquistou, este domingo, a medalha de ouro na …

Dias de aulas mais longos, férias mais curtas e cinco períodos. Na Inglaterra, já se equacionam formas de recuperar o tempo perdido

Há três medidas em cima de mesa que podem vir a ser adotadas para combater os atrasos na aprendizagem dos alunos. Na Inglaterra, as escolas reabrem para aulas presenciais esta segunda-feira, mas já se pensa …

Índia abre centro de bem-estar para hóspedes abraçarem vacas e "esquecerem todos os problemas"

Animais de conforto e apoio emocional são cada vez mais populares em todo o mundo. Embora a maioria das pessoas use cães ou gatos, há também algumas escolhas mais bizarras, incluindo pavões, macacos e cobras. Os …

Abel Ferreira tentou levar jogador do Benfica para o Palmeiras

O treinador português Abel Ferreira, ao leme do comando técnico dos brasileiros do Palmeiras, pediu a contratação de Franco Cervi, que alinha pelo Benfica, mas acabou por ver a sua proposta recusada pelo jogador argentino. …

Governo aperta regras. Passageiros do Brasil ou Reino Unido têm de ter teste negativo e cumprir isolamento

Os passageiros provenientes do Brasil e do Reino Unido vão ser obrigados a apresentar um teste negativo e a cumprir 14 dias de isolamento profilático. A partir deste domingo, os passageiros provenientes do Brasil e do …

O primeiro hotel espacial mudou de nome (e deverá abrir em 2027)

Fechado em casa a sonhar com a próxima viagem? Esqueça as praias paradisíacas ou as grandes metrópoles. As férias do futuro podem vir a ser no Espaço. Tudo começou em 2019, quando a empresa californiana Gateway …