Militares viram costas à sua ministra em protesto no aniversário da GNR

António Pedro Santos / Lusa

A ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa (esq.)

Cerca de 30 militares da GNR realizaram, esta quarta-feira, um protesto simbólico contra “os gastos desnecessários com a organização da cerimónia que assinala o 106.º aniversário da corporação”, que decorre na Praça do Império, em Lisboa.

Numa iniciativa conjunta da Associação dos Profissionais da Guarda (APG/GNR) e da Associação Nacional dos Sargentos da Guarda (ANSG), os militares vestidos com camisolas pretas viraram as costas quando o comandante-geral da Guarda Nacional Republicana e a ministra da Administração Interna Constança Urbano de Sousa discursaram, numa ação para protestar contra a atual situação da corporação.

“Numa altura em que falta tudo na GNR, este tipo de cerimónias é excessivo“, disse à agência Lusa o presidente da APG, César Nogueira, sublinhando que são gastos milhares de euros quando é necessário melhorar as condições de serviço e a qualidade de vida dos militares.

Segundo César Nogueira, na GNR “falta tudo”, como meios humanos, veículos, coletes à prova de bala e até mesmo algemas, que tem muitas vezes de ser compradas pelos elementos da corporação.

“Com esta cerimónia, parece que a GNR está bem, mas não está, e nós quisemos assinalar e demonstrar que, de facto, a GNR não está. A realidade da GNR não é, de facto, isto que se viu, este aparato todo. Aquilo que acontece no terreno é o oposto desta cerimónia”, disse aos jornalistas o presidente da associação mais representativa daquela força de segurança, no final da cerimónia.

César Nogueira adiantou que “há várias questões que estão por resolver”, como as promoções, que já deviam ter acontecido no início do ano, e o descongelamento dos índices remuneratórios, “com o Governo a arrastar esta situação para 2020”.

Questionado sobre o motivo pelo qual viraram as costas à ministra da Administração Interna, o presidente da APG afirmou: “nós não virámos as costas à ministra, a ministra é que já nos virou as costas há muito tempo”.

A APG e a ANSG vão também realizar no dia 24 uma manifestação em Lisboa contra o Estatuto Profissional da GNR, que entrou em vigor a 1 de maio.

Para César Nogueira, o estatuto “não veio resolver qualquer problema”, tendo “até agravado alguns deles”.

O presidente da APG afirmou ainda que, entre as principais contestações ao novo estatuto, estão a diminuição dos dias de férias e as promoções por escolha.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. É impressão minha ou nem o cão gosta da Ministra? Eu pessoalmente não desgosto da senhora embora ache que poderia fazer um pouco mais e melhor. Mas não é seguramente das piores deste governo.

Os olhos são (mesmo) o espelho da alma. Estudo revela que experiências traumáticas afetam as pupilas

Uma nova investigação acaba de revelar que as pupilas podem revelar se uma pessoa sofreu uma experiência traumática no passado. Recentemente, uma equipa de investigadores da Universidade de Swansea, no Reino Unido, descobriu que as pupilas …

No Japão, é possível contratar um agente privado para sabotar a sua própria relação

Na Terra do Sol Nascente, é possível contratar um agente privado para sabotar a sua própria relação (sem ter de arcar com as culpas). De acordo com a BBC, estes agentes privados chamam-se "wakaresaseya" e têm …

Arqueologia estelar revela restos de antigo enxame globular. É o "último do seu género"

Uma equipa de astrónomos, incluindo Ting Li e Alexander Ji do Instituto Carnegie, descobriu uma corrente estelar composta pelos restos de um antigo enxame globular que foi dilacerado pela gravidade da Via Láctea, há 2 …

Petição para Reino Unido incluir Portugal no corredor aéreo com quase 30 mil assinaturas

O jornal em língua inglesa com maior circulação em Portugal lançou uma petição pela Internet a pedir ao Governo britânico para reconsiderar e incluir Portugal no corredor aéreo com o Reino Unido, já assinada por …

eBussy é o novo elétrico modular que se transforma em 10 carros diferentes

10 em 1. O eBussy, um veículo elétrico projetado pela alemã ElectricBrands, permite variar a carroçaria numa dezena de configurações diferentes. A fabricante alemã ElectricBrands revelou o seu mais recente carro-conceito: o eBussy, um elétrico modular capaz …

República Dominicana nega que Juan Carlos tenha entrado no país

A imprensa espanhola noticiou, esta terça-feira, que o rei emérito de Espanha estaria na República Dominicana, depois de ter anunciado que ia viver para fora. Mas as autoridades deste país negam essa informação. De acordo com …

Fome causada pelo coronavírus mata 10 mil crianças todos os meses

A cada mês que passa, 10 mil crianças morrem devido à fome causada pela pandemia do novo coronavírus. Há ainda 500 mil crianças malnutridas todos os meses. A pandemia do novo coronavírus está a intensificar problemas …

Lava Jato usou os mesmos métodos de espionagem clandestina que o FBI

A operação Lava Jato usou os mesmos métodos de espionagem utilizados por John Edgar Hoover, o temível líder do FBI durante quase 50 anos. Durante quase 50 anos, John Edgar Hoover liderou o FBI, ficando conhecido …

Por três dólares, já é possível comer refeições de avião em casa

A empresa Tamam Kitchen, líder na produção de alimentos para várias companhias aéreas de Israel, decidiu vender ao público e a baixo custo as refeições que habitualmente vende a empresas de aviação e que depois …

Ministério Público está a investigar acidente com Alfa Pendular em Soure

O Ministério Público está a investigar o descarrilamento do comboio Alfa Pendular, em Soure, que, na última sexta-feira, provocou dois mortos, oito feridos graves e 36 feridos ligeiros. Questionada na sexta-feira pela agência Lusa, a Procuradoria-Geral …