Nuno Lopes denuncia que há artistas a passar fome em Portugal

O actor Nuno Lopes considera-se “um privilegiado” nestes tempos de pandemia, numa altura em que se estreou na Netflix com a série “White Lines”, mas denuncia que há artistas em Portugal que “estão em situação de fome”.

Declarações numa entrevista à Rádio Renascença, onde Nuno Lopes lamenta o estado de precariedade permanente do sector artístico português que a pandemia de covid-19 veio agravar.

“A classe cultural em Portugal já é precária desde sempre, pior fica quando há uma crise e quando não temos sequer a condição de intermitentes, como há noutros países”, queixa-se Nuno Lopes, lamentando que os actores e outros artistas não têm “sequer direito a subsídio de desemprego“.

A situação de precariedade “significa, que quando não estão a trabalhar, como agora, porque não podem, não têm como ganhar a vida“, constata o actor.

“Há muitas pessoas da minha classe que estão neste momento em situação de fome, mesmo”, alerta ainda Nuno Lopes que fala de uma “situação horrível”.

O actor que participa na série “White Lines” da Netflix, que estreou nesta sexta-feira, considera-se um “privilegiado” nesta fase. Mas, ainda assim, lamenta que teve de “parar um filme que estava a fazer com o Marco Martins”.

“Voltamos para Portugal e como as condições monetárias que a cultura tem nunca são grandes, estamos neste momento a perceber como é que podemos continuar”, refere o actor, notando que “tinha um outro projecto em França” que também está dependente da reabertura das fronteiras e da “evolução do vírus no mundo”.

“Concursos patéticos do Ministério da Cultura”

A actriz Sandra Faleiro também se queixa da actual situação, referindo-se às “pessoas que já não têm comida no prato” e aos “trabalhadores independentes que trabalham há anos sem condições ou garantias nenhumas”.

As palavras de Sandra Faleiro surgem numa publicação no Instagram, onde critica ainda os “concursos patéticos do Ministério da Cultura nestes tempos de calamidade”.

“Se não se tomarem medidas a sério que tenham uma perspectiva de futuro e que sejam realistas e funcionais”, espera-nos “o vazio”, “sem música, cinema, teatro, dança, literatura, artes plásticas, televisão”, avisa a actriz.

 

ZAP ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Cultura financiada…
    Vão trabalhar para a agricultura ou outro sector primário para saberem o que custa a vida.
    Isto de termos uma aristocracia artística que faz espectáculos sem público, de qualidade duvidosa e “para amigo ver” à conta do contribuinte tem de acabar.

  2. Raoul Solnado : ” Eu sou o único artista da minha Família….os outros são todos pessoas decentes” …… Penso que “passar fome” é uma forma de dizer na realidade ficar sem rendimentos. Existem inúmeras Associações que vão ajudando no que podem (alimentos) por exemplo. Custa-me compreender como é que os “Artistas” e trabalhadores Independentes em geral, não contribuem para nenhum seguro nem nenhuma Associação do seu ramo.

RESPONDER

Presidente da República promulga Carta de Direitos Humanos na Era Digital

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou este sábado a Carta de Direitos Humanos na Era Digital, aprovada em abril na Assembleia da República, segundo uma nota divulgada no site da Presidência. A lei, …

Depois de 17 anos no subsolo, biliões de cigarras vão emergir nos Estados Unidos

Biliões de cigarras vão emergir nos Estados Unidos. O aviso é de um grupo de cientistas que alerta que, dentro de alguns dias ou semanas, as cigarras da Ninhada X vão surgir depois de 17 …

Foguetão chinês regressou à Terra (e a maior parte desintegrou-se)

Um importante segmento do foguetão chinês desintegrou-se este domingo ao reentrar na atmosfera terrestre e caiu no oceano Índico, perto das Maldivas, anunciou a agência espacial da China. "De acordo com o percurso e análise, pelas …

"Se eu encaixar, eu sento-me." Os gatos adoram caixas ilusórias

Qualquer amante de gatos sabe que estes animais têm uma predileção inata por se sentarem em espaços fechados, mesmo que o espaço seja apenas um contorno bidimensional de um quadrado no chão.  Os cientistas analisaram esta …

Jet pack da Marinha britânica. Fuzileiros navais testam macacão Gravity em exercício de embarque

Quem melhor do que as organizações militares para testar e usufruir dos jet packs? A Marinha Real Britânica e os Fuzileiros Navais reais testaram um macacão a jato, desenvolvido pela empresa Gravity Industries. Esta semana, a …

Marés de Júpiter podem ajudar a perceber a história do Sistema Solar

Uma equipa de investigadores detetou uma pequena perturbação gravitacional em Júpiter. A descoberta pode ajudar a investigar o interior do planeta e perceber melhor a história do Sistema Solar. "Se você tentasse mergulhar em Júpiter, nunca …

Em 1925, "O Isolador" prometia bloquear qualquer tipo de distração

Procrastinar foi, é e sempre será um passatempo irresistível. Por isso, nos anos 20, houve quem apresentasse uma solução radical para evitar este problema: "O Isolador". De acordo com o site IFLScience, o chamado "Isolador" foi …

Seca no México revela uma igreja submersa há 40 anos

Uma igreja no estado de Guanajuato, no México, sobrevive entre a água e os peixes, como única testemunha de um povoado inundado por uma barragem há mais de 40 anos. Agora, devido à seca que …

Neymar prolonga contrato com o Paris Saint-Germain até 2025

O avançado internacional brasileiro Neymar renovou contrato com o Paris Saint-Germain até 30 de junho de 2025, informou hoje o tricampeão francês e vice-campeão europeu de futebol. “O Paris Saint-Germain tem o prazer de anunciar que …

Países usaram modelo do queijo suíço para conter a covid-19. Na Índia, alguns "buracos" eram demasiado grandes

A grande maioria dos países adotou a estratégia do queijo suíço para responder à pandemia. Na Índia, os "buracos" eram demasiado grandes em três das camadas mais importantes. Para responder à crise sanitária desencadeada pela covid-19, …