Pinto Luz acusa Centeno de “deixar alçapões no Orçamento do Estado”

José Sena Goulão / Lusa

Miguel Pinto Luz apresenta campanha à liderança do PSD

O candidato à liderança do PSD acusou, esta segunda-feira, o ministro das Finanças de deixar propositadamente “alçapões” nos Orçamentos, procurando esconder e tornar pouco claro aquele documento.

“Já estamos habituados a estas manigâncias do professor Centeno. O professor Centeno deixa estes alçapões nos orçamentos e tem esta forma menos clara de lidar com um documento tão estrutural na vida democrática nacional como é o Orçamento Geral do Estado e isso já estamos habituados”, afirmou Miguel Pinto Luz em declarações aos jornalistas à entrada de um encontro com apoiantes em Vila Nova de Gaia.

O candidato e vice-presidente da Câmara de Cascais comentava as explicações dadas pelo ministro das Finanças que considerou, no Parlamento, “totalmente ilegítima” a dúvida colocada pela Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO) sobre suborçamentação das receitas na proposta do Orçamento do Estado para 2020. Pinto Luz defende que esta não é a primeira vez que Mário Centeno cria estes alçapões de forma propositada.

“Se fosse a primeira vez daríamos o benefício da dúvida. Como não é a primeira vez, não quero acreditar que tenha sido falta de competência, foi propositado o esconder, o tornar pouco claro um documento que devia ser claro, porque no fundo é o documento que rege todo o Estado durante um ano e os portugueses têm o direito de saber a quantas andam e que contas temos e isso é direito inalienável para os portugueses”, defendeu o antigo presidente da distrital de Lisboa do PSD, estrutura a que presidiu entre 2011 e 2017.

Para o candidato à liderança do PSD, este Orçamento tem ainda um outro “alçapão”, agora mais visível devido à crise no Médio Oriente. “O preço do petróleo vai sofrer uma pressão em 2020, mas já aquando da apresentação do Orçamento do Estado, do primeiro documento, já sabíamos que todas as agências internacionais e os analistas apontavam para um valor muito mais elevado do petróleo em 2020. E isso foi escamoteado de alguma forma pelo Partido Socialista”, considerou.

Pinto Luz considera que o PSD não pode estar de acordo com “esta forma pouco clara de fazer política”, defendendo que o partido devia ter “há muito” anunciado o seu voto contra. “Rui Rio teve o tempo que entendeu necessário e suficiente para tomar a sua decisão. Esse não tinha sido o meu timing. (…) Rui Rio entendeu que devia prolongar mais este tabu, o que não é positivo, mas temos de respeitar esse timing”, sublinhou.

O candidato à liderança do PSD lamentou ainda a inexistência de debates televisivos na reta final da campanha, defendo que o PSD e a democracia saem mais pobres e os militantes menos esclarecidos.

“Não foi por nossa causa que não existiram esse segundo e terceiro debates. Foi uma opção dos outros dois candidatos. Hoje com os nossos programas já apresentados tão bom que seria podermos confrontar os vários candidatos com as várias opções. Não podemos fazer. Infelizmente terá de ser nestes debates mais internos que teremos de fazer este confronto de ideias e não aberto a todos os militantes”, concluiu.

Miguel Pinto Luz é candidato às eleições diretas do PSD marcadas para sábado – com uma eventual segunda volta uma semana depois –, que disputará com o atual presidente do PSD, Rui Rio, e com o antigo líder parlamentar Luís Montenegro.

Já com o presidente do partido escolhido em diretas, o congresso do PSD realiza-se entre 7 e 9 de fevereiro, em Viana do Castelo.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O nosso cabelo sabe o que comemos, onde moramos e quanto custou o corte

Milímetro a milímetro, o cabelo constrói um registo da nossa dieta. Como os fios de cabelo são construídos a partir de aminoácidos, preservam os traços químicos da proteína da comida que ingerimos. Os fios de cabelo …

Não foram meteoros. Uma forte atividade vulcânica arrefeceu a Terra há 13 mil anos

Porque é que a Terra arrefeceu repentinamente há 13 mil anos? Sedimentos antigos encontrados numa caverna no Texas, nos Estados Unidos, parecem ter resolvido este grande mistério. Alguns cientistas acreditam que o fenómeno que arrefeceu repentinamente …

Novo método prevê erupções solares com algumas horas de antecedência

Um novo método capaz de prever explosões solares poderia ajudar a Humanidade a preparar-se contra possíveis desastres causados por este fenómeno explosivo da nossa estrela. As erupções solares são explosões que ocorrem na superfície do Sol …

Mulan a preço premium estreia na Disney+ em setembro

A adaptação live-action de Mulan tem nova data de estreia. O anúncio foi feito pela Disney nesta terça-feira (4). O filme chega à plataforma de streaming Disney+ no dia 4 de setembro, estando disponível em …

Belgas trocam as voltas à pandemia e passam férias nas árvores

Enquanto uns passam o verão em casa, outros atrevem-se a ter uma experiência diferente. Alguns belgas estão a passar as noites de verão pendurados em árvores, em tendas em forma de lágrima. A pandemia de covid-19 …

Máscara inteligente traduz até oito línguas (mas não protege do coronavírus)

Esta máscara inteligente, criada por uma empresa japonesa, consegue traduzir o discurso do seu utilizador em várias línguas (mas, por si só, não o protege do novo coronavírus). Quando a pandemia de covid-19 transformou as máscaras …

Empresa fica com excedente de 40 mil quilos de frutos secos devido à covid-19

A GNS Foods, a empresa que nos últimos 30 anos forneceu os frutos secos à American Airlines, ficou com um excedente de 40 mil quilos por causa de restrições impostas devido à covid-19. Servir frutos secos …

Astronautas da NASA fizeram partidas por telefone para "matar" tempo durante o regresso à Terra

Os astronautas da NASA Bob Behnken e Doug Hurley fizeram algumas partidas por telefone durante o regresso à Terra a bordo cápsula Dragon, da empresa SpaceX de Elon Musk, num voo que foi duplamente histórico. …

Em plena pandemia, há um venezuelano que assegura os funerais no Peru

Ronald Marín é a última esperança para os habitantes de Comas, em Lima. O venezuelano é o único que realiza funerais católicos num cemitério longe do centro da capital, em plena pandemia. Vestido com uma túnica …

Covid-19 pôs mais de um milhão de portugueses em teletrabalho no 2.º trimestre

Um milhão de pessoas esteve em teletrabalho no segundo trimestre, sobretudo devido à covid-19, o equivalente a 23,1% da população empregada, enquanto mais de 600 mil não trabalharam nem no emprego nem em casa. De acordo …