Na Índia, violar confinamento dá castigo: escrever “desculpe” 500 vezes

A polícia de uma cidade no norte da Índia voltou a inovar na punição que aplica aos turistas que violem o confinamento decretado devido à pandemia da covid-19, obrigando-os a escrever 500 vezes “desculpe”.

Dez turistas de Israel, México, Austrália e Áustria foram presos enquanto passeavam pelas ruas de Rishikesh e foram obrigados pela polícia a escrever 500 vezes “Eu não segui as regras de confinamento, desculpe”, contou um agente da polícia.

Desde que o confinamento foi decretado no pais, no final de março, os habitantes só podem sair de casa para comprar medicamentos e bens essenciais.

Desde a utilização de disfarces, como capacetes a imitar a imagem do novo coronavírus, até danças, a polícia indiana tem-se destacado pelas formas imaginativas para fazer aplicar as medidas para combater a pandemia de covid-19.

De acordo com o Straits Times, no domingo, a polícia prendeu nove pessoas que violaram o confinamento depois da mão de um oficial ter sido cortada no distrito de Patiala. O grupo foi parado num veículo num posto de controle e, recusando-se a seguir as instruções, carregou no acelerador e esmagou barricadas de aço. Durante o confronto, um dos membros cortou a mão de um polícia. Mais seis polícias ficaram feridos no ataque.

No início da pandemia, em alguns estados do pais, a polícia chegou mesmo a agredir fisicamente os infratores à bastonada.

O primeiro-ministro indiano Narendra Modi deverá estender a fase de confinamento mais duas semanas para um pais com 1,3 mil milhões de pessoas.

Atualmente, a Índia registou 273 mortes pelo novo coronavírus e tem 8.300 casos de contaminação.

ZAP // Lusa

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …

Agora que a catedral de Notre-Dame está estabilizada, pode dar-se início à reconstrução

Dois anos e meio após o incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, o edifício encontra-se seguro para iniciar o processo de reconstrução, que se espera estar concluído em 2024. Os trabalhos de segurança e consolidação …

Agente de viagens burlou Cristiano Ronaldo em 200 mil euros

Cristiano Ronaldo foi burlado, ao longo de mais de três anos, pela funcionária de uma agência de viagens a quem confiou os seus cartões de crédito e códigos. Jorge Mendes, Gestifute, Nani e Manuel Fernandes …

França diz-se "enganada" pela Austrália após suspensão de contrato de submarinos

Na semana passada, Estados Unidos, Austrália e Reino Unido anunciaram um acordo de defesa que inclui o desenvolvimento de submarinos nucleares na Austrália. O embaixador francês na Austrália, Jean-Pierre Thebault, disse esta segunda-feira que a França …

Sete mortos e 306 infetados nas últimas 24 horas

Portugal registou, esta segunda-feira, 306 novos casos e sete mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal …