Pintura de Van Gogh de Paris nunca antes vista exibida pela primeira vez

Yoan Valat / EPA

Uma pintura de Vincent Van Gogh de uma rua de Paris foi exposta pela primeira vez depois de passar mais de 100 anos “escondida” pelos seus proprietários.

Uma cena de rua em Montmartre, em Paris, pertenceu a uma família francesa a maior parte do tempo desde que foi pintada em 1887.

No passado, foram feitas pequenas reproduções, geralmente em preto e branco. “O que é empolgante é que é uma pintura de Van Gogh que está escondida desde que saiu do cavalete do artista”, disse Martin Bailey, especialista em Van Gogh, em declarações à BBC. “Sempre esteve em coleções particulares, por isso apenas os proprietários e os seus amigos conheciam-na”.

“É um quadro interessante porque é uma obra de transição entre os anos holandeses de Van Gogh, quando pintava em cores escuras e terrosas, e as obras exuberantes que fez na Provença. Foi em Paris que descobriu os impressionistas e isso levou-o a explorar a cor”, explicou Bailey. Esta é “a primeira vez que podemos vê-la corretamente”.

Montmartre ainda era semi-rural quando a cena foi pintada. Um moinho de vento destaca-se por trás de alguns moradores locais. A famosa igreja Sacré-Cœur que agora domina a área ainda estava em construção na época.

Este quadro é apenas um de uma série de obras que Van Gogh criou enquanto se hospedou com o seu irmão Theo em 1886 e 1887 a uma curta distância da rua retratada na pintura.

A pintura será exibida nas casas de leilão da Sotheby’s em Paris, Amesterdão e Hong Kong antes da sua venda em 25 de março. “O aparecimento no mercado de uma obra deste calibre, e de uma série tão icónica, é sem dúvida um grande evento”, disse a Sotheby’s.

A Sotheby’s estima que o quadro pode chegar a oito milhões de euros quando for vendido em leilão no próximo mês.

Segundo Bailey, o preço estimado de cinco a oito milhões de euros reflete o facto de que as pinturas do artista em Paris não alcançam as “megassomas” das suas pinturas da Provença,. “Mas até que o martelo desça, obviamente nunca se sabe o que vai acontecer num leilão. Agora há um grande interesse em Van Gogh no Extremo Oriente, por isso o mercado de Van Gogh é verdadeiramente global”, rematou.

Van Gogh trocou Paris pelo sul da França em 1888, dizendo que estava cansado do ritmo frenético da vida parisiense. No sul, o artista cortou parte da sua orelha esquerda durante um episódio de doença mental. Mais tarde, suicidou-se, disparando um revólver contra o seu peito perto de Paris em julho de 1890.

[sc name=”assina” by=”Maria Campos, ZAP” url=”” source=””
PARTILHAR

RESPONDER

Já pode "adotar" um pedaço de Notre-Dame para ajudar na sua reconstrução

Uma organização está a dar a oportunidade de o público ajudar na reconstrução de artefactos específicos da catedral de Notre-Dame, em França, que foi parcialmente destruída por um incêndio em 2019. De acordo com a cadeia …

Proporção divina identificada na gerbera

Descobrir como se formam os padrões distintos e omnipresentes das cabeças das flores tem intrigado os cientistas há séculos. Quando se pede a alguém que desenhe um girassol, quase todas as pessoas desenham um grande círculo …

Audi apresenta o novo Q4 e-tron que traz uma autonomia até 520 km

Ainda antes do verão, a Audi vai colocar no mercado o seu primeiro SUV elétrico concebido de raiz e não adaptado a partir de uma plataforma concebida para motores a combustão. O Q4 e-tron destaca-se pela …

Vanuatu em alerta depois de um corpo com covid-19 ter dado à costa

Vanuatu proibiu viagens de e para a sua principal ilha três dias depois de ter dado à costa um corpo de um pescador filipino, que testou positivo à covid-19. De acordo com a Radio New Zealand, …

Cientistas russos querem criar a primeira vacina comestível contra a covid-19

O Instituto de Medicina Experimental de São Petersburgo, na Rússia, anunciou o seu plano de concluir dentro de um ano os testes pré-clínicos da primeira vacina comestível do mundo contra o novo coronavírus. Em entrevista à …

Em plena crise política, o país mais pobre das Américas ainda não recebeu nenhuma vacina

Numa altura em que a maior parte dos países já têm o processo de vacinação a decorrer, o governo do Haiti ainda não garantiu uma única dose da vacina contra o coronavírus. O país mais pobre …

Afinal, Leonardo da Vinci não esculpiu o busto de Flora

Está terminada a controvérsia que durou mais de cem anos após a aquisição do Busto de Flora em 1909, por Wilhelm von Bode. A datação por radiocarbono revelou, recentemente, que a obra não foi …

Crise climática "implacável" intensificou-se em 2020, diz relatório da ONU

Houve uma intensificação "implacável" da crise climática em 2020, com a queda temporária nas emissões de carbono devido ao confinamento a ter um impacto pouco significativo nas concentrações de gases de efeito de estufa, revelou …

Já se sabe o que causou a misteriosa "tempestade de asma", que vitimou dez pessoas em 2016

Em 2016, na cidade de Melbourne, aconteceu o evento de "tempestade de asma" mais grave do mundo. Os cientistas descobriram agora o culpado. No dia 21 de novembro de 2016, as urgências de um hospital em …

Carlos César reivindica papel do PS na construção da democracia e no combate à corrupção

O presidente do PS defendeu, esta segunda-feira, que se deveu ao seu partido o aprofundamento da democracia e os avanços no combate à corrupção, embora admitindo desvios", "erros" e "omissões num ou outro momento da …