Notre Dame. Vento pode fazer desabar paredes

Christophe Petit Tesson / EPA

Notre Dame está altamente instável. Um perito da Universidade de Versalhes defende que o restauro tem de atender à estrutura geral da catedral gótica. 

Notre Dame, na capital francesa, está altamente instável e ventos superiores a 90 quilómetros por hora são suficientes para fazer derrubar as paredes da estrutura, que estão enfraquecidas pelo incêndio que assolou a catedral no dia 15 de abril.

Segundo Paolo Vannucci, engenheiro mecânico da Universidade de Versalhes, as paredes da catedral conseguiam suportar ventos de até 220 quilómetros por hora antes do incêndio. Agora, as paredes correm mesmo o risco de colapsar com ventos de apenas 90 quilómetros por hora, pelo que os peritos reafirmam a urgência de reforçar toda a estrutura do monumento parisiense.

Citado pelo The Art Newspaper, o especialista refere ainda que as pedras através das quais a catedral se aguenta foram enfraquecidas pelo fogo e pela água utilizada no combate. Além disso, a catedral está a ser ameaçada pelos litros de água e chumbo derretido acumulados no telhado.

O telhado de Notre Dame é uma peça fundamental e essencial na estabilidade de todo o monumento, pelo que será preciso tomar medidas o mais rápido possível.

Após o incêndio, vários arquitetos propuseram o restauro de cada um dos elementos da catedral de forma separada. No entanto, ao contrário do que se pensava inicialmente, a estabilidade do monumento depende de vários elementos que, num todo, foram um sistema.

O peso da catedral gótica não é suportado pelas paredes, mas sim pelas colunas interiores que são uma espécie de “exoesqueleto”. Até agora, segundo o Observador, estas estruturas nunca tinham sofrido danos.

Desta forma, a prioridade deve ser fortalecer e restaurar o sistema estrutural de Notre Dame no seu todo. Mas este esforço, que no início ninguém esperava, deverá levar mais tempo do que estava previsto quando o Presidente francês, Emmanuel Macron, anunciou que a reconstrução de Notre Dame estaria finalizada em apenas cinco anos.

Paolo Vannucci acredita que a reconstrução da catedral requer um projeto integrado para toda a estrutura e não a fragmentação ou reconstrução individual das diferentes partes do monumento. Cabe então ao Governo francês decidir se entrega o projeto de restauro a entidades francesas ou se será aberto um concurso para contratar arquitetos estrangeiros.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Ao longo da história, os homens continuam a construir estruturas e prédios monumentais que só dão sarilho, despesa e sofrimento. Não aprenderam com a Torre de Babel, e continuam com a mania das grandezas. Titanic, Torres Gémeas de Nova Iorque, etc. etc. O incêndio de Notre Dame foi mais um aviso de que toda essa monumentalidade arquitectónica é um estorvo ao bem estar da humanidade. Vão gastar milhões a recuperar o templo de uma religião moribunda, quando há tanta gente a passar necessidades.
    Em Portugal, temos o elefante branco do Convento de Mafra. O dinheiro que o palerma do D. João V ali esbanjou poderia muito bem ter sido aproveitado em infraestruturas vitais para o desenvolvimento de Portugal na época: hospitais, escolas, universidades, estradas, pontes, aquedutos, habitação condigna para o povo, etc. Em vez disso, está ali aquele “calhau” (na gíria militar local), que para nada serve, a não ser criar despesa. Não contentes com isso, os nossos governantes continuam a bater na mesma tecla das obras faraónicas e inúteis. Temos Centro Cultural de Belém em Lisboa, Casa da Música no Porto, etc. etc. mais mamarrachos que para nada servem, a não ser criar tachos para os amigos do costume, enquanto o povo é esmagado com impostos.

    • bingo, disse quase tudo, infelizmente este tipo de monumentos é o chamariz de turistas e afins que neste momento está na moda e enfim, sabemos como as cidades são para os receber.

      Investem milhões em sitios onde nunca os irão recuperar apenas para ter quem lhes dê importancia, enquanto isso coisas mais importantes de serem construidas ficam em segundo plano, como sempre.

      Referente ao ponto dos “tachos”, em notre damme foram os mais poderosos a contribuir para o restauro dando milhões pois sabem que isso vai refletir nos impostos, ou até mesmo na sua isenção….aposto q se fosse um meio publico, um hospital, uma escola o que fosse e que houvesse mortos, danos que chegue essas personalides não doavam um tustão.

      Quanto aos “tachos” propriamente falados, aposto que a longo prazo se vai saber que alguma empresa privada fez orçamentos superiores aos necessários e quem pagou foram os particulares que deram “apenas” 100 milhões…é o mundo onde vivemos hoje em dia.

RESPONDER

Espiões podem estar a usar o LinkedIn para recrutar novos contactos

O LinkedIn é uma rede social de negócios, mas espiões podem estar a usá-la para encontrar novos contactos. Os espiões estarão a usar perfis falsos, gerados por inteligências artificial. Apesar de ser uma rede social bem …

Mercado de compras online pode não ser tão lucrativo quanto se pensa (e pode estar perto do fim)

Muitas pessoas provavelmente presumem que as lojas online estão a fazer uma fortuna, mas a realidade é bem diferente. Muitas atividades de comércio eletrónico são, na verdade, não lucrativas. Se as pessoas tivessem que pagar o …

Canábis já era fumada há pelo menos 2.500 anos

Uma descoberta nos túmulos do cemitério Jirzankal, no oeste da China, mostra que os povos que viviam nessa zona montanhosa já queimavam canábis com elevados níveis de THC. Uma equipa de arqueólogos encontrou pequenos artefactos de madeira …

Estado angolano exige 25 milhões de euros ao general Dino

O Estado angolano exige ao general Leopoldino Fragoso do Nascimento, mais conhecido por Dino e um dos homens de confiança do ex-presidente José Eduardo dos Santos, o pagamento de 29 milhões de dólares (25 milhões …

Procuradora dos "Cinco de Central Park" deixa de lecionar Direito após série da Netflix

Elizabeth Lederer, a procuradora principal do caso dos "Cinco de Central Park", que resultou na condenação injusta de jovens negros e latinos por violação, disse que vai deixar de lecionar Direito na Universidade de Columbia, …

A água da torneira de uma cidade americana ficou repentinamente cor-de-rosa

Os residentes de Coal Grove, no Ohio, foram surpreendidos por água cor-de-rosa a sair das torneiras das suas casas. O problema esteve relacionado com uma avaria na bomba da estação de tratamento da água. Nenhum habitante de …

Hospital Pulido Valente sem anestesistas na escala este fim de semana

Médicos do Hospital Pulido Valente, em Lisboa, foram este sábado surpreendidos com a falta de anestesistas na escala deste fim de semana e manifestam preocupação com o impacto da decisão nos doentes internados. O coordenador da …

Na Suécia, há quem tenha "vergonha" de andar de avião

Viajar de avião ou usar outro meio de transporte? Para muitos, essa pergunta vem de um dilema ético, de pessoas preocupadas com o impacto da aviação nas mudanças climáticas. Nenhum país, contudo, levou esse dilema tão …

EUA. Governo separa famílias de imigrantes ilegais e envia as crianças para antiga base militar

O internamento de nipo-americanos durante a Segunda Guerra Mundial sempre permaneceu uma mancha terrível nos livros de história dos Estados Unidos (EUA). Cerca 120 mil pessoas foram mantidas à força em várias dessas instalações entre …

Morreu o cineasta italiano Franco Zeffirelli

O cineasta italiano Franco Zeffirelli morreu, na sua casa, em Roma, aos 96 anos, noticiou este sábado a imprensa italiana. “O desaparecimento ocorreu no final de uma longa doença. O mestre vai descansar no cemitério de …