Portugal tem um dos défices mais baixos da Zona Euro em 2021 (mas Leão não nega orçamento retificativo)

Nuno Fox / Lusa

O ministro das Finanças, João Leão

O Governo volta a reunir com BE, PCP e PAN na tentativa de conseguir um consenso para o OE2021, após ter sido criticado pelos partidos por sendo por não ir longe o suficiente. No entanto, uma análise europeia mostra que o défice nacional será um dos mais baixos.

Depois do OE2021 ter sido entregue a 12 de outubro no Parlamento, seguiram-se muitas críticas, sendo que uma delas foi feita pela esquerda dizendo que o OE não vai tão longe quanto podia.

No entanto, os planos orçamentais entregues à Comissão Europeia mostram que o défice orçamental com que o Governo desenhou o Orçamento do Estado para 2021 é um dos mais baixos da Zona Euro, diz o Eco.

Tendo em conta os documentos entregues pelos governos da Zona Euro à Comissão Europeia, o défice de 4,3% do PIB implícito ao OE 2021 apenas é mais alto do que da Letónia (-3,9%), Grécia (-3,9%) e Luxemburgo (-2,7%) e é igual ao da Alemanha (4,3%).

Por outro lado, fica bastante abaixo do défice de Espanha (-7,7%), Irlanda (-5,7%) e França (-6,7%). Isto sugere que Portugal planeia ter um estímulo orçamental mais curto do que a maioria dos países europeus em 2021, os quais deverão aproveitar mais a suspensão das regras orçamentais europeias.

Previsão do défice para 2021 entre os mais baixos da Zona Euro

Porém, na diferença entre o défice de 2020 e o de 2021, o que pode ser interpretado como o ajustamento orçamental de cada país, Portugal está a meio da tabela com uma redução do défice de três pontos percentuais. Em 2020, Portugal também está entre o grupo de países com um défice mais baixo no ano em que a pandemia chegou à Europa.

No ajustamento estrutural, Portugal também surge a meio da tabela com uma redução de seis décimas do défice estrutural. Em valor, o défice estrutural português de 2021 (2,4% do PIB potencial) também apenas fica acima do da Grécia, Luxemburgo e Letónia.

Depois de ser acusado de não ir tão longe quanto podia no Orçamento, o Governo tem argumentado que Portugal tem uma dívida pública elevada face à dimensão da economia, a qual irá aumentar significativamente em 2020 para quase 135%. Um motivo que leva o Executivo a ser mais cauteloso nos estímulos orçamentais.

Ainda assim, tanto o ministro das Finanças como o ministro da Economia garantam que existe margem para mais apoios às empresas e cidadãos, se a pandemia piorar.

É também por essa razão que João Leão não exclui um Orçamento retificativo ainda este ano ou no próximo. Tudo vai depender da evolução da pandemia, mas para já este OE 2021 é o cenário apresentado pelo Ministério das Finanças.

  ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Domingo "gordo": os 18 resultados de um dia agitado no futebol

Muitos golos, muitos empates. Barcelona-Real estranho, José Mourinho expulso e Rui Vitória a sofrer uma goleada nunca vista. Tínhamos deixado aqui o aviso: o dia 24 de Outubro iria ser um "domingo gordo" no futebol. Foram …

Luis Marques Mendes

Não viabilizar o OE2022 seria "suicídio eleitoral" para o PCP

O Orçamento do Estado não parece ter a aprovação garantida e foi um tema inevitável no comentário de Luís Marques Mendes neste domingo à noite, na SIC. O comentador político considera que a intenção de o …

Ricciardi quer criar banco para regenerar nome da família Espírito Santo

José Maria Ricciardi diz que vai tentar criar um novo banco para "regenerar o nome da família Espírito Santo", baseado num conceito diferente dos bancos clássicos. Em entrevista ao jornal Público, José Maria Ricciardi, ex-administrador do …

Manchester United 0-5 Liverpool: o "mimado" Cristiano deveria ter sido expulso

Resultado histórico, mesmo raro em vários aspectos. "Batemos no fundo", admitiu Solskjær. Pogba foi expulso, Cristiano Ronaldo quase. O resultado deste jogo chegava para escrever uma notícia. O jogo de futebol mais aguardado no Reino Unido, …

O avançado Beto na sua apresentação na Udinese.

De trabalhador do KFC a "Haaland português". Pelo meio, Beto esteve para desistir do futebol

Agora a fazer tremer os defesas adversários em Itália, Beto teve uma vida e carreira atribuladas. Chegou a trabalhar no KFC e "por sorte" não deixou o futebol. Foi um salto gigante, mas não maior do …

Abdalla Hamdok, primeiro-ministro do Sudão

Golpe de Estado no Sudão. Primeiro-ministro e outros líderes detidos e internet cortada em todo o país

A internet e a rede telefónica estão a sofrer cortes no Sudão, que já sofreu uma tentativa de golpe de Estado há poucas semanas. Vários ministros, incluindo o primeiro-ministro Abdalla Hamdok, foram detidos. Depois de semanas …

Rui Rio, presidente do PSD

Entre risco e recompensa, direita mantém-se incerta perante chumbo do Orçamento

A esquerda arrisca perder votos caso suceda um cenário de eleições antecipadas com um eventual chumbo do OE. À direita, por sua vez, paira a incerteza. O cenário tem sido equacionado frequentemente nos últimos tempos. Anda …

Sporting está no pódio dos melhores clubes de formação (com Benfica na iminência)

O Ajax é o clube com mais jogadores da sua formação a atuar nas 31 principais divisões europeias. O Sporting surge no terceiro posto, Benfica no oitavo e FC Porto no 16.º. O Observatório do Futebol …

Ministro alemão diz que "é legítimo" proteger fronteiras com muros

O ministro do Interior alemão, Horst Seehofer, considerou que "é legítimo" querer proteger as fronteiras, numa altura em que Estados europeus exigem a ajuda da UE para erguer muros que evitem a entrada de migrantes. A …

Pintor da corte tentou impedir Henrique VIII de casar com Ana de Cleves. O rei ignorou - e arrependeu-se

A aristocrata alemã Ana de Cleves foi a quarta das seis esposas de Henrique VIII, casando-se com o rei inglês a 6 de janeiro de 1540. Depois de mais um divórcio, e de estar dois anos …