O aperto de mão está em vias de extinção?

Brendan Smialowski / AFP

Vladimir Putin e Joe Biden apertam as mãos na Cimeira EUA-Rússia de Genebra 16 de Junho

O aperto de mão desapareceu quando surgiu a pandemia do novo coronavírus, mas devido à vacinação em massa e ao levantamento progressivo das restrições no Estados Unidos e na Europa, o aperto de mão está de volta. Mas o futuro da tradição é incerto.

Uma das imagens que marcaram o encontro entre o presidente russo Vladimir Putin, e o presente norte-americano Joe Biden, na quarta-feira, em Genebra, foi o seu aperto de mão, tanto pela dimensão diplomática quanto pela questão da saúde.

Este aperto de mão foi marcante uma vez que, uns dias antes, os convidados do G7, em Cornwall, incluindo Biden, se tinham cumprimentado com os cotovelos.

As restrições impostas pela covid-19 foram suspensas em quase todos os estados dos EUA, as recomendações sanitárias estão menos rígidas e não há ordens específicas nas empresas, sendo que cada uma lida com contactos físicos à sua maneira.

Nos EUA, há cada vez mais empresas e órgãos do governo a usar uma pulseira colorida para permitir que funcionários, clientes ou visitantes indiquem o seu grau de abertura para ter contacto físico com alguém, sendo elas vermelha, amarela ou verde, indicando o nível de mais desconfortável ao mais confortável.

Jesse Green, técnico de telecomunicações em Nova York, ainda se recusa a apertar a mão dos seus clientes, limitando o gesto a pessoas que sabe que foram vacinadas.

O abraço é comum entre os americanos, mas hoje em dia essa prática tem vindo a tornar-se menos comum. Também a tradição do beijo se perdeu, sendo que este já não era muito habitual nos Estados Unidos.

“Voltar aos velhos costumes não mudará os índices de infeção”, estima Jack Caravanos, professor de saúde pública da Universidade de Nova York (NYU), e lembra que segundo os estudos sobre o vírus, o contacto físico não é a sua principal forma de transmissão.

“Dito isso, sabemos que constipações, gripes e várias outras infeções circulam por meio de contacto físico”, disse Caravanos. “Portanto, eliminar o aperto de mão teria um impacto positivo do ponto de vista de saúde pública”

“Confiança no outro”

Muitos consideram que o aperto de mão é um risco para a saúde pública. A desconfiança pode ser uma moeda comum entre muitos jovens. “Estes são os anos em que as crianças são formadas”, explica uma auxiliar de enfermagem, Andy McCorkle. “Tenho a impressão de que isso vai resolver psicologicamente a necessidade de manter a distância”.

Apertar as mãos é um ritual que os adultos ensinam desde cedo às crianças, diz a socióloga Allen Furr. No entanto, depois de 16 meses traumatizantes, a continuação desta tradição pode ser questionada.

A todas as consequências trazidas pela covid-19, acresce uma tendência de interações menos formais que afetavam o aperto de mão, afirma a socióloga.

A pandemia trouxe a tão conhecida saudação de cotovelo com cotovelo, punho com punho, e até o “namaste” indiano.

Será que o velho aperto de mão irá cair em extinção?

Patricia Napier-Fitzpatrick, fundadora da Escola de Etiqueta de Nova York, não gosta desta opção, e afirma que se perderia muito se desistíssemos de apertar as mãos. “Durante séculos, as pessoas usaram este gesto para mostrar confiança nos outros”.

Nos Estados Unidos, onde a pandemia alimentou a polarização, apertar as mãos também se “tornou uma afirmação ideológica”, um sinal de desafio às restrições de saúde, observa a assistente de enfermagem McCorkle.

Parece assim que, aos tradicionais pins, bandeiras e crachás, se juntaram agora também as pulseiras coloridas como forma de afirmação ideológica.

ZAP // AFP

PARTILHAR

RESPONDER

Estados Unidos e Rússia em diálogo discreto em Genebra para estabilizar relações

Delegações dos Estados Unidos e da Rússia continuaram esta quarta-feira, em Genebra, o diálogo iniciado na mesma cidade pelos respetivos presidentes, Joe Biden e Vladimir Putin, em junho, para discutir a estabilidade estratégica entre as …

Primeira medalha para Portugal nos Jogos Olímpicos

Jorge Fonseca conseguiu a medalha de bronze no judo. Cãibras condicionaram o acesso do português à final. "Quero ser o maior desportista nacional de todos os tempos", comentou. Portugal entrou para a lista de países com …

Marcelo pressiona Governo a virar a página, deixa recado à oposição e passa batata quente a Costa

Marcelo Rebelo de Sousa foi o convidado especial do programa Circulatura do Quadrado. Sem vestir a pele de comentador, o Presidente da República pediu ao Governo um "novo discurso" de transição para o pós-pandemia, uma …

Com as eleições à porta, escolha de listas de candidatos autárquicos cria nova guerra no PS-Braga

O PS-Braga, que já tinha estado em clima de tensão depois da escolha do candidato autárquico Hugo Pires, abre agora uma nova guerra: as listas de candidatos autárquicos não foram votadas. Segundo o Observador, a queixa …

"Príncipes da Torre". Um dos crimes mais misteriosos de sempre pode ter sido resolvido

Novas evidências sugerem que Ricardo III pode mesmo ter ordenado o assassinato de dois príncipes em Inglaterra. É talvez uma das maiores histórias de mistério de assassinato da história britânica — um jovem rei e o …

Vem aí o draft da NBA e Neemias Queta pode fazer história por Portugal

Neemias Queta pode fazer história ao tornar-se o primeiro português a jogar na NBA, a principal liga de basquetebol dos Estados Unidos e do mundo. Nesta madrugada de quinta-feira, dia 29, para sexta-feira, dia 30, a …

Acordo de Concertação prevê licenças e apoios fiscais à formação

Já se conhecem algumas das medidas previstas no Acordo de Formação Profissional e Qualificações, assinado ontem pelo governo, confederações patronais e UGT. O governo, as confederações patronais e a UGT assinaram, esta quarta-feira, o Acordo de …

Relatório do Novo Banco estilhaça PSD. Pinto Luz sai em defesa de Passos Coelho e critica Rui Rio

Esta quarta-feira, Miguel Pinto Luz, vice-presidente da Câmara Municipal de Cascais, deixou duras críticas ao atual líder do PSD depois de o partido ter aprovado o relatório que acusa o Governo de Pedro Passos Coelho …

Cientistas "encontraram" a válvula de Nikola Tesla nos intestinos de tubarões

Cientistas descobriram que os intestinos de tubarões funcionam de forma semelhante à famosa válvula unidirecional de Nikola Tesla, criada há mais de 100 anos. Pela primeira vez, cientistas fizeram exames 3D de intestinos de tubarão para …

Recolher obrigatório, limitação horária nos restaurantes e restrições por concelho podem acabar hoje

Na reunião de terça-feira no Infarmed, os peritos concluíram haver condições para começar a aliviar algumas das medidas restritivas em vigor. Em Conselhos de Ministros, que se irá realizar hoje, o Governo irá definir novas …