Países menos corruptos com melhor resposta à covid-19, revela estudo

Minsa

Os países com menos corrupção estão em melhor posição para enfrentar os desafios económicos e de saúde originados pela pandemia do novo coronavírus, segundo um estudo anual divulgado na quinta-feira pela organização Transparency International.

O Índice de Perceção de Corrupção de 2020 – que mede a perceção da corrupção no setor público de acordo com especialistas e empresários -, concluiu que os países que tiveram um bom desempenho investiram mais, forneceram maior cobertura de saúde e “têm menos probabilidade de violar as normas democráticas”, noticiou no domingo o Huffpost.

“A covid-19 não [se trata] apenas uma de crise económica e de saúde. É uma crise de corrupção, que atualmente não conseguimos administrar”, disse a diretora da organização, Delia Ferreira Rubio.



O índice deste ano mostrou que os Estados Unidos (EUA) atingiram uma nova mínima em meio a um declínio constante sob a presidência de Donald Trump, com uma pontuação de 67, numa escala em que 0 é “altamente corrupto” e 100 é o oposto.

“Além de alegados conflitos de interesse e abuso de cargo no nível mais alto, em 2020, a fraca supervisão do pacote de ajuda à covid-19, de 1 bilião de dólares, levantou sérias preocupações e marcou um recuo das normas democráticas de longa data que promovem um governo responsável”, apontou o relatório da organização, sediada em Berlim.

A ligação entre a corrupção e a resposta ao coronavírus pode ser vista em todo o mundo, de acordo com o documento. O Uruguai, por exemplo, obteve 71 pontos – ocupando o 21º lugar da lista -, com um forte investimento em saúde e um sistema de vigilância epidemiológica, que tem ajudado com a covid-19, a febre amarela e a Zika.

Mohammed Saber / EPA

Em contraste, Bangladesh, que obteve 26 pontos e ocupou o 146º lugar na lista, “investe pouco em saúde, enquanto a corrupção floresce durante a covid-19, variando de suborno em clínicas de saúde a ajuda indevida”, referiu o relatório. “A corrupção também é generalizada na aquisição de suprimentos médicos”, acrescentou.

Mesmo na Nova Zelândia, que ficou em primeiro lugar como a nação menos corrupta, com uma pontuação de 88, há espaço para melhorias, observou a Transparency International. “Embora o governo comunique abertamente as medidas e políticas que implementa, é necessária mais transparência em torno das aquisições públicas para a recuperação do covid-19”, escreveu a organização.

No geral, dos 180 países analisados, dois terços pontuaram abaixo de 50, com a pontuação média nos 43.

A Dinamarca e a Nova Zelândia empataram em primeiro lugar como os países menos corruptos, seguidos pela Finlândia, pela Singapura, pela Suíça e pela Suécia (85 pontos), pela Noruega (84), pela Holanda (82) e pela Alemanha e Luxemburgo (80). A Austrália, o Canadá, Hong Kong e a Grã-Bretanha pontuaram 77, ficando no 11º lugar.

A Somália e o Sudão do Sul tiveram os piores resultados (12 pontos), ficando em 179º lugar, atrás da Síria (14), Iémen e Venezuela (15), Sudão e Guiné Equatorial (16), Líbia (17) e Coreia do Norte, Haiti e República Democrática do Congo (18).

Desde 2012, 26 países melhoraram significativamente, incluindo a Grécia, que aumentou 14 pontos para 50, Myanmar, que aumentou 13 pontos para 28, e Equador, que aumentou 7 pontos para 39.

Ao mesmo tempo, 22 países diminuíram significativamente: o Líbano caiu 5 pontos, para 25; o Malauí e a Bósnia e Herzegovina caíram 7 pontos, para 30 e 35, respetivamente.

Taísa Pagno //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. BEM…..POR OS TEMPOS QUE CORREM !…………Há Estudos e Estatísticas mais ou menos credíveis para todos os gostos…é um fartote!…. cada Un que se entenda !

RESPONDER

País de Gales 1-1 Suíça | Desperdício helvético com preço alto

Dois golos nascidos em pontapés de canto ditaram, este sábado, um empate 1-1 entre um País de Gales aguerrido e uma Suíça penalizada pela ineficácia ofensiva, num embate da primeira jornada do grupo A do …

Sesimbra também não avança para a nova fase de desconfinamento

O concelho de Sesimbra não vai avançar para uma nova fase de desconfinamento, ao contrário do que estava previsto, devido ao aumento local de casos de covid-19, disse à agência Lusa o presidente da autarquia, …

Influente bispo alemão não vê "por que não" se pode abençoar casais homossexuais

"Se os homossexuais pedem alguma bênção, por que não?", disse, esta sexta-feira, um bispo alemão que foi recebido pelo papa Francisco no Vaticano, a propósito da delegação da Comissão Episcopal da União Europeia (Comece). Franz-Josef Overbeck, …

Mais 789 novos casos de covid-19 e uma morte em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais uma morte e 789 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 789 novos …

Organização dos Jogos Olímpicos estima cerca de sete casos diários

Os organizadores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020 estimam que haverá cerca de sete casos de covid-19 por dia entre as pessoas envolvidas no evento, disse a emissora pública japonesa NHK. A estimativa foi …

Mais dois militares vão a julgamento por agressões em curso dos Comandos

Estão em causa dois cursos anteriores ao que levou à morte, em 2016, dos recrutas Hugo Abreu e Dylan da Silva. Um dos casos segue já para julgamento, o outro vai para a fase de …

Remodelação à vista (com saídas e trocas de pastas por "um Governo de combate")

O Governo de António Costa tem pela frente um mês de Julho decisivo que ficará marcado pela chegada dos fundos da bazuca europeia. E há dirigentes socialistas que acreditam que o primeiro-ministro deve aproveitar a …

Líderes da UE alertam Londres para respeitar acordo do Brexit

Os líderes da União Europeia (UE) alertaram o Governo britânico, este sábado, que os dois lados devem implementar o acordo do Brexit, numa reunião com o primeiro-ministro britânico à margem da cimeira do G7. A presidente …

Variante Delta está a crescer em Portugal. Lisboa e Vale do Tejo é a região mais afetada

As autoridades de saúde confirmam que já foi detetada, em Portugal, a transmissão comunitária da variante Delta do novo coronavírus. Esse cenário estará a ser mais evidente na região de Lisboa e Vale do Tejo. "Até …

Vírgula permite aos deputados receberem abono de exclusividade mesmo mantendo cargos em empresas

Um parecer da Comissão de Transparência permite aos deputados acumularem funções em empresas enquanto recebem o subsídio de exclusividade na Assembleia da República. Tudo por culpa de uma vírgula que desperta interpretações diversas. A situação é …