“Pessoas nos estádios e nas discotecas não vai ocorrer nos próximos tempos”

Manuel De Almeida / Lusa

Esta quarta-feira, a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, deu a garantia de que “pessoas nos estádios e nas discotecas não vai ocorrer nos próximos tempos”.

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, disse, esta quarta-feira, que os estádios de futebol e as discotecas e bares terão de esperar mais tempo até poderem ter pessoas a frequentá-los de novo.

Segundo a Renascença, a responsável não apontou qualquer data, mas enquadrou estes dois temas com o movimento de regresso às aulas que acontecerá em massa entre 14 e 17 de setembro. “Pessoas nos estádios e nas discotecas não vai ocorrer nos próximos tempos”, disse a diretora-geral da Saúde, acrescentando ser necessário esperar para ver como “corre a entrada nas escolas“.

Sobre a possibilidade de haver público nos estádios de futebol e pessoas a frequentar espaços de diversão noturna, Graça Freitas disse querer enquadrar o tema numa lógica mais vasta das várias fases da pandemia. “Já tivemos muitas fases nesta epidemia, e estamos agora numa fase diferente.”

A responsável frisou que, neste momento, no período pós-férias, estamos a “caminhar para a normalidade”, mas isso acarreta um conjunto acrescido de riscos. “Mais mobilidade gera mais contatos, e mais contatos mais casos.”

“Faz parte do ciclo da nossa vida social. Por precaução o Governo já tinha acautelado voltarmos à contingência”, referiu. O regresso às aulas é uma das razões para, neste momento, bloquear outras atividades que juntem grupos grandes de pessoas.

Assim, Graça Freitas diz que a opção é ser cauteloso e só abrir quando estiverem sedimentados os resultados do regresso às aulas.

Nas últimas 24 horas, Portugal registou 646 novos casos de covid-19, o maior número de novos casos diários desde 20 de abril. Jamila Madeira, secretária de Estado Adjunta e da Saúde, referiu que este “não é um número que nos deixe felizes nem satisfeitos”, explicando que estará em causa o regresso das férias e a retoma do trabalho.

A secretária de Estado referiu também que, face a esta “realidade de retoma”, está-se “perante um foco sobretudo na transmissão familiar“.

Em relação à suspensão dos testes da fase final da vacina que a AstraZeneca está a desenvolver contra a covid-19, Rui Ivo, presidente do Infarmed, referiu que “a paragem foi feita no sentido de perceber a sua reação” no paciente, que “pode estar relacionada com a administração da vacina ou não”.

“A fase três trata-se de uma fase de ensaios”, pelo que o objetivo é “podermos perceber efetivamente todos os aspetos relacionados com a eficácia da vacina, mas também com a sua segurança”, para se “chegar à etapa final”. No entanto, a vacina só chegará quando houver garantias da sua eficácia e segurança.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Consumo excessivo de álcool afeta o sistema nervoso (e aumenta a ansiedade)

Investigadores do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde concluíram que o consumo repetitivo de álcool afeta diretamente células imunes do sistema nervoso central, que eliminam parte da comunicação entre os neurónios, e provoca o …

Afinal, os tubarões-baleia macho não são os maiores peixes dos oceanos

Um novo estudo revela que, afinal, os tubarões-baleia machos não são os maiores peixes do oceano. As fêmeas crescem continuamente muito depois de os machos pararem, atingindo tamanhos maiores - ainda que demorem mais tempo …

Exército norte-americano usou fundos de emergência covid-19 para comprar armas

O exército dos Estados Unidos utilizou fundos de emergência aprovados pelo Congresso especificamente para combater a covid-19 para comprar armas, denuncia esta semana o jornal norte-americano The Washington Post. O caso remonta a março passado, …

Carpinteiros usam técnica medieval na reconstrução de Notre Dame

A reconstrução de Notre Dame - que se prevê estar concluída no prazo de cinco anos - continua a avançar e os carpinteiros usaram técnicas medievais para erguer uma estrutura na fachada do monumento. A Catedral …

Durante um ano e meio, uma aldeia inteira perdeu a Internet todos os dias à mesma hora (e já se sabe porquê)

Durante 18 meses, os residentes de uma vila no País de Gales perderam a Internet todos os dias à mesma hora. Agora, engenheiros identificaram o motivo: uma televisão em segunda mão que emitia um sinal …

Gado na UE produz 704 milhões de toneladas de CO2 (mais do que todos os transportes juntos)

De acordo com uma nova análise da Greenpeace, animais de criação como vacas, porcos e outros, estão a emitir mais gases com efeito de estufa na Europa do que todos os transportes juntos. Na última década, …

É distraído e está sempre a perder a carteira? A Cashew Smart Wallet é para si

Uma simples carteira pode vir a melhorar os seus dias. A Cashew Smart Wallet é dotada de uma tecnologia de bluetooth que permite proteger os seus bens e ainda o ajuda caso a perca por …

Desportivo das Aves SAD desiste do Campeonato de Portugal

O Desportivo das Aves SAD vai abdicar da participação no Campeonato de Portugal (CdP), após ter falhado as negociações com o Perafita para utilizar as instalações do clube de Matosinhos. "As inscrições fechavam ontem [terça-feira] e …

Celebridades doam dinheiro para pagar dívidas a ex-presos impedidos de votar nos EUA

O bilionário Michael Bloomberg, o cantor John Legend e o basquetebolista LeBron James são algumas das celebridades que estão a doar dinheiro para pagar dívidas de ex-presidiários da Florida, impedidos de votar nas próximas eleições …

No debate sobre o Plano de Recuperação, evocou-se Sócrates e Passos

O líder do PSD questionou o primeiro-ministro se pretende "fomentar o desemprego" com o aumento do salário mínimo. O chefe do Governo manifestou-se "completamente perplexo". Na abertura do debate sobre o Plano de Recuperação e Resiliência, …