Pneus usados ficam mais caros (e são mais perigosos) que pneus novos

A DECO vai requerer a criação de um quadro legal específico que obrigue à triagem obrigatória dos pneus usados vendidos por considerar que sua venda não contempla a segurança e a qualidade do produto em causa.

Esta é uma das conclusões do estudo elaborado pela Associação Portuguesa para Defesa do Consumidor, sobre a venda de pneus usados em Portugal, que a DECO considera ser “um setor em que os consumidores estão desprotegidos“.

“A possibilidade de adquirir um produto que respeite os critérios de segurança parece ser uma questão de sorte. A aleatoriedade da qualidade e da segurança dos pneus vendidos é total”, refere o estudo da associação.

“Um operador que, hoje, venda pneus que deviam há muito ter sido eliminados das lojas, amanhã poderá vender outros em condições aceitáveis para a sua reutilização”, acrescenta.

Perante estas conclusões, a DECO vai pedir “a criação de um quadro legal específico, como já existe noutros países, protegendo os consumidores, e que obrigue, por exemplo, à triagem obrigatória dos pneus usados vendidos, responsabilize os operadores ou crie a obrigatoriedade da rastreabilidade da origem dos pneus usados à venda”.

A associação vai também exigir às autoridades de segurança e prevenção rodoviárias que “passem a incluir, nos respetivos autos de acidentes de trânsito, informações sobre o estado e, quando possível, sobre a natureza dos pneus utilizados pelas viaturas envolvidas”.

Por fim, é intenção da DECO requerer à Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) “que desencadeie medidas visíveis de fiscalização, de modo a que haja um reforço da segurança dos consumidores”.

Fica mais caro comprar pneus usados do que novos

Além do teste à segurança, o estudo da DECO incidiu igualmente sobre a rentabilidade para o consumidor da aquisição de pneus usados e concluiu tratar-se de “um mito”.

Sai mais caro comprar pneus usados do que optar por uns novos”, salienta a associação.

Para a elaboração deste estudo a DECO comprou 89 pneus usados, 50 dos quais apresentavam “falhas graves de segurança que deviam impedir a sua venda”.

A associação verificou que a maioria dos pneus apresentavam um rasto abaixo dos limites legais definidos, estavam furados e não reparados e vários estavam ovalizados – sendo que neste caso alguns não se equilibravam e outros só assentavam meia superfície no pavimento.

Entre os 89 pneus adquiridos, vários apresentavam profundidades desiguais em várias zonas de medição do rasto do mesmo pneu e outros tinham remendos laterais, com rasgões ou com a estrutura metálica visível.

Dezassete tinham mais de dez anos e um par de pneus tinha 19 anos.

/Lusa

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Mais um estudo “encomendado”… Mas alguém acredita que é normal comprar pneus usados nessas condições? (deformados/gastos/furados/etc). Não faz qualquer sentido fazer um estudo desta forma. Já comprei pneus usados, já comprei novos e acho que está ela por ela. Cada um tem as suas vantagens, um pneu usado serve sempre para remediar.

  2. Completamente de acordo com este estudo da DECO!!
    Embora, nos últimos tempos eu tenha comprado pneus usados (a amigos/conhecidos e praticamente novos – com menos de dois anos de fabrico), a grande maioria é mesmo lixo!!
    É urgente controlar, principalmente, a idade dos pneus!

  3. Sou utilizador de pneus em 2ª mão, sou eu que os escolho sempre, nunca compro sem olhar para eles e verificar a data de fabrico dos mesmos… acho que em vez de criarem esta “lei” deviam alertar os consumidores de como verificar o bom estado de um pneu usado… prefiro usados de marca, do que novos dos chineses, já tive muitas mas experiências com pneus novos “baratinhos” NUNCA MAIS

  4. ACHO QUE DEVIAM FISCALIZAR MAIS ,POIS JA COMPREI PNEUS RECAUCHUTADOS ! POR NOVOS !! EXISTE FALSIFICAÇAO E NAO EXISTE MEDIDAS CONCRETAS DE CONTROLO !

RESPONDER

Hermínio Loureiro pede suspensão de mandatos na FPF e COP

Hermínio Loureiro pediu a suspensão dos mandatos de vice-presidente da FPF e do COP, esta sexta-feira, na sequência da acusação do Ministério Público na operação Ajuste Secreto. Numa carta enviada à FPF, a que a agência …

Oxford escolhe "emergência climática" para Palavra do Ano 2019

A Palavra do Ano 2019 escolhida pelos Dicionários de Oxford foi "emergência climática", "situação na qual é requerida uma ação urgente", revelou na quinta-feira esta componente da editora da Universidade homóloga. A Palavra Oxford do Ano …

Erro no IRS de 2015. Contribuintes podem contestar nova liquidação

O novo apuramento do imposto abrange cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 milhões de euros. A Autoridade Tributária e Aduaneira já enviou uma carta aos contribuintes cuja liquidação do IRS relativo a 2015 …

Jesus vai receber título de cidadão honorário do Rio de Janeiro

O técnico português do Flamengo será condecorado, na próxima segunda-feira, com o título de cidadão honorário do Rio de Janeiro. A distinção a ser entregue pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro foi anunciada num cartaz …

Governo compromete-se a concluir processo de regularização dos precários

O Governo comprometeu-se com a conclusão, no início da legislatura, do Programa de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários na Administração Pública (PREVPAP), mas sem avançar uma data concreta. O debate temático sobre o PREVPAP, que decorreu …

Camboja acaba com passeios turísticos de elefante em Angkor

Os passeios de elefante, que são umas das principais atrações turísticas pelas áreas dos templos de Angkor, no Camboja, deixarão de o ser em 2020. Em 2016, uma elefante fêmea morreu por insuficiência cardíaca depois de …

MPLA afasta "Tchizé" dos Santos do comité central e suspende-a por dois anos

O Bureau Político do MPLA aprovou, esta quinta-feira, o afastamento de Welwitschia 'Tchizé' dos Santos de membro do comité central do partido no poder em Angola e a suspensão por dois anos da condição de …

Coldplay adiam divulgação de álbum. Querem uma digressão mais "respeitadora do ambiente"

O líder dos Coldplay anunciou na quinta-feira que o grupo musical britânico adiou a digressão de apresentação do seu novo álbum, que é publicado esta sexta-feira, para ser o mais limpa possível e ter um …

Vila Galé já estuda novo resort na região do Brasil onde abandonou projeto

O Vila Galé vai mesmo avançar com uma nova unidade hoteleira na mesma região do Brasil onde decidiu abandonar o projeto que tinha, depois das críticas de que ia investir em potencial zona de reserva …

França ultrapassa Alemanha. É o pais europeu com mais pedidos de asilo

França tornou-se no país europeu com mais pedidos de asilo, pela primeira vez desde o início da crise migratória em 2015, afirmou esta quinta-feira em Paris o ministro do Interior. “A França tornou-se desde 20 de …