“Não vale a pena dourar a pílula”. Este é o “pior PSD de sempre”

Tiago Petinga / Lusa

O candidato à liderança do PSD Luís Montenegro considerou, em entrevista ao jornal Sol, que o partido enfrenta a sua “pior fase de sempre”, revelando ainda que já tem em mente o candidato à Câmara de Lisboa para as autárquicas.

“Quando o PSD tem o pior resultado de sempre nas eleições europeias, quando o PSD tem o pior resultado de sempre em eleições legislativas, como é possível desvalorizar essas derrotas? Como é possível ficar satisfeito porque se conseguiu ganhar a uma sondagem? Eu pergunto aos militantes do PSD como é possível termos o nosso partido com esta mentalidade?”, começou por dizer na entrevista esta segunda-feira divulgada pelo Sol.

“Não é possível. O meu PSD não é este. O meu PSD é um PSD que quer ganhar e que quando perde assume a derrota. Não vale a pena dourar a pílula. Nós estamos na pior fase de sempre do PSD. Vou-lhe dizer porquê: (…) não temos a maioria das câmaras em Portugal, não temos a maioria dos deputados no Parlamento Europeu e não temos a maioria dos deputados na Assembleia da República. Procurem na história do PSD uma altura em que isto tenha acontecido tudo em simultâneo”.

O antigo líder parlamentar de Pedro Passos Coelho considerou que o Governo socialista vai durar os quatro anos da legislatura e mostrou-se preparado, caso consiga chegar à cadeira de Rui Rio, para enfrentar quatro anos de oposição.

“É [um tremendo desgaste fazer oposição] em qualquer partido. Mas estou habituado a isso. Seis anos na liderança do grupo parlamentar foi um desgaste a que nunca ninguém tinha sido sujeito no PSD desde o 25 de Abril. E eu estive. Só saí da liderança do grupo parlamentar porque atingi o limite de mandatos. Não tenho nenhum medo de estar quatro anos na oposição. Não tenho nenhum receio de liderar o PSD nestes quatro anos”.

As autárquicas de 2021 e a regionalização

Para as eleições autárquicas de 2021, Luís Montenegro que inverter os números – atualmente, os socialistas têm 159 câmaras, não chegado o PSD às 100.

“Pretendo inverter estes números apresentando candidaturas fortes por todo o país e apostando de uma forma muito clara naquelas que são as câmaras mais relevantes do ponto de vista político e eleitoral, a começar pela Câmara de Lisboa. Temos condições, temos quadros políticos, para poder apresentar uma candidatura vencedora e ganhar as eleições em Lisboa. E acho também que devemos fazê-lo noutras cidades que são igualmente alavancas de representação política autárquica – como o Porto, Coimbra, Gaia, Sintra, Viana do Castelo, Barcelos…”, elencou.

Questionado sobre se já tem um candidato para apontar à Câmara de Lisboa, Montenegro disse que sim, sem adiantar nomes. “Só está na minha cabeça”, disse ao Sol, recusando adiantar se já falou com a pessoa em causa.

Sou contra uma regionalização pensada neste tempo. É completamente anacrónica”, disse quando questionado sobre o que vai propor como deputado sobre o tema.

“A regionalização também é uma forma de descentralização. Vou ser muito direto a responder a essa pergunta. Portugal vive hoje um processo de descentralização de competências da administração central para a administração local e intermunicipal. Não faz sentido confundir esse processo com a criação de um novo patamar de poder como sejam as regiões administrativas”, sustetou.

“Na minha opinião, está fora de hipótese recolocar o tema regionalização em cima da mesa por aquilo que fizemos e estamos a fazer. Agora, o que quero é uma descentralização efetiva, feita com os municípios e não a que se está a tentar implementar contra a vontade dos municípios e sem uma orientação que os portugueses percebam, nomeadamente através da melhor prestação de serviços públicos às populações”.

As eleições diretas para escolher o próximo presidente do PSD realizam-se em 11 de janeiro, com uma eventual segunda volta uma semana depois, e o congresso está marcado entre 7 e 9 de fevereiro, em Viana do Castelo.

O atual líder do PSD, Rui Rio, o vice-presidente da Câmara de Cascais, Miguel Pinto Luz, e Luís Montenegro são os candidato já oficializados à liderança do PSD.

ZAP //

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Este monte-de-estrume-negro, deve estar esquecido dos bons tempos em que o PSD teve grandes líderes como o Marques Mendes, Santana Lopes, Luís Filipe Menezes ou até mesmo o Passos, onde ele conseguiu um manter um excelente tacho e ainda arranjou uns bons negócios para o seu escritório de advogados!…
    Portanto, com ele, ainda há uma boa margem para o PSD piorar…
    Parece que este advogadozeco reles é muito bom nos “ajustes directos::
    “Montenegro faturou 400 mil euros em ajustes diretos de autarquias do PSD”
    jornaleconomico.sapo.pt/noticias/montenegro-faturou-400-mil-euros-em-ajustes-diretos-de-autarquias-do-psd-291620

RESPONDER

Megaoperação de combate à pedofilia detém mais de 30 pessoas

Mais de 30 pessoas foram detidas em onze países no âmbito de uma megaoperação de combate à pornografia infantil realizada pela Europol e pela polícia nacional de Espanha, país onde foram presos mais de metade …

Grandes hotéis acusados de ignorar tráfico sexual. Queixa em grupo relata casos de 13 mulheres

Uma ação judicial deu entrada segunda-feira em Columbus, Ohio, nos Estados Unidos (EUA), com vários grandes grupos hoteleiros a serem acusados de lucrar com o tráfico sexual, ignorando os crimes e os danos nas vítimas. Segundo …

Líder da Birmânia, Suu Kyi, vai a Haia defender o país de acusação de genocídio

A líder birmanesa Aung San Suu Kyi decidiu comparecer perante o Tribunal Internacional de Justiça (TIJ) para defender o seu país da acusação de genocídio contra a minoria muçulmana rohingya, durante uma audiência de três …

Impeachment. Democratas preparam-se para avançar com duas acusações formais contra Trump

Os democratas estarão a planear apresentar esta terça-feira dois artigos de impeachment que acusam Donald Trump de abuso de poder e obstrução do Congresso. De acordo com o jornal norte-americano The New York Times, o Comité …

Esquema de venda de droga na darkweb. Fortuna em bitcoins fica nas mãos do Estado

Pedro e Rita vendiam droga para todo o mundo na darkweb. Agora, a fortuna em bitcoins acabou por ficar nas mãos do Estado. Pedro, um engenheiro informático, e Rita, uma web designer, montaram um esquema para …

CDS e PAN querem regime protetor do denunciante no combate à corrupção

CDS e PAN vão apresentar propostas no combate à corrupção que tem sido discutido desde segunda-feira. Os partidos querem um regime protetor do denunciante. Numa iniciativa de combate à corrupção, o CDS e o PAN vão …

Morreu Marie Fredriksson, vocalista dos Roxette

A cantora sueca Marie Fredriksson, dos Roxette, morreu segunda-feira aos 61 anos, anunciou esta terça-feira a sua manager em comunicado. Marie Fredriksson, vocalista e co-fundadora da banda Roxette, faleceu esta segunda-feira, aos 61 anos. A morte …

Taxa de sucesso no ensino profissional atinge os 63%. É o valor mais alto de sempre

No ano letivo de 2017/2018, 63% dos alunos inscritos no ensino profissional concluíram os seus cursos no tempo previsto, mais dez pontos percentuais do que quatro anos antes, avança o jornal Público. De acordo com um …

Regra para filhos de pais separados em casas alternadas divide partidos

A lei já prevê que os filhos de pais separados possam ficar em residência alternada se o tribunal assim o decidir. Porém, as regras não são claras e vai ser discutida a melhor forma de …

Helicóptero do INEM avariou durante missão. Vítima que ia socorrer acabou por morrer

Um helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), localizado em Loulé, teve uma avaria a meio de uma missão de socorro, sendo obrigado a abortar a viagem que visava ajudar uma mulher de 22 …