Morreu Guilherme Pinto, presidente da Câmara de Matosinhos

(dr) cm-matosinhos.pt

O presidente da Câmara de Matosinhos, Guilherme Pinto

O presidente da Câmara de Matosinhos, Guilherme Pinto

O presidente da Câmara de Matosinhos, Guilherme Pinto, morreu esta madrugada, vítima de doença prolongada, informou o município.

Guilherme Pinto morreu em casa, junto da família e de modo tranquilo, após mais de dois anos de luta contra a doença”, refere o comunicado da autarquia, acrescentando que o velório decorre no salão nobre dos Paços do Concelho a partir das 09h00 de hoje.

O autarca apresentou no início da semana o pedido de renúncia ao mandato, devido ao seu estado de saúde, uma decisão que produziria efeito a partir de 1 de fevereiro.

Na terça-feira, um dia depois de renunciar ao mandato (o terceiro que cumpria), Guilherme Pinto anunciou o seu regresso formal ao PS, que deixou em 2013 para apresentar uma candidatura autárquica independente com a qual venceu as eleições desse ano.

O regresso, explicou, surgiu “em sinal de agradecimento” pelo apoio recebido do partido, “sem trair o estatuto de independente com que se apresentou nas eleições autárquicas de 2013”.

“Isto é algo que só foi possível graças a António Costa e à relação excecional que mantenho com ele”, afirmou Guilherme Pinto, que viu a sua ficha de reingresso assinada pelo próprio secretário-geral do partido e pelo presidente da Federação Distrital do Porto, Manuel Pizarro.

Guilherme Pinto apresentou também o pedido de demissão de diversos cargos que desempenhava, nomeadamente a presidência do Fórum Europeu de Segurança Urbana, a presidência do Conselho de Administração da Rede Europeia das Cidades e Escolas de Segunda Oportunidade e a presidência da Casa da Arquitetura.

O autarca iria encabeçar a Comissão de Honra da candidatura socialista da deputada Luísa Salgueiro à Câmara de Matosinhos.

Vice-presidente da Câmara de Matosinhos desde 2001, Guilherme Pinto apresentou, pelo Partido Socialista, a sua primeira candidatura à liderança da autarquia em julho de 2005, numa altura em que profundas clivagens haviam marcado o PS local.

Nas últimas eleições autárquicas, em 2013, apresentou-se como independente contra o líder da concelhia do PS e presidente da Junta de Freguesia de Matosinhos, António Parada, que também decidiu avançar.

Enquanto candidato independente, acabou por vencer por maioria absoluta as eleições de setembro de 2013, pondo fim àquele que era um bastião socialista há 37 anos.

“Fizemos história”, disse por várias vezes no seu discurso de vitória, referindo que, quando os cidadãos querem, não se fica sujeito “à ditadura dos partidos”.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Nesta hora de dor pelo desaparecimento do seu Presidente Guilherme Pinto, a Câmara Municipal de Matosinhos agradece os solenes votos de condolência e partilhá-los- à com a sua família, estendo os votos a todos os Matosinhenses, membros do Executivo Municipal e da Assembleia Municipal, funcionários e colaboradores da autarquia, empresas municipais e uniões de freguesia.

    • Os nossos sentimentos à família e amigos do dr. Guilherme Pinto. Muito lamentamos o desaparecimento do autarca exemplar da que foi durante um ano a nossa cidade.

RESPONDER

FC Porto castigado com um jogo à porta fechada

O FC Porto foi punido com um jogo à porta fechada, esta sexta-feira, devido a "um ato de ofensa corporal a agente desportivo" na final da Taça de Portugal. A punição aplicada pelo Conselho de Disciplina …

Cientistas condenam teorias da conspiração sobre a origem do surto do coronavírus

Um grupo de 27 cientistas da área de saúde pública condenou, através de um comunicado, o fluxo de histórias e um artigo científico que sigerem que um laboratório em Wuhan, na China, pode ser a …

Saída de juíza dita repetição da fase de instrução do caso Hells Angels

A saída do Tribunal Central de Instrução Criminal (TCIC) da juíza que dirigiu cerca de 40 sessões da instrução do caso Hells Angels vai obrigar à repetição desta fase, revelou à Lusa fonte ligada ao …

Conselho Europeu termina sem acordo sobre Orçamento

O Conselho Europeu extraordinário em Bruxelas consagrado ao orçamento plurianual da União para 2021-2027 terminou, esta sexta-feira, sem acordo. O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, lamentou este desfecho e sublinhou que os líderes dos 27 Estados-membros …

Absolvidos médicos que não detetaram tumor cerebral em jovem de 19 anos

O Tribunal da Relação do Porto absolveu os quatro médicos que não diagnosticaram um tumor cerebral a uma jovem que acabou por morrer. O caso de Sara Moreira, a jovem de 19 anos que morreu com …

Isabel dos Santos está 100 milhões mais "pobre" (e uma das suas empresas em Portugal tenta evitar a falência)

A fortuna de Isabel dos Santos está avaliada em 2,2 mil milhões de dólares, o que a mantém como a mulher mais rica de África, mas a empresária angolana perdeu 100 milhões de dólares em …

Polícia indiana vai proteger Trump com fisgas (por causa dos macacos selvagens)

Polícia armada com catapultas foi designada para proteger o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de macacos selvagens durante a sua visita ao Taj Mahal, na Índia. Entre 500 e 700 macacos rhesus vivem no mausoléu …

Análises negativas a dois passageiros do navio Westerdam que chegaram a Lisboa

Dois residentes em Portugal que eram passageiros do navio MS Westerdam, que esteve atracado no Camboja, foram submetidos a análises laboratoriais para o novo coronavírus e os resultados foram negativos. Num comunicado divulgado hoje no seu …

Morreu o escritor Vasco Pulido Valente

O escritor e cronista morreu, esta sexta-feira, aos 78 anos de idade, em Lisboa. O Público, jornal no qual foi cronista desde a sua fundação, confirmou junto de fonte familiar que Vasco Pulido Valente morreu, esta …

Tribunal autoriza Tesla a derrubar floresta na Alemanha para construir fábrica

A justiça alemã permitiu à Tesla, empresa liderada por Elon Musk, destruir 92 hectares na Alemanha para construir uma fábrica de grandes dimensões. Esta será a sua primeira fábrica na Europa. Como informou o Deutsche Welle, citado …