Pandemia já fez mais de 157 mil mortos (dos quais 100 mil na Europa)

A pandemia causada pelo novo coronavírus já ultrapassou os 157 mil mortos e infetou quase 2,3 milhões de pessoas em todo o mundo desde dezembro, segundo um balanço da agência AFP, às 19:00 de hoje, baseado em dados oficiais.

De acordo com os números recolhidos pela agência noticiosa francesa, estavam contabilizados pelo menos 157.539 óbitos e 2.289.500 casos de infeção em 193 países e territórios desde o início da epidemia do SARS-CoV-2, detetada em dezembro, na China.

No entanto, a AFP realça que o número de casos diagnosticados reflete uma fração do número real de infeções, uma vez que muitos países testam apenas os casos que requerem cuidados hospitalares.

Destes casos, pelo menos 502.600 são agora considerados curados. Desde a contagem de sexta-feira registaram-se 7.613 mortes e 85.045 novos casos em todo o mundo.

Com 100.501 mortes (1.136.672 casos), a Europa é o continente mais afetado pela pandemia de covid-19.  Itália (23.227 mortes) e Espanha (20.043) são os países mais atingidos na Europa, seguindo-se a França (19.323) e o Reino Unido (15.464), refere o balanço da Agência France Presse (AFP) feito às 19:00 (hora de Lisboa).

Os países que registaram mais mortes novas nas últimas 24 horas são os EUA, com 3.084 novas mortes, o Reino Unido (888) e a França (642).

Os EUA, que registaram a sua primeira morte por covid-19 no final de fevereiro, são o país mais atingido, tanto em termos de número de mortes, com 37.659 óbitos em 716.883 casos. Por outro lado, pelo menos 59.984 pessoas foram declaradas curadas.

A China, onde a epidemia começou no final de dezembro, contabilizou oficialmente um total de 82 719 casos (352 novos casos), incluindo 4 632 mortes e 77 029 pessoas recuperadas.

A Ásia contabiliza até agora 6.882 mortos (160.468 casos), o Médio Oriente 5.465 mortos (121.378 casos), a América Latina e Caraíbas 4.384 mortos (92.445 casos), África 1.052 mortos (20.577 casos), e Oceânia 86 mortos (7.835 casos).

Esta avaliação baseou-se em dados recolhidos pelos serviços da AFP junto das autoridades nacionais competentes e em informações da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Portugal, com 687 mortes registadas e 19.685 doentes, é o 16.º país do mundo com mais óbitos e também o 16.º em número de infetados.

Este sábado registaram-se no país mais 663 novos casos do que nas anteriores 24 horas, constituindo um acréscimo de 3,5%, depois de na sexta-feira se ter verificado um acréscimo percentual de apenas 0,96%, com um aumento de apenas 181 casos.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

A maior "cidade-fantasma" da China voltou a florescer (graças à educação)

Kangbashi, na Mongólia Interior, é considerada há muitos anos a maior "cidade-fantasma" da China. Agora, tem muito a agradecer a uma jogada inesperada, mas muito eficaz: o setor da Educação. Há alguns anos que Kangbashi, uma …

Carro da Tesla ajuda o FBI a capturar homem suspeito de atear fogo em igreja

As câmaras de um Tesla ajudaram as autoridades a prender um homem suspeito de atear fogo numa igreja na cidade de Springfield, no estado de Massachusetts. A congregação foi atacada mais de uma vez em …

Destemida e aventureira. Com apenas 18 anos, Simone Segouin ajudou a França a derrotar os nazis

Quando tinha apenas 18 anos, Simone Segouin juntou-se à Resistência Francesa para capturar as tropas nazis, sabotar os planos alemães e lutar contra o fascismo no seu país. Apesar de ter abandonado a escola bastante cedo, …

Orgulho e ciúmes. Corrida armamentista entre Coreias coloca ambiente de paz em risco

A relação entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul é conhecida por ser bastante conturbada, sendo que nos últimos anos já ocorreram alguns incidentes entre os países. Agora, as duas nações peninsulares …

"Estória mal contada": a saída de João Marques do Famalicão

Perto do final do campeonato feminino de futebol, o treinador das candidatas ao título abandona o emblema minhoto. Provavelmente porque vai liderar outra equipa minhota. Adeptos não gostaram. A Liga BPI, a primeira divisão nacional feminina …

Livre cede lugares à IL e ao Volt. Vasco Lourenço fala em "chicana política"

O Livre cedeu, esta quarta-feira, quatro lugares da sua comitiva no desfile que assinala o 25 de Abril à Iniciativa Liberal e ao Volt Portugal, depois da comissão promotora os ter informado de que não …

Pena de morte diminuiu. Execuções globais atingem o número mais baixo numa década

Globalmente, foram executadas 483 pessoas em 2020, o número mais baixo registado pela Amnistia Internacional (AI) numa década, marcando uma redução de 26% em relação a 2019 e 70% comparativamente a 2015. Segundo um artigo da …

Putin avisa que quem ameaçar a Rússia "se irá arrepender como nunca"

O presidente Vladimir Putin emitiu um alerta durante o seu discurso anual ao Governo. O líder frisou que qualquer membro da comunidade internacional que ameace a Rússia "se irá arrepender como nunca se arrependeu antes". O …

Nove anos depois, Bruxelas deixa de monitorizar atividade da CGD

A Direção-Geral da Concorrência da Comissão Europeia (DG Comp) encerrou o processo de monitorização do plano estratégico da Caixa Geral de Depósitos (CGD). "A Caixa Geral de Depósitos, S.A. (CGD) informa que recebeu comunicação da Direção …

Se não fosse o vídeo de Darnella Frazier, "Derek Chauvin ainda seria polícia"

Darnella Frazier, na altura com 17 anos, foi a responsável pelo vídeo que mostra o ex-agente da polícia Derek Chauvin a prender o afro-americano George Floyd, que acabou por não resistir. Esta terça-feira foi um dia …