Os robôs vão conquistar o mundo e nós seremos suas mascotes

Steve Wozniak, o conhecido co-fundador da Apple juntamente com Steve Jobs, antecipa um futuro controlado pela inteligência artificial e acredita que robôs super-inteligentes vão conquistar o mundo – e manter os humanos como suas mascotes.

“Os robôs vão ser mais inteligentes do que os Humanos, e quando isso acontecer, vão aperceber-se de que precisam de nós”, disse Steve Wozniak a uma audiência de 2.500 pessoas durante a conferência Freescale Technology 2015, em Austin, no Texas, EUA.

Wozniak foi o companheiro de aventura do mítico Steve Jobs, em cuja garagem desenvolveu o protótipo do primeiro computador Macintosh. Wozniak é considerado o verdadeiro “génio tecnológico” por trás do Mac, que Jobs viria a transformar num dos computadores mais populares do mundo.

Segundo o Tech Republic, Wozniak conta que costumava perder o sono perante esta perspectiva, mas que acabou por perceber que “isto acabará por se revelar bom para os humanos”.

“Além disso, os robôs serão tão inteligentes, que perceberão que terão que preservar a Natureza, e manter os Humanos como parte da Natureza”, diz o pioneiro da revolução informática.

The DEMO Conference / Flickr

O futuro já não assusta Steve Wozniak

O futuro já não assusta Steve Wozniak

“Antes de mais, levará centenas de anos até que os robôs possam ter mais inteligência do que os humanos”, diz Woz, “serão necessários muitos anos até que tudo o que nos rodeia seja controlado por computadores e robôs”.

“Isso já está a acontecer, lentamente, com a Internet das Coisas”, acrescenta, “mas na realidade eu quero a Internet das Coisas“.

O futuro já não me assusta“, diz Woz.

Se a “singularidade tecnológica”, o momento em que a inteligência artificial se torna suprema e auto-consciente, já não assusta Wozniak, são muitas as personalidades ligadas às tecnologias que têm manifestado preocupações com o assunto.

O ano passado o conceituado astro-físico Stephen Hawking, considerado um dos mais importantes físicos dos últimos 100 anos,  alertava que a Inteligência Artificial pode destruir a humanidade.

E em fevereiro, Bill Gates, fundador da Microsoft e (às vezes) homem mais rico do mundo, e o visionário Ellon Musk, fundador da Tesla e Space-X, manifestaram a sua preocupação com os avanços com a inteligência artificial.

Entre um futuro apocalíptico em que a Humanidade desaparece, ou um outro alternativo em que seremos bem tratadas mascotes de robôs, Steve Wozniak aposta claramente no segundo.

E é mesmo a pensar nisso, conta Woz, que há alguns anos que apenas dá de comer o melhor bife e carne de galinha ao cão da família.

AJB, ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Observem:- Si a máquina foi feita pelo homem, obviamente está com certeza deverá funcionar através de muitas tecnologias mas, que sem a mão do homem para ligar e controlar a engenhoca todo esforço da criação servirá apenas como atração em museu de ciência.

RESPONDER

Montezemolo revelou o sonho que Ayrton Senna não cumpriu

O antigo presidente da equipa da Ferrari, Luca di Montezemolo, revelou que o seu maior arrependimento foi não ter conseguido levar Ayrto Senna para a equipa. Em 1994, Ayrton Senna morreu de forma trágica quando perdeu o …

Friends: atores já terminaram as gravações do episódio especial

Ainda antes de os talk shows serem suspensos devido à COVID-19, Matt LeBlanc foi um dos convidados do The Kelly Clarkson Show, onde confirmou que as gravações do episódio especial de FRIENDS estavam concluídas. O programa …

YouTube remove vídeos que vinculam falsamente a Covid-19 ao 5G

A onda de teorias falsas que ligam a pandemia da COVID-19 ao 5G levou a uma série de incidentes, incluindo ameaças a engenheiros. Agora, o YouTube está a reprimir essa desinformação. O YouTube informou que removerá …

Engenheiros construiram um ventilador caseiro. Pode servir como "último recurso"

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos, construiu um ventilador caseiro que pode ser usado como último recurso. A pandemia de covid-19 continua a desafiar as comunidades médicas e uma das ameaças …

Sepultura de genocídio encontrada no Ruanda pode conter 30 mil corpos

No Ruanda, foi encontrada uma sepultura que pode conter 30 mil vítimas do genocídio no país em 1994. Cerca de 800 mil tutsis e hutus moderados foram assassinados. Mais de 25 anos depois de um genocídio …

Belenenses SAD entra parcialmente em lay-off

"A indústria do futebol está entre as mais atingidas pelos efeitos da pandemia", que provocou a suspensão de praticamente todas as provas futebolísticas, destaca o Belenenses SAD. O Belenenses SAD, da I Liga de futebol, entrou …

Dois milhões de máscaras furtadas em Espanha podem ter sido vendidas em Portugal

O equipamento médico e sanitário furtado está avaliado em cinco milhões de euros e terá sido adquirido por uma empresa portuguesa que conhecia a proveniência do material. Um empresário de Santiago de Compostela foi detido por, …

Facebook terá tentado comprar um software de espionagem em 2017

O Facebook tem estado envolvido em vários escândalos e o mais recente está relacionado com a alegada compra da ferramenta Pegasus, usada para hackear iPhones. A empresa de segurança informática NSO Group, responsável pela Pegasus, alega …

Primeiro-ministro espanhol diz que coronavírus desafia o futuro da UE. E fá-lo em sete idiomas

O primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez publicou no domingo um artigo em sete idiomas europeus, argumentando que o coronavírus pode ser a ruína da União europeia (UE) caso não sejam tomadas medidas mais drásticas para lidar …

Viseiras de Leiria despertam cobiça. Bélgica e EUA queriam comprar toda a produção

Várias empresas de moldes e plásticos da região de Leiria estão a fabricar viseiras de protecção contra a Covid-19. Uma adaptação em tempos de pandemia que está a levantar atenção no estrangeiro, com EUA e …