PCP levou 46 exigências para continuar em jogo. Já há um valor para o aumento do SMN na calha

Nuno Veiga / Lusa

O secretário-geral do Partido Comunista Português (PCP), Jerónimo de Sousa (E), conversa com o presidente do Grupo Parlamentar do partido, João Oliveira (C), e o deputado António Filipe

Esta quarta-feira, o PCP levou debaixo do braço um longo caderno de encargos para o Orçamento do Estado para 2021. No topo das exigências está o aumento do salário mínimo e, para já, só há uma certeza: os comunistas não se comprometem com qualquer sentido de voto até verem a proposta concreta.

Depois de mais de um mês sem uma reunião com o primeiro-ministro, o secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, encontrou-se esta quarta-feira com António Costa numa reunião em São Bento, à porta fechada. Horas depois, João Oliveira, líder parlamentar comunista, anunciou em conferência de imprensa a longa lista com o caderno de encargos para o OE2021.

“Não é difícil reconhecer que a situação económica e social do país, que enquadra no OE2021, é substancialmente diferente para pior daquela que enquadrou os orçamentos dos últimos anos”, começou por afirmar o representante.

“O PCP exige, por isso, uma resposta com opções políticas claras e decididas em função das soluções que verdadeiramente dão resposta aos problemas nacionais e não em função de critérios impostos ao país pela União Europeia e grupos económicos”, acrescentou.

João Oliveira fez questão de deixar claro que o PCP ainda conta nas contas e não está fora de jogo, deixando o Governo sozinho com o Bloco de Esquerda nas negociações. O caderno de encargos – com 46 propostas – é longo e inclui exigências específicas para o Orçamento e medidas para fora dele.

Conforme elenca o Expresso, a lista de exigências para o Orçamento do Estado é coincidente com a que foi anunciada na Festa do Avante! e inclui medidas como o fim dos cortes por lay-off; a suspensão dos despedimentos; a regulamentação do subsídio de risco ou o suplemento salarial para os trabalhadores de serviços essenciais.

Um plano para recuperar os serviços de saúde em atraso; a eliminação de taxas moderadoras; um programa de emprego público com um aumento de 25 mil trabalhadores em 2021; a redução das propinas; o aumento das pensões; ou os avanços na gratuitidade das creches também figuram na lista.

Já fora do Orçamento, os comunistas exigem um aumento geral dos salários e do salário mínimo; a revogação de normas da lei laboral, incluindo a caducidade da contratação coletiva ou os bancos de horas; a contratação de trabalhadores para os serviços públicos ou a recuperação de setores estratégicos para Portugal.

O líder parlamentar explicou que “a avaliação e posicionamento do PCP sobre a proposta do OE2021 serão determinados em função da sua correspondência com essa resposta que é necessária”. “Foram sempre esses os critérios com que interviemos na discussão do OE e serão esses os critérios que coerentemente continuarão a determinar a posição do PCP.”

“Só perante a proposta é que é possível decidir sobre o sentido de voto.” A primeira versão do Orçamento do Estado é entregue no dia 12 de outubro. Até lá, os dias de negociações serão decisivos.

Aumento de 20 euros do salário mínimo

Ainda não há acordo, mas já são conhecidos alguns desenvolvimentos em relação às negociações do OE2021: um deles é o valor colocado em cima da mesa para o aumento do salário mínimo nacional.

O Expresso apurou que a ideia é que este aumento seja próximo dos 20 euros, um valor que a esquerda considera insuficiente. O semanário escreve que o valor pode ser superior, mas que nunca chegará aos 35 euros (o aumento do ano passado).

O Bloco de Esquerda querem que o salário mínimo em 2021 seja de 670 euros (propondo um aumento de 35 euros). Já o PCP inscreveu nas suas prioridades o aumento maior do salário mínimo para 850 euros.

LM, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Teresa Leal Coelho admite processar ex-vereador Fernando Nunes da Silva

A vereadora da Câmara Municipal de Lisboa Teresa Leal Coelho admitiu que poderá vir a processar o antigo vereador Fernando Nunes da Silva, devido às declarações sobre a reposição dos sentidos de circulação na Avenida …

Linha de Fundo: Benfica reforça liderança, mais recados de Conceição, um jardim de infância especial e João “rosa” Almeida

Era uma vez um Clássico... Deu empate o primeiro clássico da época 2020/21. Em Alvalade, Sporting e FC Porto igualaram-se a duas bolas, num jogo que valeu pelas mudanças de resultado, mas que nem sempre foi …

CDS critica PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa

O CDS está "chocado" por a TAP ir abandonar as quatro rotas que opera no Aeroporto Francisco Sá Carneiro e critica o PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa. O …

Contratos de associação dos colégios privados. Ministério da Educação vence todos os 55 processos judiciais

Em todos os 55 processos judiciais que os colégios privados moveram contra o Ministério da Educação em 2016, na sequência da polémica dos contratos de associação, todas as 55 decisões foram favoráveis ao Governo. O jornal …

Famílias numerosas podem pedir desconto no IVA da luz a partir de março

As famílias com cinco ou mais elementos só poderão usufruir da redução do IVA da eletricidade a partir de 1 de março e terão de o requerer junto do seu fornecedor, segundo uma portaria esta …

Vacina da gripe disponível para mais grupos. Farmácias temem não ter stock suficiente

A vacina da gripe está, a partir desta segunda-feira, disponível para mais grupos populacionais com o início da segunda fase da campanha, que estende a vacinação a pessoas com 65 ou mais anos e pessoas …

Franceses em protesto para homenagear professor decapitado. Autoridades procuram radicais islâmicos

Milhares de pessoas reuniram-se no domingo no centro de Paris numa demonstração de repúdio pela decapitação do professor que mostrou aos seus alunos desenhos do Profeta Maomé. Os manifestantes da Praça da República ergueram cartazes onde …

Proud Boys acreditam na vitória de Trump: "Vamos Ganhar". Voto antecipado começa hoje na Florida

O líder do grupo Proud Boys disse à Lusa, durante uma manifestação em Miami, que Donald Trump vai vencer as eleições presidenciais norte-americanas, e rejeitou a acusação de que é dirigente de uma organização extremista. …

Projeto desenvolve testes rápidos de baixo custo para detetar imunidade

Um consórcio de universidades e uma empresa querem desenvolver "testes rápidos e de baixo custo" para detetar a resposta imunitária ao vírus SARS-CoV-2. O projecto TecniCov, que "obteve um financiamento de 450 mil euros da Agência …

"Medo constante". Human Rights Watch denuncia tortura na Coreia do Norte

Uma organização não-governamental denunciou esta segunda-feira que o sistema norte-coreano de detenção pré-julgamento e de investigação é cruel e arbitrário, com ex-detidos a descreverem tortura sistemática, corrupção e trabalhos forçados não-remunerado. No relatório de 88 páginas, …