Portugal importou do Brasil 524 toneladas de carne suspeita de contaminação

Em 2016, Portugal importou de forma directa 524.519 quilos de carne do Brasil, equivalentes a 3,44 milhões de euros, de acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

A notícia é divulgada pelo Público, que adianta que Portugal comprou 2,29 milhões de euros (equivalente a 284.812 quilos) de carne de bovino congelada, a que se soma 1,02 milhões de euros (284.812 quilos) de carne fresca ou refrigerada de vaca e 85,1 mil euros de carne fresca, refrigerada ou congelada de aves (52.008 quilos).

Segundo o jornal, a carne importada por Portugal ao Brasil é distribuída no canal alimentar – na rede de super e hipermercados – mas entra também na rede Horeca (hotéis, restaurante e cafés) presentes no país.

Esta informação foi divulgada pela a BRF, uma das companhias de alimentos identificada na operação “Carne Fraca”, através da qual a polícia federal do Brasil recolheu provas contra uma organização criminosa liderada por fiscais, executivos de grandes empresas alimentares e intermediários que estariam a exportar carne ilegal e produtos estragados.

A BRF, que já veio refutar as suspeitas de corrupção e de qualidade inapropriada da carne, menciona Portugal no seu relatório e contas de 2015, como um dos países em que fornece a área de “food service” com a marca Sadia.

Segundo as investigações realizadas pela polícia federal na última semana, vários funcionários públicos brasileiros eram subornados por diretores de empresas alimentares  para darem aval a carnes com prazos de validade já ultrapassados, mas adulteradas.

Entre as práticas, foi comprovado o uso de químicos para melhorar o aspeto das carnes, a falsificação de etiquetas com a data de validade ou a inclusão de alimentos não adequados para consumo na elaboração de enchidos.

A venda de carne ilegal foi executada por grandes fabricantes e exportadoras de carne como a JBS e a BRF, que pagavam “luvas” para funcionários públicos para não serem fiscalizadas. Estas companhias teriam até a vendido carne estragada ou com prazos vencidos para maximizar os seus lucros.

Outros 21 estabelecimentos estão sob investigação e o Ministério da Agricultura afastou 33 funcionários por envolvimento no esquema.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

    • Sem dúvida, e então se as “grandes superfícies” pagassem um preço minimamente justo por essas produções e não fizessem o possível para pagar abaixo do preço de custo. Em vez de produtos de qualidade, andamos a comprar produtos deteriorados e aldrabados.

RESPONDER

Ex-gestores do Novo Banco seguem para Banco do Fomento e para CGD

Os gestores Vítor Fernandes e Jorge Freire Cardoso, que saíram do Novo Banco em divergência com a estratégia da Lone Star, vão desempenhar as funções de presidente do Banco de Fomento e de administrador na Caixa …

EUA acusado de prometer contrapartidas a Cabo Verde pela extradição de testa-de-ferro de Maduro

O antigo juiz espanhol Baltasar Garzón, que coordena a defesa de Alex Saab, detido em Cabo Verde e considerado testa-de-ferro do Presidente venezuelano Nicolás Maduro, acusou na quinta-feira os Estados Unidos (EUA) de prometerem contrapartidas …

Bispo italiano sugeriu a padre que pagasse 20 mil euros a vítima de pedofilia

O bispo católico de Como, em Itália, afirmou ter sugerido a um jovem padre suspeito de pedofilia que pagasse 20 mil euros à suposta vítima para encerrar uma investigação interna ao caso ocorrido numa residência …

Governo reforça financiamento de projetos LGBTI com 50 mil euros

O Governo vai reforçar em 50 mil euros o financiamento de projetos de organizações que atuem na defesa dos direitos das pessoas lésbicas, gays, bissexuais, trans e intersexo (LGBTI), anunciou o gabinete da secretária de …

CDS pede ao Governo "um plano de desconfinamento controlado, à inglesa"

Francisco Rodrigues dos Santos quer que o Executivo apresente um plano de desconfinamento que permita a retoma da atividade de alguns setores. Esta sexta-feira, o presidente do CDS-PP insistiu na necessidade de o Governo apresentar um …

Para os idosos que estão em lares, visitar a família sem isolamento poderá acontecer em maio

A CNIS estima que, com todos os idosos residentes em lares vacinados, maio possa ser o mês da libertação depois de mais de um ano de pandemia, confinamentos e restrições apertadas. DGS diz que orientações …

UE retalia e declara chefe da missão venezuelana "persona non grata"

A União Europeia (UE) decidiu, esta quinta-feira, declarar a chefe da missão venezuelana em Bruxelas persona non grata, respondendo ao anúncio feito por Caracas de dar 72 horas à embaixadora comunitária para abandonar o país. "Por …

Novo problema num Boeing 777 leva a aterragem de emergência na Rússia

Um Boeing 777 da companhia aérea russa Rossiya fez uma aterragem de emergência em Moscovo, esta sexta-feira, devido a um problema de motor, uma semana depois de um incidente semelhante com um aparelho do mesmo …

Covid-19. Mais 1.027 casos e 58 mortes em Portugal

Portugal registou hoje 58 mortes e 1.027 novos casos de infeção nas últimas 24 horas, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). O boletim epidemiológico desta sexta-feira, divulgado pela Direção-Geral da Saúde, dá conta de 1.027 novos …

Costa anuncia "passaporte sanitário" para circulação na UE (e aposta em novos modelos económicos)

O primeiro-ministro António Costa anunciou esta sexta-feira que a Comissão Europeia vai preparar um documento para facilitar a circulação entre países da União Europeia (UE). Segundo avançou o Correio da Manhã, este "passaporte sanitário", que estará …