Portugal condenado no caso dos swaps anulados pelo governo de Passos

PSD / Flickr

Os presidentes do CDS-PP, Paulo Portas, e do PSD, Pedro Passos Coelho

Os presidentes do CDS-PP, Paulo Portas, e do PSD, Pedro Passos Coelho

O governo português terá que indemnizar o Banco Santander em 1,8 mil milhões de euros, no âmbito dos contratos “swap” com o Metro de Lisboa, a Carris, o Metro do Porto e a STCP que foram considerados nulos pelo governo de Passos Coelho.

O Commercial Court de Londres, responsável por averiguar o processo movido pelo Santander contra as quatro empresas públicas, decidiu plenamente a favor do Banco espanhol, noticia esta sexta-feira o Diário de Notícias.

O Estado terá assim de pagar 1,8 mil milhões de euros à entidade financeira, depois de o governo PSD/CDS, com Maria Luís Albuquerque na pasta das Finanças, ter decretado a nulidade dos referidos contratos “swap” celebrados entre 2005 e 2007.

Em causa estão contratos assinados com o Santander por parte do Metro de Lisboa, do Metro do Porto, da STCP e da Carris no valor de 1,3 mil milhões de euros.

Durante o executivo de Passos Coelho, o governo entendeu que os gestores públicos das ditas empresas “não tinham capacidade para assinar os contratos, pedindo por isso a sua nulidade“, escreve o DN.

Assim, em Setembro de 2013, as empresas deixaram de pagar ao Banco que ainda tentou negociar com Maria Luís Albuquerque uma solução que permitisse ao Estado retomar os pagamentos e evitar o litígio no Commercial Court.

Não tendo sido alcançado qualquer entendimento, o Santander partiu para tribunal em Maio de 2015 e vê agora a sua razão confirmada pelo Commercial Court que, além de condenar o Estado português, ainda frisa que o Banco cumpriu o dever de recomendação às quatro empresas públicas quanto às consequências da situação.

O Diário de Notícias nota que os juros acumulados pelo incumprimento já são superiores a 233 milhões de euros. Esta situação é mais uma má notícia para as contas do Orçamento de Estado, obrigadas a mais um esforço acrescido.

O governo de António Costa deverá tentar negociar com o Santander a forma e o prazo para pagamento do valor em causa e poderá entrar na equação o interesse do Banco espanhol em adquirir o Novo Banco.

ZAP

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

    • Depois vêm os profetas da desgraça dizer que foram os outros que levaram quase o país à bancarrota.Papagaios,estejam mas é calados.

  1. Negócios que não são respeitados dão este resultado.
    É cada vez mais urgente legislar para responsabilizar os autores destas situações,estejam eles a exercer funções publicas onde estiverem (Governo,Autarquias,Escolas,Hospitais,Empresas Públicas,etc,) obrigando-os a indemnizar o ESTADO por estes desmandos.
    Já agora gostava de saber-NÃO PODE HAVER RECURSO DESTA DECISÃO?
    NÃO PODE SER RENEGOCIADA ESTA CONDENAÇÃO?
    E AS CONTAS ESTÃO MESMO BEM FEITAS?
    OBS-Realmente o BANIF vai ser uma boa borla para o Santander

    • Senhor Belmiro cunha, gostei da sua frase em que diz: “É cada vez mais urgente legislar para responsabilizar os autores destas situações,estejam eles a exercer funções publicas onde estiverem”.
      Esta frase faz-me relembrar o sentimento que eu tenho quanto ao caso do BES e outros banqueiros que também lixam o povo, o banco abre falência e continuam a ter os palacetes para viverem e fortunas bem guardadas para o resto da vida em plena liberdade.
      OBS: Eu não sou nenhum lesado de qualquer banco mas revolta-me a maneira que o povo é roubado e ficam em liberdade a viverem na maior.

  2. Mas que raio de sandice é esta que anestesiou os Portugueses e que permite a estes moços munirem-se de um cartão do partido para ocuparem os mais altos cargos do poder, exercendo sobre os demais uma força e uma gestão que apenas se mede por carga fiscal, dívidas e abundante actividade intestinal?!

    O delta da política é um local privilegiado para escumalha e incompetência, um verdadeiro paraíso de inimputabilidade, de proveitos pessoais e tribais, governo após governo, geração após geração.

  3. O máfia financeira internacional controla mesmo tudo!!
    Commercial Court de Londres?!
    Mas o que é isso?!
    Tribunais manhosos estrangeiros já julgam o que se passa em Portugal?
    Está bonito…

  4. Enquanto os detentores do poder não puderem ser responsabilizados pelos actos gravosos que obrigam o povo a desembolsar enormes quantidades de dinheiro sem qualquer espécie de benefício, e está à vista que para pagar esse dinheiro o terão que o ir buscar a mais impostos, Isto não vai mudar. Se há um tribunal internacional para julgar estes casos e a que Portugal aparentemente tem de obedecer, onde está o tribunal para culpabilizar estes imbecis, penhorarem todos os seus bens e metê-los na cadeira por tempo indefinido????

Trabalhadores em lay-off podem perder dois a três salários em 2020

Feitas as contas com base nas linhas gerais do Programa de Estabilização Económica e Social, os trabalhadores em lay-off podem perder dois a três salários em 2020. O lay-off simplificado veio trazer uma solução rápida para …

Misterioso líquido descoberto dentro de pote em forma de cisne num túmulo chinês

Uma equipa de arqueólogos encontrou um misterioso líquido dentro de um pote de bronze em forma de cisne. O artefacto foi descoberto dentro de um túmulo chinês com mais de 2 mil anos. Um antigo túmulo …

Trump criticado após dizer que queda no desemprego é um "ótimo dia" para George Floyd

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, disse esta sexta-feira que a queda inesperada do desemprego marca “um ótimo dia” para George Floyd, o afro-americano cuja morte às mãos da polícia desencadeou protestos em …

Depois de Trump, Bolsonaro ameaça retirar Brasil da OMS

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, ameaçou na sexta-feira retirar o país da Organização Mundial da Saúde (OMS), após acusar a entidade de atuar de forma "política", "partidária" e "ideológica" num momento de pandemia de covid-19. “Eu …

Cientistas podem ter finalmente descoberto como funciona a anestesia geral

Cientistas podem ter descoberto, finalmente, como é que os anestésicos fazem as pessoas perder a consciência. A anestesia geral foi usada, pela primeira vez, em 1848, no Hospital Geral de Massachusetts, nos Estados Unidos, num paciente …

Com semáforos e muitas regras, arranca oficialmente a época balnear

A época balnear arranca hoje em todas as praias do Algarve, Almada, Cascais e na praia da Nazaré, com regras de distanciamento social e lotação máxima definida, devido à pandemia da covid-19, e com apelos …

Reabertura dos estádios em cima da mesa. Tudo depende dos adeptos

A reabertura dos estádios de futebol em Portugal vai depender do comportamento dos adeptos, indicou esta sexta-feira a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas. Na habitual conferência de imprensa de atualização da informação relativa à evolução da …

Mais de 50% dos portugueses querem que Centeno continue no Governo

Mais de 50% dos portugueses querem que Mário Centeno continue como ministro de Estado e das Finanças, segundo um estudo em que 69% dos inquiridos acham que António Costa "fez bem" em apoiar a recandidatura …

Estudo mostra como é que algumas plantas se tornaram carnívoras

Há cerca de 70 milhões de anos, quando os dinossauros ainda andavam pela Terra, uma anomalia genética iniciou o processo que fez com que algumas plantas se tornassem carnívoras. Para investigar como é que as plantas …

Marte pode já ter tido um anel à sua volta (e voltar a tê-lo)

Uma nova investigação revela que Marte pode ter tido um anel à sua volta. A nova pista está em Deimos, a mais pequena das duas luas marcianas. A sua estranha órbita está inclinada em relação …