Ordem dos Médicos quer alargar proibição de circulação aos dias entre os feriados

José Coelho / Lusa

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães

O Gabinete de Crise para a covid-19 da Ordem dos Médicos está a pedir ao Governo que pondere a possibilidade de manter a proibição de circulação entre concelho nos 12 dias das duas pontes – desde as 23h de 27 de novembro até às 5h de 9 de dezembro.

Este sábado, o Governo anunciou as novas medidas a vigorar a partir de terça-feira, dia em que se renova o estado de emergência, que se inicia às 0h do dia 24 de novembro e termina às 23h59 do dia 8 de dezembro.

O primeiro-ministro anunciou que o país será dividido em quatro zonas de risco e haverá recolher obrigatório e restrições à circulação entre concelhos. Nas vésperas de feriados, as escolas serão fechadas e haverá tolerância de ponto.

Em comunicado citado pelo semanário Expresso, a Ordem dos Médicos (OM) propõe “equacionar a junção dos dois períodos associados aos feriados de 1 e 8 de dezembro, mais concretamente entre as 23h do dia 27 de novembro até às 5 hh de 9 de dezembro, de modo a evitar a circulação entre concelhos, com as exceções previstas, nomeadamente de âmbito profissional e escolar, nos 12 dias das duas pontes dos feriados de dezembro”.

A OM expressa “preocupação pelo aparecimento de sinais crescentes de saturação e fadiga pandémica na população portuguesa e de outros países europeus” e teme uma eventual “menor adesão” às medidas de restrição.

Para a OM, é essencial “reforçar a necessidade de simplicidade, clareza, coerência e uniformidade nas medidas a implementar e no esclarecimento da população, essencial ao seu envolvimento”.

No mesmo comunicado, a OM critica o atual modelo de zonas de diferenciação conforme o nível de risco, dizendo que já deveria ter sido aplicado há vários meses.

A Ordem considera ainda necessário o “reforço de recursos humanos e técnicos” e uma “efetiva coordenação a nível nacional das camas de internamento em enfermaria e medicina intensiva.”

Em relação aos Testes Rápidos de Antigénio (TRAg), a OM diz que deveriam ser usados de forma generalizada nos doentes sintomáticos que recorram às Áreas Dedicadas para Doentes Respiratórios nos centros de saúde, deixando os testes PCR para casos negativos “com forte suspeita clínica.”

Além disso, os testes rápidos ser usados no “rastreio de populações em zonas de risco extremamente elevado (>960) e com variação semanal crescente” de casos”.

Por fim, a OM sublinha que é preciso “impedir a acumulação de mais inquéritos em atraso”. A Ordem diz que o Governo deve reforçar “as equipas no terreno” que estão a fazer inquéritos epidemiológicos “e concentrar os recursos nos novos casos”.

“Relembramos que, para esmagarmos a 2.ª onda e salvarmos a saúde e a economia nacionais, todos, coletivamente, e cada um de nós, individualmente, somos indispensáveis para com serenidade e responsabilidade enfrentarmos e vencermos esta ameaça global”, remata a nota.

  ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

PEV também vota contra o Orçamento do Estado para 2022

O partido ecologista "Os Verdes" (PEV) anunciou, esta segunda-feira, que também vai votar contra o Orçamento do Estado para 2022. Em conferência de imprensa, na Assembleia da República, José Luís Ferreira disse que "o grupo parlamentar …

Governo lamenta decisão do PCP. "Nunca tínhamos ido tão longe como fomos este ano"

O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares reagiu, esta segunda-feira à tarde, na Assembleia da República, ao anúncio de voto contra do PCP ao Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). Na Assembleia da República, Duarte Cordeiro …

Vulcão Cumbre Vieja lança lava, cinzas e fumo em La Palma

Vulcão de La Palma "no auge da atividade". Derrocada parcial do cone revela grande fonte de lava

Uma derrocada parcial do cone do vulcão da ilha de La Palma, nas Canárias, deixou à vista uma grande fonte de lava, segundo o Instituto Vulcanológico das Ilhas Canárias (Involcan). "Estamos no auge da atividade" do …

Presidente recebeu dose de reforço da vacina contra a covid-19 juntamente com a da gripe

O Presidente da República recebeu, esta segunda-feira, a dose de reforço da vacina contra a covid-19, juntamente com a vacina da gripe. "O Presidente Marcelo Rebelo de Sousa recebeu esta tarde o reforço (ou terceira dose) …

PCP duvida do "golpe de asa" do Governo. BE estranha a sua "indisponibilidade"

O Partido Comunista anunciou, esta segunda-feira, que vai votar contra o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) na generalidade, juntando-se ao Bloco de Esquerda. "Não acredito em bruxas (...). Nunca faltámos à chamada e procurámos sempre …

"Ou há Orçamento ou avanço para a dissolução da Assembleia da República", diz Presidente

O Presidente da República afirmou, esta segunda-feira, que irá aguardar até ao último segundo da votação do Orçamento do Estado para 2022 na generalidade e, caso se confirme o chumbo, iniciará logo o processo de …

Portugal regista mais cinco mortes e 313 casos de covid-19

Portugal registou, esta segunda-feira, mais cinco mortes e 313 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 313 novos …

Quase 23 milhões de afegãos vão sofrer insegurança alimentar aguda no inverno

O Programa Alimentar Mundial da ONU alerta para a crise no Afeganistão, afirmando que o país está "entre os piores desastres humanitários do mundo, senão o pior". Cerca de 22,8 milhões de afegãos, mais de metade …

A COP26 ainda não começou, mas parece condenada ao fracasso. Matos Fernandes está "pouco otimista"

Cimeira tem início a 31 de outubro, mas os sinais que chegam não são positivos, com muitos dos líderes e representantes dos principais países a apontar dedos aos que ainda não se comprometeram com metas …

Líder do CDS-PP compara Estado a centro comercial por devolver "míseros cêntimos" do combustível

Líder centrista anunciou que o CDS vai apresentar novamente no Parlamento uma proposta para acabar com o adicional dos produtos petrolíferos — algo que já tinham feito no passado, mas que mereceu o chumbo de …