Nissan cria motor de compressão variável que poderá tornar motores diesel obsoletos

(dr) INFINITI Nissan

O novo Motor VC-T INFINITI Nissan com taxa de compressão variável

O novo Motor VC-T INFINITI Nissan com taxa de compressão variável

O futuro poderá ser eléctrico, mas a indústria automóvel não deixa de ir melhorando a tecnologia dos motores de combustão, e agora a Nissan estreia o primeiro com taxa de compressão variável num modelo de produção.

É normal acontecer que, precisamente nos momentos de transição para uma nova tecnologia, a tecnologia anterior que vai ser tornada obsoleta atinja o pico do seu desenvolvimento.

Por exemplo, nos ecrãs dos televisores, cujo futuro parece pertencer aos OLED, surgem agora e ainda no mercado os melhores LCDs já criados.

Pois agora a Nissan está a fazê-lo com os motores de combustão… e que poderá acabar de vez com a velha questão dos motores a gasolina versus motores diesel.

O novo motor VC-T da Nissan tem apenas 2.0l de cilindrada e 4 cilindros.

Mas graças à sua tecnologia de compressão variável, consegue ter potência e binários idênticos ao motor V6 3.5l, que irá substituir, com consumos bastante mais reduzidos.

O revolucionário motor deverá conseguir atingir performances equivalentes às de um motor 2.0 turbo, com taxa de compressão a oscilar entre 8:1 e 14:1, e o primeiro carro a usá-lo deverá ser o SUV compacto de luxo Infiniti QX50.

O motor é capaz de ajustar a altura alcançada pelos pistões em tempo real, assim podendo ajustar a taxa de compressão (partes de ar para uma de combustível) ao tipo de necessidade: máximo desempenho, ou baixo consumo, dependendo do tipo de condução.

Não menos importante, este motor a gasolina consegue obter binários comparáveis a motores a diesel, mas com muitas menos emissões poluentes – o que acontece num momento crítico, em que o escândalo dieselgate da VW voltou a levantar as questões das emissões dos veículos diesel.

Será sem dúvida uma obra-prima da engenharia mecânica… mas que se arrisca a ter um reinado curto – dependendo do tempo que demorarmos a transitar para os veículos 100% eléctricos.

ZAP / Aberto até de Madrugada

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. A tecnologia de compressão variável já foi desenvolvida à uma boas dezenas de anos atrás!! Pela SAAB SCANIA! Por isso nada de novo, vamos aguardar pela fiabilidade desta nova tentativa. Quanto maior a taxa de compressão maior o rendimento menor o consumo, por isso nesta parte a noticia está correta.

  2. Sim! Carro 100% eletrico que para carregar as baterias ( que para fabricar consomem enormes recursos) usa eletricidade produzida em centrais termoelétricas a diesel, oleo, nuclear e algumas com subprodutos de agricultura intensiva que é uma “maravilha”! Carro elétrico sim mas com eletricidade “elétrica”

  3. “O motor é capaz de ajustar a altura alcançada pelos pistões em tempo real, assim podendo ajustar a taxa de compressão (partes de ar para uma de combustível) ao tipo de necessidade”. Quem foi o cretino que escreveu isto????? Mas a taxa de compressão não é a razão entre o volume varrido pelo êmbolo mais o volume da câmara de combustão e o volume da câmara de combustão??? Que estupidez.

  4. A potência desenvolvida pelo motor é consequência da quantidade de combustível queimado, da quantidade de ar, e das temperaturas da fonte quente e da fonte fria. É evidente que a taxa de compressão influencia a temperatura da fonte quente., pelo que o menor consumo é devido às temperaturas em jogo e o motor não vai cortar na quantidade de combustível, mas vai regular a quantidade de combustível para a potência desejada. A NOTÍCIA CONTINUA A SER ESTÚPIDA E SEM NEXO.

  5. Ao ler os sapientes comentários destes entendidos comentadores, questiono-me, onde andou tanto conhecimento que só agora se revela.
    Infelizmente mesmo com estes eruditos todos continuamos na idade do carvão.
    Oh cara, se é bom no assunto porque não se revelou há mais tempo?…
    Que desperdício…….

RESPONDER

Feitos de estrelas. Os nossos ossos são compostos por estrelas que explodiram

Uma nova investigação concluiu que metade do cálcio do nosso Universo é oriundo de uma supernova rica em cálcio, que explodiu há milhões de anos. O novo estudo, cujos resultados foram esta semana publicados na revista …

"Monarquia criminosa". Parlamento declara Catalunha republicana e não reconhece o rei

O Parlamento catalão aprovou esta sexta-feira uma resolução na qual declara que “a Catalunha é republicana e, portanto, não reconhece nem quer ter um rei”, rotulando a monarquia de “criminosa”. A resolução foi aprovada em sessão …

Novo método deteta metais tóxicos em alimentos e água em apenas algumas horas

Uma equipa de cientistas da Universidade de Joanesburgo, na África do Sul, desenvolveu um método sensível para detetar níveis perigosos de metais pesados em alguns alimentos e água. Os vestígios de metais como chumbo (Pb), arsénico …

Meghan Markle vence primeira batalha judicial contra jornal britânico

A Duquesa de Sussex conseguiu que o Tribunal Superior de Londres optasse por manter anónima a identidade das suas cinco amigas, como parte da ação legal que está a ser levada a cabo. O 39º aniversário …

Cientistas obrigados a rebatizar dezenas de genes humanos. A culpa é do Excel

Só no ano passado, os cientistas viram-se obrigados a mudar os nomes de 27 genes humanos por causa de um erro de leitura do Microsoft Excel. Tal como explica o portal The Verge, que avança …

"Vai continuar a queimar". Covid-19 é mais parecida com um fogo florestal do que com ondas e picos

Com o surgimento do novo coronavírus no mundo, vários especialistas previam que este iria surgir em ondas e picos. Agora a visão de futuro é outra e os especialistas dizem que a pandemia se compara …

Mudanças climáticas podem vir a causar mais mortes do que a covid-19, alerta Bill Gates

  As mudanças climáticas podem custar muito mais vidas nas próximas décadas do que a pandemia do novo coronavírus (covid-19). O alerta é do co-fundador da Microsoft, Bill Gates, que, através de uma reflexão no seu …

Descoberta a primeira disrupção gigante nas nuvens de Vénus

Uma equipa internacional de cientistas, que incluiu um investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), descobriu a "primeira disrupção gigante" nas nuvens de Vénus que tem fustigado as zonas profundas da atmosfera …

TVI aposta em estúdio a Norte. Nuno Santos quer Informação mais ao estilo da SIC Notícias do que da CMTV

O diretor-geral da TVI, Nuno Santos, afirmou, em entrevista ao jornal Público, que a estação de Queluz de Baixo vai apostar num estúdio no Norte, revelando ainda que pretende mudar a Informação do canal mais …

Fair-play financeiro. UEFA mantém restrições ao FC Porto

A UEFA informou, esta sexta-feira, que o FC Porto "cumpriu parcialmente as metas estabelecidas para a época 2019/20" a nível do fair-play financeiro e que vai manter as restrições impostas ao clube azul e branco. "O …