Portugal desperdiça milhões da UE para oferta de fruta nas escolas

Portugal só aproveita um quarto das verbas disponibilizadas pela União Europeia para o Regime de Fruta Escolar, programa que distribui fruta gratuita nas escolas, para promover o seu consumo entre as crianças. E a culpa é da burocracia.

O Regime de Fruta Escolar (RFE) é financiado em 85% pela União Europeia (UE), mas Portugal só consegue aproveitar um quarto das verbas disponibilizadas, avança o Público.

Este cenário deve-se à elevada carga burocrática associada ao processo, devido ao facto de o RFE ser gerido por dois departamentos do Ministério da Agricultura e também pelos Ministérios da Educação e da Saúde.

O jornal nota que os últimos dados revelados apontam que o país só aproveita 25,2% da verba disponibilizada pela UE, que se situa à volta dos três milhões de euros por ano.

Portugal ocupa o antepenúltimo lugar na taxa de execução do programa, contrastando com a realidade de países como Espanha e Itália que usaram mais de 85% das verbas atribuídas pela UE.

O Público apurou ainda que o número de autarquias que participam no RFE caiu de 154, no ano lectivo 2009/2010, para 114. A situação deve-se ao facto de o programa ser “extremamente burocrático e com enormes custos operacionais“, conforme alega a Câmara de Lisboa, uma das que não adere à iniciativa, em nota ao jornal.

As candidaturas ao programa são feitas pelas autarquias, que têm que tratar dos aspectos operacionais envolvidos, nomeadamente da recolha da fruta, que depois é distribuída pelas escolas. As crianças recebem peças de fruta, ou tomate e cenouras, duas vezes por semana.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. nao se preocupem.
    agora temos e nao usamos, quando perdermos esses subsidios, os politicos para sacudirem a agua do capote (incompetencia) vêm dizer que a culpa é de bruxelas.

  2. Tanto assessor e secretario e assessores destes todos e ninguem mexe um dedo para o que quer que seja… E a Republica das Bananas… Enfim!

  3. A ignorância e os interesses ocultos dos nossos governantes e políticos é patente, pois será nas escolas, primeiro e importante veículo informacional, que os futuros cidadãos portugueses se vão dar conta que só serão saudáveis se comerem mais frutas e vegetais. Entre outros, os “lobbies” agro-pecuário e farmacêutico, têm os políticos e médicos reféns de interesses económicos óbvios e é exclusivamente pela alimentação equivocada da população que os hospitais estão a abarrotar de doentes que não foram devidamente informados por quem de direito a favor de estilos de vida saudáveis.

RESPONDER

"O tempo das autoestradas terminou", diz Pedro Nuno Santos

O ministro das Infraestruturas defendeu esta quinta-feira, durante a apresentação do Programa Nacional de Investimentos 2030, que a aposta dos “sucessivos” governos na rodovia reflete-se na condição atual da rede ferroviária. “Não temos um grande histórico …

Arcebispo russo considerado "sexista do ano" morre durante reabilitação do coronavírus

O arcebispo russo Dimitry Smirnov, conhecido por fazer comentários controversos sobre mulheres, morreu aos 69 anos durante a reabilitação do coronavírus, anunciou um porta-voz da Igreja Ortodoxa Russa na quarta-feira. No início de 2020, Dimitry Smirnov foi …

Será necessária declaração para deslocações entre concelhos

O Governo esclareceu que quem precisar de se deslocar entre 30 de outubro e 3 de novembro, quando estará proibida a circulação entre concelhos, necessita de uma declaração, sendo as exceções as mesmas que foram …

Cães conseguem detetar covid-19, mas não estão a ser usados. "Podiam salvar tantas vidas"

Um cão pode cheirar um pano que antes esteve no pulso ou no pescoço de alguém e identificar imediatamente se a pessoa contraiu o vírus até cinco dias antes do aparecimento de qualquer sintoma. Parece …

Noruega com poucos casos de infeções nas escolas. Medidas podem ser aliviadas

A Noruega mantém as escolas com o segundo nível das medidas para combate à pandemia. Contudo, pondera aliviá-las caso se confirme que as crianças não têm um papel acrescido na transmissão do vírus. As autoridades de …

Ex-SCUT com descontos para passageiros frequentes e transporte de passageiros

Os passageiros particulares frequentes e os veículos de transporte de passageiros vão ter descontos na passagem pelas portagens das antigas SCUT a partir de 1 de janeiro, anunciou esta quinta-feira o Governo. De acordo com a …

Situação "muito grave" leva a uma nova corrida ao papel higiénico na Alemanha

A Alemanha atingiu esta quinta-feira um novo máximo diário, com mais de 11 mil casos em apenas 24 horas. A nova vaga de infeções está a levar os alemães a um novo açambarcamento de papel …

Taça: todos os "grandes" defrontam equipas do terceiro escalão

FC Porto, Benfica e Sporting vão jogar em casa de formações do Campeonato de Portugal. Sporting de Braga estará na Trofa. Decorreu nesta quinta-feira o sorteio da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, a …

DGS vai comprar mais de 100.000 frascos de Remdesivir até março de 2021

A Direção-Geral da Saúde vai adquirir entre este mês e março de 2021 mais de 100.000 frascos do medicamento antiviral remdesivir, com a designação comercial Veklury, para tratamento de doentes com covid-19. A decisão foi tomada …

Utilizadores do PayPal vão poder usar criptomoeda para pagar a mais de 26 milhões de comerciantes

O PayPal anunciou que vai investir no mercado das criptomoedas, lançando um novo serviço que permitirá aos utilizadores da plataforma nos Estados Unidos comprar, guardar e vender moeda digital, já a partir de 2021. De acordo …