/

Oficial. António Guterres é candidato a um segundo mandato na ONU

O atual secretário-geral da ONU anunciou, esta segunda-feira, junto das Nações Unidas, a sua candidatura para um segundo mandato de cinco anos para o período de 2022-2026.

Numa conferência de imprensa realizada hoje, o seu porta-voz, Stéphane Dujarric, afirmou que António Guterres indicou à presidência da Assembleia-Geral e do Conselho de Segurança que estava “disponível para um segundo mandato como secretário-geral das Nações Unidas, se essa for a vontade dos Estados-membros”.

A possibilidade de Guterres avançar para um segundo mandato na liderança da ONU tinha sido avançada hoje de manhã por dois diplomatas citados pela agência Bloomberg.

O ex-primeiro-ministro português, de 71 anos, assumiu o cargo de secretário-geral da ONU em janeiro de 2017 para cumprir um mandato de cinco anos, que termina no final deste ano.

Segundo os diplomatas ouvidos pela agência, Guterres decidiu esperar pelos resultados das eleições Presidenciais nos EUA, que deram a vitória ao democrata Joe Biden, antes de tomar uma decisão sobre um segundo mandato (período de 2022-2026).

Guterres fez da mudança climática a sua bandeira principal, pressionando os países a aumentar os seus compromissos para reduzir as emissões de carbono.

  ZAP // Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE